Você está na página 1de 20

Flor – Morfologia e anatomia

Função

 Estrutura reprodutiva da
planta.

 Gimnospermas: flores
incompletas (não
possuem ovários)

 Angiospermas: flores
completas (com ovário).
Verticilos florais

São 4 verticilos florais:


 Cálice: sépalas
Verticilos protetores
 Corola: pétalas

 Androceu: estames

 Gineceu: carpelos

Todos os verticilos são formados


a partir de folhas modificadas:
os antófilos.
Classificação das flores

Quanto à:
 Semelhança entre cálice e corola;

 Presença de cálice e corola;

 Número de peças por verticilo floral; e

 Presença de verticilos reprodutores.


Semelhança entre cálice e corola

 Perianto: sépalas e
pétalas diferentes;

 Perigônio: sépalas e
pétalas iguais na cor e
no tamanho (chamadas
de tépalas).
Presença de cálice e corola

 Aclamídea: não apresenta


nenhum dos verticilos
protetores.

 Monoclamídea: apresenta
somente o cálice.

 Diclamídea: apresenta ambos


verticilos protetores.
Número de peças por verticilo floral

Trímera: três ou múltiplo de três Tetrâmera: quatro ou múltiplo de


peças em cada verticilo quatro peças em cada verticilo
(Monocotiledôneas) (Dicotiledôneas)

Pentâmera: Cinco ou múltiplo de


cinco peças em cada verticilo
(Dicotiledôneas)
Presença de verticilos reprodutores
Androceu
Peças:

 Filete
 Conectivo
 Antera: produção de grãos de
pólen.

Flores:
- Isostêmones:
n° de estames = n° de pétalas

- Anisostêmones:
n° de estames ≠ n° de pétalas
Grão de pólen
Conectivo

Saco polínico

Grão de pólen
Célula mãe
do micrósporo (2n)
Grãos
de pólen (n)

meiose
Grão de pólen

Poro
Micronúcleo
(Reprodutivo)

intina
exina

Se divide em dois
Macronúcleo
anterozóides.
(Vegetativo)
Gineceu ou Pistilo

 Formado por folhas modificadas


(carpelos);

 Partes:
- Estigma
- Estilete
- Ovário

 Dá origem ao fruto.
Óvulo
 Também denominado megásporo, comporta a oosfera

 Apresenta também outras células:


- Duas sinérgides;
- Três antípodas;
- Dois núcleos polares.
Esta célula diplóide Dois núcleos
sofre meiose uma vez e polares
Mitose duas vezes

óvulo
Saco Oosfera
ovário
embrionário (n)
Estruturas do óvulo
 Tegumento;

 Nucelo: tecido nutritivo do óvulo que


envolve o saco embrionário;

 Saco embrionário: composto por sete


células (oosfera, sinérgides,
antípodas e o mesocisto com 2
núcleos polares);

 Micrópila: abertura superior

 Placenta: local na parede do ovário


em que o óvulo se fixa e por onde a
semente se liga ao fruto.
Polinização

 É a transferência do grão de
pólen até o estigma.
Polinização

 Autopolinização, autogamia ou
polinização direta

 Polinização cruzada, alogamia ou


polinização indireta
Polinização indireta
Quiropterófila

Entomófila

Hidrófila

Ornitófila
Fertilização
 No estigma, o grão de pólen rompe a
exina e forma o tubo polínico.

 O macronúcleo (vegetativo), direciona o


tubo polínico;

 O micronúcleo se divide em dois;

 O tubo polínico penetra pela micrópila


atingindo o saco embrionário;

 Um dos micronúcleos fecunda a


oosfera, o outro fecunda os dois núcleos
polares, originando uma estrutura
triplóide nutritiva, o endosperma.
Endosperma nas Gimnospermas

 É formado antes da fecundação, portanto é


haplóide!!!