Você está na página 1de 80

EQUILÍBRIO

QUÍMICO

Prof. Flávia Ferreira


EQUILÍBRIO QUÍMICO

Um equilíbrio químico é a situação em que a


proporção entre as quantidades de reagentes e
produtos em uma reação química se mantém
constante ao longo do tempo.
Foi estudado pela primeira vez pelo químico
francês Claude Louis Berthollet em seu livro
Essai de Statique Chimique de 1803.
CARACTERÍSTICAS DO EQUILÍBRIO

Em sistemas fechados (onde não há troca de matéria) verifica-se que as

reações químicas se tornam reversíveis ( ) em maior ou menor grau,

ou seja, no sentido direto da reação, os reagentes dão origem aos

produtos, e no sentido inverso, os produtos reagem entre si,

reconstituindo os reagentes.
REAÇÕES
- Irreversíveis: consumo total dos reagentes envolvidos ou de pelo

menos um deles.

Ex.: Combustão do propano

- Reversíveis: processa-se simultaneamente nos dois sentidos. Os

reagentes se transformam nos produtos, e estes, à medida que se

formam, regeneram os reagentes iniciais.

Ex.: Síntese da amônia.


REVERSIBILIDADE DE UMA REAÇÃO
EQUILÍBRIO QUÍMICO
EQUILÍBRIO QUÍMICO
EQUILÍBRIO QUÍMICO
EQUILÍBRIO QUÍMICO
EQUILÍBRIO QUÍMICO
Reação predominante: no equilíbrio as concentrações de reagentes e
produtos podem ser iguais ou diferentes.
EQUILÍBRIO QUÍMICO
EQUILÍBRIO QUÍMICO
A situação em que as concentrações de todos os
reagentes e produtos não se alteram com o tempo.
Ou seja, o equilíbrio químico se estabelece quando as
reações opostas avançam com velocidades iguais.
CONSTANTE DE EQUILÍBRIO
CONSTANTE DE EQUILÍBRIO
CONSTANTE DE EQUILÍBRIO
Imaginemos que se tenha a seguinte equação geral de equilíbrio:

Onde, A, B, C e D são as substâncias químicas que reagem, e a, b, c


e d são os coeficientes estequiométricos da equação química da reação.
A constante de equilíbrio (K) pode ser dado pela equação:

: Eq. deslocado p/ direita

: Eq. deslocado p/ esquerda


CONSTANTE DE EQUILÍBRIO
CONSTANTE DE EQUILÍBRIO (Kc) (mol/L)
CONSTANTE DE EQUILÍBRIO (Kc) (mol/L)
CONSTANTE DE EQUILÍBRIO (Kp)
CONSTANTE DE EQUILÍBRIO (Kp)
EXERCÍCIO
EXERCÍCIO
EXERCÍCIO
Exercício 1:
Escreva as expressões das constantes de equilíbrios das seguintes
reações:
GRAU DE EQUILÍBRIO (α) OU GRAU DE
DISSOCIAÇÃO
EXEMPLO
EXEMPLO
INTERPRETAÇÃO DE Kc
INTERPRETAÇÃO DE Kc
Ex. 2
INTERPRETAÇÃO DE Kc
INTERPRETAÇÃO DE Kc
PRINCÍPIO DE LE CHATELIER

Se um sistema em equilíbrio for perturbado por uma alteração da


temperatura, pressão, ou da concentração de um dos componentes,
o sistema deslocará a sua posição de equilíbrio de modo a anular o
efeito da perturbação.
EFEITO DA CONCENTRAÇÃO
EFEITO DA CONCENTRAÇÃO
EFEITO DA CONCENTRAÇÃO
EFEITO DA CONCENTRAÇÃO
EFEITO DA COMCENTRAÇÃO
EFEITO DA TEMPERATURA
EFEITO DA TEMPERATURA
EFEITO DA TEMPERATURA
EFEITO DA PRESSÃO
EFEITO DA PRESSÃO
EFEITO DA PRESSÃO
EFEITO DO CATALISADOR
CONDIÇÃO DE EQUILÍBRIO
COTIDIANO
SOLUÇÕES

MISTURA HETEROGÊNEA
SOLUÇÕES
MISTURA
HOMOGÊNEA Soluto
NaCl

Tem as mesmas
Solvente composições,
Água propriedades e
aparência ao longo
de todo o volume.

AS MISTURAS HOMOGÊNEAS SÃO


CHAMADAS DE SOLUÇÕES.
SOLUÇÕES
CONCENTRAÇÃO

Formas de exprimir a quantidade de soluto dissolvido no solvente.

- Molaridade (M): É o número de moles de soluto por litro de solução.


