Você está na página 1de 35

Caetano Veloso grava vídeo

repreendendo sua própria equipe de


internet por mal uso da crase

1
ORIGEM

A palavra crase é de origem grega (Krásis) e significa


fusão, mistura.

Em gramática, basicamente a crase se refere à fusão


da preposição a com o artigo feminino a:

2
3
CRASE PARA EVITAR A AMBIGUIDADE

Exatamente por essa razão é que assim se escreve:

"Matar à fome" (deixar sem comer) para diferenciar de


"Matar a fome" (dar de comer);

"Receber à bala" (receber atirando) para diferenciar de


"Receber a bala" (ganhar uma guloseima);

"Pintar à mão" (pintar com a mão) para diferenciar de


"Pintar a mão" (passar tinta ou esmalte na mão);

"Cheirar à gasolina" (exalar o cheiro de gasolina) para diferenciar de


4
"Cheirar a gasolina" (aspirar o cheiro da gasolina).
CASOS

5
NOMES DE LOCALIDADES.

• Enviou seus representantes à


Paraíba.
• O avião dirigia-se a Santa
Catarina.

6
PLACAS DE CIDADES
• Bem-vindo a Araguaína.
• Bem-vindo a São Paulo.
• Bem-vindo a Goiânia.
• Bem-vindo à Bahia.
• Bem-vindo à Parabaíba.
• Bem-vindo à Itália.

7
PRONOMES DEMONSTRATIVOS AQUELE(S),
AQUELA(S), AQUILO.

• Enviei convites àquela sociedade.


• Não se refira àquele que não inspira
confiança.
• Depois de todo o terror, assistir àquilo
foi a gota d’água.

8
PALAVRA “DISTÂNCIA”

• Estávamos à distância de dois


quilômetros do sítio.
• A distância, via-se um barco
pesqueiro.

9
PRONOME RELATIVO

Não leve em consideração as atividades às quais todos se


entregam imotivadamente.

Não leve em consideração os projetos aos quais todos se


entregam imotivadamente.

Não me refiro a esta norma, mas à (àquela) que foi objeto de


repúdio.

Não me refiro a este regulamento, mas ao (àquele) que foi


objeto de repúdio. 10
Em locuções prepositivas, adverbiais ou conjuntivas que
tenham como núcleo um substantivo feminino.

Posicionou-se à direita. Locução prepositiva


Locução adverbial de lugar
À custa de
Chegou à noite. À espera de
Locução adverbial de tempo À base de

Ficou à vontade.
Locução adverbial de modo.
Locução conjuntiva
Caminhava à procura do filho.
À medida que
Locução adverbial de finalidade
À proporção que
Escreveu à máquina.
Locução adverbial de instrumento 11
QUANDO A EXPRESSÃO “À MODA DE” ESTIVER
SUBENTENDIDA.

• Ele escreve à Rui Barbosa.

• Talvez amanhã eu coma um tutu à


mineira...

12
Na indicação do NÚMERO DE HORAS, desde que não
venha antecedida por preposição.

• A reunião será às 14 horas.


• A reunião será ao meio-dia.

Na indicação do número de horas, antecedida por


preposição.

• A reunião está marcada para as 14 horas.


• Os convites serão entregues até as 18 horas.
• Os fieis estão lá desde as 11h. Dirigiu-se aos dois meninos
abandonados.
13
• O cantor virá após as 15h30.
• Esperamos a prof. Regina das 14h às 17h.
(esperamos por 03 horas.)

• Esperamos a prof. Regina de 08 a 10h.


(Tempo total de espera)

• O mercado abre de terça a sexta.

• O mercado abre da terça à sexta.

• Horário de atendimento: 09 às 12h.

• Horário de atendimento: das 09 às 12h. 14


ANTES DE NUMERAIS
Normalmente não ocorre crase diante de números cardinais.

Contemos de 1 a 20: um, dois, três,


quatro...

• Lombada a 100 metros.


• Posto de emergência a três quadras daqui.
• Dirigiu-se a duas crianças.
• Chegou-se a 12 propostas.

• De 10 a 20 de maio, ocorrerá o evento.


