Você está na página 1de 28

|  




Métodos de Controle



demanda dependente
x
demanda independente
!

 àemanda independente:
Ñ Relaciona-se às necessidades por produtos
prontos.

 
  
|  
! " #$%& ' ())*
!

 àemanda dependente:
Ñ Necessidades por componentes e submontagens
que são diretamente dependentes da demanda
pelo produto final no qual são usadas.

 
  
|  
! " #$%& ' ())*
!
+#,%
- ,./0!!1
- !./

!% 
  
|  
! " #$%& ' ())*
!,

 auantidade de pedido fixa:


Ñ Sistema no qual a quantidade de pedido
permanece constante mas o tempo entre os
pedidos varia.

 
  
|  
! " #$%& ' ())*
!,

 heríodo de tempo fixo:


Ñ Sistema no qual o período de tempo entre
pedidos permanece constante mas a quantidade
do pedido varia.

 
  
|  
! " #$%& ' ())*
h  
    

*|
* empo de Reposição
*ote de Encomenda
*    
*Estoque Máximo

%
    
"#2|#"  
"#%"()))
$3

rduas caixas)
   
÷  
 

 



 
    


 
  !
ë      
     

 
  







 
    
     



ë   
  
 


 



ë
    

 
       

   


  
!! ".|#
+0"
|1
   
  

$
r

 %

&

Y"  Y" 

?   
 

 

Y" 
#   

 

!! ".|#
+0"
|1
   
  % & ÷  ?'  

Y 

  


  



   

 


÷? ?     


   !" !# !" $ !

!! ".|#
+0"
|1
"3 

 Exemplos:
Ñ Média móvel
Ñ Média móvel ponderada
Ñ ...
 › ›  
&  › ›  ›? '  ›%  ›

›
› › › › › › › ›
› › 
› 
› › › 
› 
›
› › › ›
› › › ›
› › › › › › › ›
› › › › › › › ›
› › › › › ›  › ›
› › › › › › › ›
› ›  › › › › ›  ›
›  ›  › › › › › ›
› ›  › › › ›  › ›
› ›  › ›  › › › ›
›  › › › › ›  › ›
›› › ›  › › ›  › ›
› › › › › ›  › ›
› › › › › ›  ›  ›
 ›  ›  › › › ›  ›  ›
›  ›  › › › ›  ›  ›
› ›  ›  › › ›  ›  ›
›

!! ".|#
+0"
|1
   
& ÷  ?'  %   3  

 1  . 


 + " +" 2

"()#*+",-)!*",-) *+,-)*,(+)" 

'  .  


' /     
0
!! ".|#
+0"
|1
,$
   
  ÷4 5

3 ÷ ' ÷


o , 
   (+
 o 
 
'
' 
   _ ()* +
6 o -
   .



    

   
 
(


 
 
7' 8 
 
+
 o 2/ )*
6 o /0 (  
 0/1+

  V   V V ð 


!! ".|#
+0"
|1
4|#
,%
/
V  
àS, M.; aNO, N.; CHSE, R.Fundamentos da
administração da produção. horto legre: Bookman, 2001.
àS, Marco . dministração de materiais: uma abordagem
logística. São haulo: tlas, 1993.
 "/
„  
„
   
 


 
 


 

 


  



   




„   
 



 

   
 ÷*   ' ,

!! ".|#
+0"
|1
   
   

(* 7 ?, - 


!! ".|#
+0"
|1
4|#
,%
35"6+
V  
àS, M.; aNO, N.; CHSE, R.Fundamentos da
administração da produção. horto legre: Bookman, 2001.
àS, Marco . dministração de materiais: uma abordagem
logística. São haulo: tlas, 1993.
""7!/
„  
„
   
 


 
 



 

 

!
" 


# 

  



  



  
 $



# %#
 „   
  


& '

 



  
#!/

 O estoque só é contado ao final do período de


revisão;
 Nenhuma contagem ocorre no tempo
intermediário rainda que algumas empresas
tenham criado variações de sistemas que
combinam características de ambos);
 O modelo de tempo fixo tem tipicamente
estoque médio maior;
#!/

 O modelo de tempo fixo também deve


proteger das faltas de estoque durante o
período de revisão;
 Y   
    
    e
existe uma potencial economia de escala
pedindo todos estes itens ao mesmo
tempo;
#!/

 Sistema das revisões periódicas.


Ñ |  
Ñ  quantidade pedida será a necessidade da
demanda do próximo período;
Ñ  dificuldade é a determinação do período
entre revisões;

% +  %


8$#$7+ "#% #
*99:

Interesses relacionados