Você está na página 1de 6

As Trs

Dimenses
do Amor
Pr. Anderson Menger

#AmoraoPrximo

Seara Porto Alegre


Respondeu-lhe Jesus: Amars o Senhor,
teu Deus, de todo o teu corao, de toda
a tua alma e de todo o teu entendimento.
Este o grande e primeiro mandamento.
O segundo, semelhante a este, : Amars
o teu prximo como a ti mesmo.

- Mateus 22:37-39
A primeira dimenso do amor
Amars ao Senhor teu Deus de todo o teu corao, de todas a tua alma e
com todo o teu entendimento. Este o maior de todos os mandamentos

O verdadeiro amor ao Senhor se revela em obedincia e


submisso (conf. Jo 14: 15,23-24).
Mais que um sentimento, amar uma deciso que se expressa em
atitudes prticas. A prova do amor de Deus por ns j foi dada
quando Jesus morreu em nosso favor. Agora, a prova do nosso
amor a Ele tambm tem que ser mostrada e isso no acontece
apenas com palavras ou emoes, mas acima de tudo com
obedincia.
A primeira dimenso do amor
Amars ao Senhor teu Deus de todo o teu corao, de todas a tua alma e
com todo o teu entendimento. Este o maior de todos os mandamentos

O amor que Deus espera de ns tambm intenso e


expressivo (conf. Lc 10:27 e Ap 3:15-16). Ele quer tambm que
haja paixo no que fazemos, intensidade e prazer em estar na
sua presena. Se o Senhor desejasse s obedincia, teria nos
criado sem livre arbtrio, como robs programados para servir.
A segunda dimenso do amor
O mandamento amar ao nosso prximo como a ns mesmos. o amor ao
prximo que chancela ou autentica nosso amor a Deus (conf. I Jo 4:20-21).

A cruz o maior smbolo do Cristianismo. Ele feita por dois


madeiros: um vertical (que representa nossa relao com Deus
) e outro na horizontal (que representa nossa relao com os
homens). Se temos uma experincia com a obra da Cruz,
fomos reconciliados com Deus e com os homens. Nossa f
tem que afetar e santificar nossos relacionamentos, caso
contrrio ser mera religio, vazia.
A terceira dimenso do amor
Pode parecer estranho, mas uma vida crist saudvel nos leva a valorizar quem
somos. O mandamento que amemos ao nosso prximo como a ns mesmos.

Amar a mim mesmo significa aceitar quem sou e como Deus


me criou (Rm 9:20 e Is 43:7). Ele nos fez como somos.
Caractersticas fsicas, de temperamento, intelectuais so natas,
resultado de sua criatividade. Claro que nossas escolhas
interferem, mas devemos entender que Deus nos ama
exatamente com os atributos que temos. Por isso, importante
nos aceitarmos e valorizarmos as virtudes que Ele implantou
em ns.