Você está na página 1de 43

Terapia de

Vidas Passadas
e Vida Afetiva

Camila Sampaio
TVP para vida afetiva
• Solteiros
• Namorados
• Noivos
• Casados
• Viúvos
• Separados
• Traídos
• Problemas
com exs
• Homossexuais
Método
• Indução via imagens
mentais – Hipnose ativa
• Lugar ideal
• Contato com mentor
• Anfiteatro
• Acesso às vidas
• Drenagem de
conteúdos
• Ressignificação
Fatores de vidas passadas para
desarmonia
• 26 fatores
• Importante investigar na
vida atual:
a) Histórico
b) Relacionamento familiar
c) Ideias fixas
d) Padrões de
comportamento
e) Histórico de abuso
sexual
f) Objetivos
1) Traição em vida passada
• Pode gerar ciúmes e
desconfiança sem motivo
• No passado a situação
pode ter sido de traição
exercendo outros papéis:
amigos, sócios, irmãos.
• Omissão – pessoa sendo
prejudicada e parceiro
não faz nada
• Auto-obsessão por
mecanismo de defesa
inconsciente (“Como
assim esse aí?)
2) Abandono
• Não priorizar o amor
por condição social (ex:
pobreza)
• Ter sido largado para
trás (pode ser
distorção)
• “Ficar” X ser desonrada
– antes era vergonhoso
transar e o homem
sumir, hoje é normal –
reaciona trauma
3) Inversão de papel
• Casal foi mãe e
filho/irmãos/amigos etc
• O embaralhamento de
sentimentos sabota a
relação
• Proteção excessiva: mãe
ou pai em vida passada
• Camaradagem excessiva:
irmãos – pode sabotar
vida sexual
4) Amor envolvendo morte
• Um matou o outro e
vieram se resolver
• Sintoma: brigas fortes,
raiva, impotência,
vontade de pular no
pescoço – mais grave:
violência doméstica
• Matar ou morrer: é
melhor não me
relacionar novamente
(amor = morte)
5) Prostituição
• “Love is just a game”
• Amor = vida profissional
• Energia de promiscuidade
ronda a pessoa
• Frieza
• Só atrai mau elemento
• Pessoas só buscam sexo com
ela(e)
• “Beleza física é prejudicial e
vai trazer degradação”
• Sempre a conselheira, nunca a
esposa.
• Relacionamentos destrutivos
sem reação
6) Voto de castidade
• O voto gera energia de
repulsa em relação ao
sexo
• As pessoas não se
aproximam
• Cuidador
• Busca bem da
humanidade
• Se veste discretamente
• É procurado pelos outros
para desabafar
• Isolamento monástico
7) Abuso sexual ou estupro
• Frigidez e impotência
• Sexo como algo
repulsivo e brutal
• Para o estuprador:
culpa
• Sexo traz asco
8) Jura de amor (ou voto de
compromisso)
• “Te amarei para todo
o sempre” – o
inconsciente
interpreta como literal
• Pode gerar travas se o
respectivo está
desencarnado,
encarnado em outro
país, familiar ou em
outro sexo.
9) Mal entendido gerando postulado
• Não ter conhecimento
geral do que aconteceu
e internalizar uma ideia
fixa
• Pode acontecer no
intrauterino
(Netherton)
• Ex: “Não posso confiar
em homens”
10) Corpo físico repulsivo
• Resgate kármico, que
pode ter ocorrido em
vidas passadas e
deixado marcas
• Pode gerar timidez
excessiva e baixa auto-
estima.
11) Mau uso de magia

• “Nuvem negra”
• Arrogância e orgulho
afastam pretendentes
• Pessoas se sentem mal
em sua companhia e
não sabem por que
12) Inversão de polaridade
• Muitas vidas como
homem e encarna
mulher, e vice-versa
• Mesmo hétero, pode
atrair muitos gays
• A energia não é
definida, então gera
conflitos e dificuldade
de aproximação do
parceiro certo
13) Casamentos compulsórios
• A pessoa pode ter sido
obrigada socialmente a
casar no passado, e
hoje quer ser livre –
mesmo
inconscientemente
• Preço da liberdade:
solidão
14) Castração

• O inconsciente pode
ficar com a sensação de
membro faltante.
• Sexo pode ficar
associado com algo
muito doloroso
15) Esterilidade
“Era uma grande vergonha
para a mulher, no
decorrer da história,
não poder engravidar.
Ainda não havia
conhecimento
científico, muitas vezes
o próprio homem podia
ser o estéril – mas a
culpa recaía sobre a
mulher”.
16) Obsessão espiritual
• O obsessor interrompe
essa área da vida para
trazer infelicidade.
• A obsessão também
pode ser indireta,
direcionada ao parceiro
(ou futuro parceiro).
• O casal também pode
ser perseguido por ter
feito coisas ruins juntos.
17) Promiscuidade

