Você está na página 1de 30

*

*Todos osmagnetizadores são mais ou


menos aptos a curar?
*Livro dos médiuns cap. XIV /175.
*- Desde que saibam conduzir-se
convenientemente ao passo que nos
médiuns curadores a faculdade é
espontânea, e alguns ate a possuem sem
jamais terem ouvidos falar em
magnetismo. (resposta dos Espíritos)
*
*Trabalha apenas o chakra esplênico,
aplicando passe dispersivo longitudinal por
todos os chakras e dispersivo cruzado ou
transversal comum no esplênico . (Ativante
e Calmante).
*Lembrando que pacientes em estado de
depressão, é um sugador de energia, não
interage, devendo o magnetizador evitar o
contato direto com o paciente, (Tato
magnético).
*
*O paciente já demostra uma melhora no
seu funcionamento fluídico.
*Trabalha junto com o paciente a respiração
diafragmática, e pode fazer tato
magnético trabalhando posteriormente o
centro de força do qual esteja precisando.
Geralmente o cardíaco, gástrico ou
genésico. (são os mais sugados em caso de
depressão).
*Longitudinal ate os pés.
*
*Segue o mesmo padrão do TDM II, porém
pode se trabalhar mais de um centro de
força ou todos eles, inclusive concentrado.
*Segundo estudos recente de Jacob Melo,
em casos de depressão, síndrome do pânico
e ansiedade, além de trabalhar com as
técnicas dos TDM’s, trabalha também com
o centro de força umbilical e seu refluxo
Meng-Mein.
*Termina com passes perpendiculares em
todos os TDM’s.
*
*Para saber se o paciente está apto a passar
para TDM II, coloca uma carga fluídica no
centro de força esplênico e aguarda alguns
minutos, ou ate a próxima sessão do
paciente, caso ele reclame de dores no
local ou relate que durante a semana não
sentiu melhoras; continua no estágio TDM
I.
*Se relatar dores, dispersivos cruzados
resolve.
*

*Carga fluídica no centro de força


esplênico de 3 á 5 vezes, e aguarda.
*Lembrando que se o paciente ainda
estiver congestionado, não poderá
mudar para etapa seguinte.
*Se a rejeição for de imediato,
aplica-se dispersivos cruzados no
esplênico
*O passe é uma transmissão conjunta, ou
mista, de fluídos magnéticos, provenientes
do encarnado e de fluídos espirituais,
oriundos dos benfeitores espirituais, não
devendo ser considerada uma simples
transmissão de energia animal.
(magnetização) – Marta A. Moura – O que é
o passe?/ FEEB
*De uma forma ou de outra, ele atua
como revitalizador, compondo ou
repondo os campos fluídicos perdidos
e/ou descompensados; dispersando
fluídos negativos contraídos,
assimilados, e/ou cultivados; e
auxiliando na cura das enfermidades
de toda ordem, a partir do
reequilíbrio geral. (Jacob Melo –
Cure-se e cure pelo passe.)
*Auxiliar a recuperação de desarmonias
físicas e psíquicas, substituindo os fluídos
deletérios por fluídos benéficos; equilibrar
os funcionamentos das células e tecidos
lesados; promover a harmonização do
funcionamento de estruturas neurológicas
que garantem o estado de lucidez mental e
intelectual do individuo. (Marta A. Moura –
O que é o passe?/FEEB)