SOLUÇÕES

Exercício 1:
Qual a massa de soluto para preparar uma solução 1,0 M de
CuSO4(s) em água, utilizando um balão volumétrico de 250 mL.
EQUILÍBRIO IÔNICO

Exercício 2:
Quantos gramas de Na2SO4(s) estão contidos em 15 mL de
Na2SO4(s) 0,5 M (MM, Na2SO4=142 g/mol) ?

Exercício 3:
Qual o volume de solução de Na2SO4(s) 0,5M em 0,038 moles
do sal?

Exercício 4:
Qual a concentração que se obtém pela dissolução de 5 g de
glicose, C6H12O6, em água suficiente para se terem 100 mL de
solução?
SOLUÇÕES
DILUIÇÃO

Adição de solvente para diminuir a concentração de soluto.


Diluir significa acrescentar solvente, e não soluto.

Onde,
SOLUÇÕES

Exercício 5:
Qual o volume que deve ser utilizado de uma solução 1,0 M
de CuSO4(aq), para preparar uma solução 0,1 M num balão
volumétrico de 250 mL.
SOLUÇÕES

Exercício 6:
Qual o volume de H2SO4 (aq) 3,0 M se deve ter para preparar
450 mL de H2SO4(aq) 0,1 M?

Exercício 7:
Quantos mililitros de K2Cr2O7(aq) 5,0 M devem ser diluídos
para preparar 250 mL de solução 0,1 M?
EQUILÍBRIO IÔNICO
É um caso especial de equilíbrio químico em que aparecem íons.
EQUILÍBRIO IÔNICO
- Esta constante de equilíbrio (Kc) recebe o nome de constante de
ionização (Ki) ou constante de dissociação iônica, no caso dos ácidos
(Ka) e no caso das bases (Kb).

- Ki varia com a temperatura.

- Quando a ionização de um eletrólito apresentar várias etapas, temos


para cada etapa uma constante.

- Moléculas de ácidos que tem mais de um H ionizável e passam a ser


chamados de ácidos polipróticos.

- 1H = monoprótico, 2H = diprótico, 3H = tripótico.


EQUILÍBRIO IÔNICO
LEI DA DILUIÇÃO DE OSTWALD
“A uma dada temperatura, o aumento da concentração provoca
diminuição do grau de ionização e, ao contrário, a diminuição da
concentração provoca aumento do grau de ionização”.

- Expressão matemática que relaciona a constante de ionização (Ki) com


o grau de ionização (α) e a concentração molar.

Monoácidos Monobases

Ka α2
α2 Kb = 𝑀
1− α
= 𝑀
1− α
[H+] = αM [OH-] = αM
Monoácido fraco (α < 5%) Monobase fraca (α < 5%)
Ka = α2M Kb = α2M
LEI DA DILUIÇÃO DE OSTWALD
LEI DA DILUIÇÃO DE OSTWALD

Para eletrólitos fracos, nos quais os valores de α são pequenos,


podemos considerar 1 – α como sendo praticamente 1, o que
simplifica a equação de Ostwald para:
LEI DA DILUIÇÃO DE OSTWALD
EQUILÍBRIO IÔNICO DA ÁGUA
EQUILÍBRIO IÔNICO DA ÁGUA
EQUILÍBRIO IÔNICO DA ÁGUA
EQUILÍBRIO IÔNICO DA ÁGUA
pH e pOH
pH e pOH
pH e pOH
INDICADORES
Indicadores ácido-base são substâncias que mudam de cor em certa
faixa de pH, denominada zona de viragem.
INDICADORES
HIDRÓLISE SALINA
HIDRÓLISE SALINA
HIDRÓLISE SALINA
PRODUTO DE SOLUBILIDADE - Kps
- Equilíbrio heterogêneo sólido-líquido existe uma troca constante de
íons entre a solução e o precipitado.
- Este equilíbrio está presente mesmo em soluções envolvendo
compostos insolúveis.
PRODUTO DE SOLUBILIDADE - Kps
PRODUTO DE SOLUBILIDADE - Kps
PRODUTO DE SOLUBILIDADE - Kps
PRODUTO DE SOLUBILIDADE - Kps
Comparação entre S e Kps
Solubilidade (S) Produto de solubilidade (Kps)
É a quantidade da substancia que se É a constante de equilíbrio do processo.
dissolve para formar uma solução saturada. Sólido iônico ↔ íons dissolvidos
Corresponde à concentração de uma
solução saturada
Pode ser expressa em gramas/100g de H2O
ou g/L ou ainda mol/L.
S e Kps variam com a temperatura
PRODUTO DE SOLUBILIDADE - Kps
PRODUTO DE SOLUBILIDADE - Kps
PRODUTO DE SOLUBILIDADE - Kps

Você também pode gostar