15
• O evento ocorrerá entre 01/11 a 08/11.
Quando houver, subentendido diante do numeral, um substantivo feminino
definido, que não se repete por questão de estilo:

• Li da página 1 à 10. [da página 1 à página 10]

• Caminhou da rua Augusta à 7 de Setembro. [da rua Augusta à rua 7]

Quando houver explicitamente junto ao numeral um substantivo


feminino determinado (do qual o numeral é apenas um dos
determinativos):

• Dirigiu-se às duas crianças abandonadas.

• Servem café da manhã grátis às dez primeiras pessoas que


aparecem no hotel.

• Chegou-se, dessa forma, às 12 propostas descritas no memorial.

16
Diante de numerais ordinais femininos a crase está confirmada, visto que
estes não podem ser empregados sem o artigo.

As saudações foram direcionadas à


primeira aluna da classe.

17
18
19
QUANDO ESTÁ IMPLÍCITA UMA PALAVRA
FEMININA.

• Esta religião é semelhante à dos


hindus.
• Eu cheguei à Cônego João Lima, mas,
como de costume, ela estava
engarrafadíssima!

20
NÃO EXISTE CRASE, POR QUÊ?

21
• Vende-se a prazo.
• Foi ao Rio de Janeiro a serviço
do Tribunal de Contas da União.

Antes de palavra masculina (o a é apenas uma 22


preposição).
• Ele começou a ter
alucinações.

Antes de verbo. 23
• Levamos a mercadoria a
uma firma.
• Refiro-me a uma pessoa
educada.

Antes de artigo indefinido. 24


• Solicito a Vossa Senhoria.
• Traremos a Sua Majestade, o rei
Hubertus, uma mensagem de paz.
• Eles queriam oferecer flores a você.

Antes de expressão de tratamento introduzida pelos


pronomes possessivos VOSSA ou SUA ou ainda a expressão
VOCÊ.
Obs.: a) Diante de senhora, senhorita e madame,
pode-se utilizar o acento:Entregamos o perfume à
senhora. (ao senhor) …à senhorita Valéria. …à 25

madame.
• Tenho devoção a Santa Maria
Madalena.
• Muito devemos a Teresa de Calcutá.
• Dirigiu-se a santa Rita em oração com
fervor.
Antes de nomes de santas, de Nossa Senhora e de
mulheres célebres.

26
• Não me refiro a esta carta.
• Os críticos não deram
importância a essa obra.

Antes de pronomes demonstrativos: este, esta, esse, essa, 27

isto e isso:
• Dirigiu-se a mim com
ironia.

Antes de pronomes pessoais. 28


• Não conte os segredos a
qualquer pessoa, a alguém
que não mereça confiança.
• A entrada é proibida a toda
pessoa estranha.

Antes de pronomes indefinidos com exceção de OUTRA.

As cartas estavam coladas umas às outras (no masculino, 29

ficaria “os cartões estavam colados uns aos outros”).


• Falei a vendedoras desta firma.

• As normas da instituição dão


garantias a suas colaboradoras.

• Depois do trauma, nunca mais foi


a festas.

Quando o “a” estiver no singular e a palavra seguinte 30

estiver no plural.
• Ela compareceu perante a
direção da empresa.

• Os papéis estavam sob a


mesa.

Quando, antes do “a”, existir preposição. 31


• Dia a dia, a empresa foi
crescendo.

Com expressões repetitivas. 32


Palavra “casa”.

• Chegamos alegres a casa.


• Levaram-me à casa de Lúcia.

33
Palavra “terra”

• Deixei o barco e fui a


terra. (firme)
• Voltei à terra onde nasci.
• Os astronautas retornaram à
Terra.
34
CEGALLA, Domingos Paschoal. Novíssima Gramática da Língua
Portuguesa. São Paulo. 2010.
ANDRADE, Maria Margarida de. Língua Portuguesa: noções básicas
para cursos superiores. São Paulo. 2010.
GOLD, Miriam. Redação empresarial. São Paulo. 2010.
MEDEIROS, João Bosco. Redação empresarial. São Paulo. 2010.
https://www.youtube.com/watch?v=lVEtzc7KG2w
https://www.youtube.com/watch?v=kZVOuC_BGw4
https://www.youtube.com/watch?v=l3RfRtpgB0k

35