• Visão de mundo em
outra cultura
• Ex: sultão
• A pessoa tem vontade
de ter relacionamento
duradouro, mas não
consegue se manter fiel
18) Obsessão por amor
• Pode ser
desencarnado/encarnado
ou entre encarnados
• Uma das partes fica
obcecada e não aceita a
separação, perseguindo a
outra
• Ideia fixa
• Pode acontecer relação
com incorporação, usar o
corpo de alguém
19) Suicídio
• Como a pessoa
abreviou a própria vida,
traz uma carga de
desespero e angústia
que pode prejudicá-la
na vida afetiva.
• Processo de auto
sabotagem, “Tudo vai
dar errado”.
20) Rivalidade
• Pode ser em relações
não conjugais
• Disputa de poder gera
energia de briga e
rivalidade.
• Pode causar
dificuldades sexuais
também: dormindo
com o inimigo
21) Situação de prisão ou coerção
• Fica a sensação de que
sexo é algo escravizante
ou coercivo,
especialmente se
associado à escravidão
literal
• A pessoa fica
continuamente
buscando a liberdade.
22) Isolamento excessivo

• Uma pessoa que fez


muito mal a outras no
passado em termos de
relacionamento pode
cair no contra-padrão
de não se relacionar
com ninguém – o que é
tão doentio quanto
23) Incesto

• Um dos maiores tabus


da humanidade
• Pode ter causado
vergonha e exclusão
social
• O sexo fica associado a
culpa e coisa suja
24) Morte no parto

• Pode trazer dificuldades


para ter filhos e
impotência, com medo
que o mesmo se repita.
• Pode ser a causa de
inseminações artificiais
não darem certo.
25) Problemas em relação à gravidez
• Historicamente a
mulher também era
humilhada e excluída
socialmente se tivesse
algum problema com o
bebê: nascer morto ou
com deficiência.
• Pode gerar a evitação a
ter filhos ou casar
26) Subpersonalidade
• Pendências emocionais
na vida atual podem
gerar dissociações e
travas na vida afetiva
• Abusos, separação dos
pais, bullying (baixa
auto-estima),
abandonos.
Redirecionamentos necessários
• Papel da TVP: identificar
qual(is) dos 26 fatores
está atuando
• Limpeza e
descondicionamento do
passado
• Redirecionamento de
comportamentos na
vida atual
Solteiros
• Não se sabotar
• Frequentar locais
agradáveis e com vibração
elevada
• Tempo para se conhecerem
• Não se deixar levar por
traumas anteriores
• Achar a pessoa certa é uma
série de tentativas e
fracassos
• Não ter expectativas altas
demais
• Manter-se uma pessoa ativa
e interessante
Namorados e noivos
• Avaliar se é a pessoa
certa
• Não arrastar
relacionamento falido por
dó ou carência
• Ver se as diferenças são
conciliáveis
• Impor limites com as
respectivas famílias desde
o começo
• Não idealizar a pessoa
• Não projetar
relacionamentos
anteriores
Casados
• Manter a chama original
• Amar o “pacote” todo
• Respeitar o espaço
• Ter bom relacionamento
com família do cônjuge
• Estabelecer regras de
convivência
• Manter atividades em
comum
• Não deixar que o
relacionamento caia em co-
dependência
• Não tentar controlar o outro
• Confiança
Viúvos
• Avaliar se quer um novo
relacionamento ou não
• Caso sim: sair do
isolamento e desapegar
do cônjuge anterior
• Caso não: não ficar
amargo
• Aceitar a perda
Traídos
• Perdoar ou não? Depende
do contexto:
1) Se foi casual
2) Se foi recorrente
3) Se a pessoa se propõe a
mudar
4) Se a relação é
devidamente cortada
• Caso continuar: resolver
e por pedra sobre o
assunto
Problemas com exs
• Principal:
posicionamento do
cônjuge
• Ex do outro: Tratar com
solidariedade
• Ex próprio: resolver
sentimentos
• Vibrar pela felicidade
Homossexuais
• Perceber se é ou não
• Se for: assumir e
enfrentar
consequencias
• Se não: trabalhar
inversão
• Buscar pessoas afins e
sair do meio promíscuo
“Alma gêmea”
• Existem várias almas
gêmeas
• Importante: se estiver
desencarnado e
harmonizado, vai vibrar
por você
• Desapego
• Nenhum
relacionamento é
perfeito
Sugestão de leitura

www.estantevirtual.com.br
Sugestão de leitura
Harmonização coletiva
Contato
Site
www.terapiadevidaspassadas.net

Blog
www.terapiadevidaspassadas.wordpress.com

Telefone
(11) 9502 2176

E-mail
camilasampaio@yahoo.com.br