Você está na página 1de 22

FEBRE MACULOSA

Zoonose emergente no municpio de So Paulo

Causada por uma bactria do gnero Rickettsia


(Rickettsia rickettsii)

Transmitida por carrapatos


do gnero Amblyomma

A. cajennense
A. cooperi (dubitatum)

A. Aureolatum

FEBRE MACULOSA: TRANSMISSO

Atravs da picada de carrapatos (Amblyomma sp)

Reservatrios naturais: pequenos mamferos silvestres.

Carrapatos: depois de infectados


podem transmitir por toda sua vida
e passar aos seus descendentes

Co: reservatrio domstico em potencial, enquanto que os


eqdeos e capivaras esto envolvidos em algumas
epidemias.

Homem um hospedeiro acidental

FEBRE MACULOSA: TRANSMISSO

FEBRE MACULOSA : SINTOMAS

Febre, mialgia e cefalia;

Nuseas, vmitos, diarria e dor abdominal difusa;

Exantema, sinal bem sugestivo da doena, mais tardio, surgindo


entre o 3 e 5 dia da doena; comea como mculas eritematosas
palmo-plantar bastante tpico da FMB;

bito ocorre cerca de 8 a 15 dias aps o incio dos sintomas.

FEBRE MACULOSA : PREVENO

Evitar contato com animais domsticos e silvestres


em regies reconhecidamente de alta incidncia da
doena e regies de mata;

Se for necessrio entrar em contato com animais


vistoriar o corpo de 3 em 3 horas j que o carrapato
necessita ficar aderido por mais de 4 horas para
transmitir a infeco;

Se necessitar andar em locais de vegetao alta, usar


calas compridas e botas;

No esmagar o carrapato, j que a bactria pode


entrar em algum ferimento do homem.

fmb9815_lpi.pdf

istribuio de casos
confirmados de
Chikungunya importados e
local provvel de infeco,
notificados no estado de
So Paulo, ano 2015
Local provvel de infeco

nmero
de casos

Thaiti
Colombia
capim gross/BA
Paraguai
Venezuela
Feira de Santana/BA
Santa Rita/BA
Serra Preta/BA
Riacho do Jacuipe/Bahia/BR
Ipir/Bahia/BR
monte Santo/Bahia/BR
Salvador/BA
Santo Estevo/BA
Costa do Cacau/BA
Araci/BA
Bahia, sem mun. Determinado
Total
36

Fonte: SINAN NET


- N2015.DBF
Dados sujeitos a
alterao.
Atualizado:
08/09/2015

1
4
1
1
1
3
1
1
2
6
2
6
1
1
3
2