Você está na página 1de 15

INSTITUTO MÉDIO POLITÉCNICO GLOBO NZERU

MBAWIRI

Reacções Químicas

Elaboradores:
-Teresa Massango
-Anatércia Rui Djadje
-Jorgina Arone Joaquim Curso : Farmacia – 1º Ano
Disciplina: Quimica Geral
-Paulino Francisco
Docente:
-Linda António Sande Dr. João Saize
1
3/30/2018
INTRODUÇÃO

As reacções químicas estão presentes a todo o


momento nas nossas vidas, e elas começam
dum simples ao mais complexo agir, como
exemplo, temos as reacções que ocorrem no
nosso organismo a título de exemplo o processo
de digestão, a preparação de alimentos até
mesmo o registo fotográfico que funciona com
base da química que é sem dúvidas a ciência do
quotidiano.
2
REACÇÕES QUÍMICAS
Uma reacção química é uma transformação
da matéria na qual ocorrem mudanças qualitativas
na composição química de uma ou mais
substâncias reagentes, resultando em um ou mais
produtos.

Resumidamente pode-se afirmar que uma reacção


química é uma transformação da matéria em que
pelo menos uma ligação química é criada ou
desfeita.
3
Exemplos de Reacções Químicas no dia-a-dia

4
CLASSIFICAÇÃO E TIPOS DAS REAÇÕES QUÍMICAS

Devido à quantidade e variedade de reações


químicas, é necessário fazer sua classificação sobre
diferentes aspectos.
As reações químicas podem ser classificadas
segundo vários critérios:

5
Quanto à variação de complexidade das
substâncias envolvidas:
a) Reações de síntese ou adição: são aquelas em
que duas ou mais substâncias reagem,
produzindo uma única substância mais complexa.
A + B → AB
Ex. A produção de magnésio é um exemplo dessa
reacção, quando o magnésio reage com o oxigénio
do ar:
• 2 Mg(s) + O2(g) → 2 MgO(s)
Essa reacção se faz presente em flashes
fotográficos. 6
b) Reações de análise ou decomposição: são aquelas
em que uma substância se divide em duas ou mais
substâncias de estruturas mais simples.
AB → A + B
Ex. Os airbags são dispositivos de segurança
presentes em vários automóveis. Quando
accionamos esse dispositivo, a rápida decomposição
do composto de sódio NaN3(s) origina N2(g), gás
nitrogénio que faz inflar os airbags.
• 2 NaN3(s) → 3 N2(g) + 2 Na(s)

7
c) Reações de deslocamento ou de substituição ou
de simples troca: quando uma substância simples
reage com uma composta, originando uma nova
substância simples e outra composta.
A + BC → AC + B
• Exemplo:
Quando uma lâmina de zinco, por exemplo, é
introduzida em uma solução aquosa de ácido
clorídrico, vai ocorrer a formação de cloreto de zinco
e o gás hidrogénio vai ser liberado.
Zn (s) + 2 HCl (aq) → ZnCl2(aq) + H2 (g)

8
• d) DUPLA TROCA – é a reacção onde duas
substâncias compostas reagem e trocam seus
elementos, se transformando em duas substâncias
também compostas. O mecanismo é fácil:
• AB + CD → AD + BC

Exemplos:
A reacção entre o ácido sulfúrico com hidróxido de
bário produz água e sulfato de bário.
H2SO4 (aq) + Ba(OH)2 (aq) → 2 H2O(l) + BaSO4(s)

9
Quanto à liberação ou absorção de calor:
a)Reações Exotérmicas: são as que liberam calor.
Exemplo:
• C(s) + O2(g) → CO2(g) + calor

b)Reações Endotérmicas: são as que absorvem calor.


Exemplo:
• N2(g) + O2(g) + calor → 2 NO(g)

10
Quanto à velocidade da reacção:
a) Reacções lentas
Exemplo:
• 4 Fe(s) + 3 O2(g) → 2 Fe2O3(s)
O ferro demora anos para enferrujar.

b) Reacções rápidas
Exemplo:
• C2H5OH(ℓ) + 3 O2(g) → 2 CO2(g) + 3 H2O(g)
O álcool comum queima rapidamente.

11
Quanto à reversibilidade:
a)Reações reversíveis: são as que ocorrem nos dois
sentidos (o que é indicado por duas flechas).
Exemplo:
• H2(g) + I2(g) ↔ 2 HI(g)

b) Reações irreversíveis: são as que ocorrem apenas


num sentido.
Exemplo:
• S(s) + O2(g) → SO2(g)

12
Quanto à variação do Nox dos elementos:
a)Reações de oxi-redução: são aquelas em que
ocorre variação de Nox=Numero de oxidacao de um
ou mais elementos.
Exemplo:
• Zn(s) + Cu+2(aq) → Zn+2(aq) + Cu(s)

b) Reação sem oxi-redução: é aquelas em que não


há variação de Nox de nenhum elemento envolvida
na reação.
Exemplo:
• CaO(s) + CO2(g) → CaCO3(s) 13
CONCLUSÕES

• Chegado a este ponto do trabalho, pode-se dizer que as


reacções acompanham ao Homem desde os tempos
primórdios e que essas são de muita importância no
nosso dia-a-dia até hoje.

• Importa realçar que classificar as reacções químicas não


pode e não deve ser confundida como uma simples tarefa
pois devido à quantidade e variedade de reacções
químicas, é necessário fazer sua classificação sobre
14
diferentes aspectos.
FIM

OBRIGADO PELA ATENÇÃO

15