Você está na página 1de 31

INTRODUÇÃO A

MOLDES E MATRIZES
{ Curso: Técnico em plásticos
Docente: Alcione Galvão
Alcione O. Galvão
 Mestre em Eng. Mecânica

 Tecnóloga em Materiais

 Contato: (84) 99992-3766 (Whatsapp)


 E-mail: alcionegalvao@gmail.com

Apresentação
 Compreensão de matrizes de extrusão com seus
componentes e aplicações, bem como
compreensão de moldes de injeção com seus
componentes e aplicação.

Ementa
 Orientar o aluno para a aquisição de
conhecimentos básicos sobre materiais metálicos
para moldes e matrizes e para identificar os
elementos que compõem uma matriz, suas
funções, funcionamento geral de uma matriz e
calcular os parâmetros básicos no projeto de uma
matriz.

Objetivo
 Aços para moldes e matrizes e suas aplicações
 Matrizes
 Fundamentos de matrizes
 Principais tipos de Matrizes para extrusão (plana, perfil, filme tubulares e
anelares, multicamada, extrusão de parison e recobrimento de fio)
 Formatos e controles de matrizes
 Equação de Vazão da matriz
 Moldes
 Tipos de Moldes (canais frios, isolados, canais quentes, placas múltiplas,
mandíbula, macho de centro rotativo)
 Sistemas de Canais
 Disposição dos pontos de injeção
 Cavidades por molde
 Dimensionamento dos Canais
 Refrigeração dos Moldes
 Sistemas de Extração

Conteúdo Programático:
 Avaliações escritas, participação dos alunos em
sala de aula e seminários, relatórios das aulas
práticas.

Procedimentos de Avaliação
 CRUZ, Sérgio da. Moldes de injeção: termoplásticos, termofixo,
zamak, alumínio, sopro . Curitiba: Hemus, 2002. 242 p.
 MANRICH, Silvio. Processamento de termoplásticos: rosca única,
extrusão e matrizes, injeção e moldes. São Paulo: Altliber, 2005.
 HARADA, Júlio. M. 2. ed. Moldes para injeção de termoplásticos:
projetos e princípios básicos. São Paulo: Artliber
 SORS, László; BARDÓCZ, László; RADNÓTI, István. Plásticos:
moldes e matrizes. Curitiba: Hemus, 2002. ISBN 85-289-0019-3
 PROVENZA, Francesco. Moldes para plásticos. São Paulo: Pro-Tec,
1985. ca 150 p.
 WIEBECK, Hélio; HARADA, Júlio. Plásticos de engenharia:
tecnologia e aplicações. São Paulo: Artliber, 2005
 DINIZ, Anselmo Eduardo; MARCONDES, Francisco Carlos;
COPPINI, Nivaldo Lemos. Tecnologia da usinagem dos materiais. 6.
ed. São Paulo: Artliber, 2008

Bibliografia
O que é Matriz?

O que é Molde?

Introdução
 Matriz

Introdução
 Molde

Introdução
Por que estudar o

Molde e a Matriz?

Introdução
1. AÇOS PARA MOLDES E
MATRIZES E SUAS
APLICAÇÕES
 O aço é uma liga metálica formada
principalmente de ferro e carbono, possui
maior aplicação que o próprio ferro e pode ser
usado para produzir outras ligas.

O que Aço?
 Segundo a ABNT, os dois primeiros
algarismos designam a classe do aço e os
dois últimos designam a média do teor de
carbono empregado multiplicada por 100.
Exemplo: Aço 1020
 20 → representa o percentual médio de
carbono de 0,20%.
 10 → representa a classe do aço. Aço
carbono.

Descrição dos aços segundo a sua


composição química
 10xx → Aços ao carbono
 11xx → Aços ao enxofre ( ressulfurados)
 12xx → Ressulfurado e refosfatado
 13xx → Aços ao manganês
 14xx → Aços com adição de nióbia
 15xx → Aços ao carbono (Mn entre 1,00 e 1,65%)

 41xx → Aços ao Cromo-molibdênio


 43xx → Aços ao Cromo-níquel-molibdênio
 51xx → Aços ao cromo
 61xx → Aços cromo – vanádio
 86xx → Aços níquel – cromo – molibdênio

Descrição dos aços segundo a sua


composição química
 Aço de baixo teor de carbono – ABNT 1008 a 1010
(Aplicação: Chapas, fios, parafusos, tubos
estirados, produtos de calderaria ...)
 Aço de médio teor de carbono – ABNT 1020 a 1040
(Aplicação: Barras laminas e perfiladas, peças
comuns de mecânica...)
 Aço de alto teor de carbono – ABNT 1050 a 1090
(Aplicação: Peças de grande dureza, ferramentas
de corte, molas trilhos,...)
 Aços especiais ( Aplicação todos os segmentos
industriais, desde a construção civil até a
construção naval, passando pelas indústrias
petrolífera, automobilística e aeronáutica).

Características dos aços ao carbono


 a) Aços Ferramenta para Trabalho a Frio;
 b) Aços Ferramenta para Quente;

 c) Aços para Moldes de Plástico: utilizados em


moldes para injeção, extrusão ou sopro de
polímeros termoplásticos. Nesta classe,
destacam-se as propriedades do aço
ferramenta relacionadas à manufatura do
molde, em termos de usinabilidade,
polibilidade, resposta ao tratamento térmico,
soldabilidade e, para casos de polímeros
clorados, resistência à corrosão.
Os aços ferramenta
 A seleção dos materiais que vão fazer parte de
sua composição e a escolha vai depender do
tipo de peça a ser injetada e do polímero ou
compósito destinados à peça final e da
durabilidade desejada para esse molde.

Aços e ligas
 Tratamentos superficiais

1)Endurecimento (cementação, carbonetação, nitretação,


têmpera).
2)Tratamento da superfície da cavidade (polimento,
cromeação).

 As principais propriedades avaliadas para o metal


exercer adequadamente a função são: resistência à
abrasão, à corrosão, à tração, à pressão, ao revenimento
para trabalho a quente, tenacidade, fácil têmpera, dureza
(a frio e a quente), indeformabilidade, usinabilidade,
facilidade de polimento, soldabilidade.

Aços e ligas
Os aços utilizados na fabricação de moldes devem ser
fáceis de usinar, resistentes às tensões e devem
manter uma dureza superficial adequada que
permita:

 Suportar efeitos de erosão dos materiais


termoplásticos rígidos nas zonas do molde em que
o fluxo é restrito ou obstruído,
 Resistir ao desgaste, especialmente em grandes
produções,
 Manter na superfície um alto grau de polimento,
que facilite a extração do produto e lhe proporcione
um bom acabamento

Aços e ligas
Os principais metais empregados para confecção
de moldes são:
 Aços: diferentes tipos de aços são empregados

para confeccionar as placas fixas e móveis, os


pinos extratores, as placas de extração.
 Aço inoxidável: em partes do molde em que a

condutividade térmica não é crítica;


 Ligas Cu/Be: partes do molde que exigem alta

 Ligas de Zn: moldes para baixa produção.

 Ligas de Al: para testar moldes, moldes para


sopro.
Aços e ligas
Tipos de aços mais empregados - entre os aços,
podemos exemplificar os mais empregados:

AIS1 H13 - aço Cr/Mb/Vd para trabalho a


quente, conservando ótimas propriedades
mecânicas.
P20 - aço Cr/Ni/Mb para usinagem de cavidades,
soldabilidade e facilidade de polimento.
SAE1045 - aço carbono, utilizado nas partes de
porta molde, tem boa usinabilidade e resistência
mecânica, sendo um dos mais utilizados.
Aços e ligas
Componentes do molde Aços recomendados Tratamento Dureza (RC)

Placa fixação inferior e superior


Coluna ou espaçador
Porta extratores
Placa suporte
Anel de centragem ABNT 1020 a 1040 -- --
Placa extratora
Placa de montagem dos postiços
Placa impulsora

Bucha-guia Aço Cromo-Níquel ABNT 3310 Cementado e Temperado 54 a 58

Coluna-guia Aço Cromo-Níquel ABNT 3310 Cementado e Temperado 54 a 58

Bucha de injeção Aço Cromo-Níquel ABNT 3310 Cementado e Temperado 58 a 60

Postiços fêmeas Aço Cromo-Níquel ABNT 9850 Cementado e Temperado 58 a 60

Postiços machos Aço Cromo-Níquel ABNT 9850 Cementado e Temperado 58 a 60

Camisa extratora Aço Cromo-Níquel ABNT 3310 ou Cementado e Temperado 54 a 58


Aço Prata
Pinos extratores Aço Cromo-Níquel ABNT 3310 ou Cementado e Temperado 54 a 58
Aço Prata
Extrator de canal Aço Cromo-Níquel ABNT 3310 ou Cementado e Temperado 54 a 58
Aço Prata
Parafusos limitadores Aço Cromo-Níquel ABNT 3310 ou Cementado e Temperado 50 a 56
Aço Prata
Lâminas extratoras Aço Cromo-Níquel ABNT 3310 ou Cementado e Temperado 50 a 56
Aço Prata
Pinos de retorno Aço Cromo-Níquel ABNT 3310 ou Cementado e Temperado 50 a 56
Aço Prata
 Aspectos básicos que devem ser considerados
em projetos de moldes

Projeto do molde
 Empenamento

Projeto do molde
 Empenamento

Projeto do molde
O Empenamento aparece quando as "tensões
localizadas" do moldado são liberadas por
qualquer energia externa, tais como:

 temperatura elevada de um almoxarifado,


 de um caminhão de transporte e durante o

uso;
 uma pancada por queda;

 o aperto de um parafuso sobre a peça

 e a ação de um produto químico.

Projeto do molde
 Linhas de solda

Projeto do molde
 Chupados e vazios

Projeto do molde
 Fluxo multidirecional

Projeto do molde
 Posição ou localização dos pontos de injeção

Projeto do molde