Você está na página 1de 176

Localização Brasil

Estrutura Organizacional
Impostos

Nota Fiscal

Livros Fiscais
Estrutura Organizacional

Mandante

Empresa

Filial

Centro

Depósito
Visão Geral IDES Brasil

IDES

7001
IDES Brasil

Filial 7010 Filial 7030

Org. Compras
7001 7030
7010 Rio de
São Paulo Janeiro

0001 ... 0001 ...


0088 0088
Estrutura Organizacional: Empresa
Estrutura Organizacional: Empresa e Filial

Empresa

CNPJ: número que representa a


Empresa e suas Filiais
Localização Física/Domicílio Fiscal
Oito (8) primeiros dígitos do CNPJ
Ligação com Filial (ais)

número de
Exemplo: 12345678 / 0001 - 12 controle

Empresa Filial

Filial
Estrutura Organizacional: Filial

Por que precisamos da Filial ?

Filial
Nota Fiscal

Dependem do número do CNPJ Livros Fiscais

Razão Social
Inscrições Estadual e Municipal
Categoria de Setor (Determinação CFOP)
Múltiplas páginas para Nota Fiscal
Relatórios Legais
Números de Decimais para Cálculo Preço N.Fiscal
Estrutura Organizacional: Filial e Centro

Filial Filial Filial


1000 2000 3000

Centro Centro Centro Centro


1000 1100 2000 3000

Rua A

Rua C
Rua B

Mesmo endereço Endereços diferentes


CBT – Condition-based Tax Calculation

CBT = Cálculo de imposto baseado em condições

O cálculo dos impostos brasileiros é feito com o uso da mesma


interface externa de impostos, porém mais simplificado. Não há
acesso as tabelas de localização.

Baseado em Condition Technique

As informações são armazenadas em condition records


Esquema de Cálculo TAXBRA
Configurações para ativar a TAXBRA

Atribuir
Atribuir país geração das
a esquema condições
de cálculo

Esquema
de cálculo
para CBT
Indicar Esquemas de Cálculo para
Cálculo de Imposto Baseado em Condições

Para
aplicação TX
esquema de
cálculo
TAXBRA

Para
aplicação V
esquema de
cálculo
RVABRA
Transação J1BTAX

Entidades
Cálculo do
imposto
Preparação da
condição
Nota Fiscal
Região Fiscal
Códigos NCM
CFOP
Leis Fiscais
Cálculo do Imposto

Tabelas dos
Impostos Impostos
Valores Propostos: Taxas Impostos
Atualizar Valores IPI
IPI: Atualizar Exceções Dependentes do Material
Atualizar Exceções Dinâmicas IPI
Atualizar Valores de ICMS
Fórmulas para Cálculo do ICMS

Fórmulas

Industrialização PL 100
BC = = = 120,48
1- ( ICMS / 100) 1- ( 17 / 100)

Consumo

BC = PL 100
= = 123,00
1 - (ICMS / 100) (1+ IPI / 100) 1 - ( 17 / 100) (1+ 10 / 100)

Legenda
BC = base de cálculo ICMS = alíquota ICMS
PL = preço líquido IPI = alíquota IPI
ICMS: Atualizar Exceções Dependente do Material
ICMS: Atualizar Exceções Dinâmicas
Atualizar Complemento ICMS (exceções)
Atualizar Valores Substituição Tributária
Atualizar Substituição Tributária (exceções)
Dependentes do Material
Atualizar Exceção Dinâmica da
Substituição Tributária
Atualizar Valores ISS
Atualizar Valores PIS
Atualizar Valores COFINS
Atualizar Registros IRF - I
Atualizar Registros IRF - II
Atualizar Grupos de Impostos
Regra de Acesso

1. Exceções Dependentes do Material

2. Exceções Dinâmicas

3. Valores Normais

4. Valores Propostos – apenas para ICMS, IPI e ISS


Códigos de Impostos MM
Definir Contas de Impostos
Outro País
Migração
Migração – Tabela de Impostos para Condições
Migração – Grupos de Impostos nas
Sequências de Acesso
Atribuição de Nota Fiscal
Atribuição de Nota Fiscal – Valores Fiscais MM
Atribuição de Nota Fiscal – Valores Fiscais SD
Atribuição de Nota Fiscal – Leis Fiscais MM
Atribuição de Condições – Números Internos
Atribuição de Condições – Atribuir Condições a
Códigos Internos
Atribuição de Condições –
Atribuir Tabelas Taxa Imposto / Tabelas Condições
Sequências de Acesso MM
Sequências de Acesso SD
Tipos de Condição MM
Tipos de Condição SD
Procedimento de Cálculo MM
Procedimento de Cálculo SD
Tipos de Imposto
Revisão de Faturas – Categoria de Linha IV
Revisão de Faturas – Condições PO
Relevantes para Nota Fiscal
Administração de Estoques
Derivação de Categoria Nota Fiscal
Administração de Estoques
Cadeias de Contabilização AI
Região
Determinar Estrutura do Domicílio Fiscal
Regiões Fiscais e Região
Código Domicílio Fiscal
Atribuir Códigos Postais aos
Códigos de Domicílio Fiscal
Dados Mestres

Registro Info
Fornecedor

Material
Dados Mestre: Fornecedor

Id Fiscal 1 = CNPJ
Id Fiscal 2 = CPF
Id Fiscal 3 = Inscrição Estadual
Id Fiscal 4 = Inscrição Municipal

Marcar este campo


para Pessoa Física

Valor do IPI dividido


Cálculo do ICMS

Imposto
Retido na
Fonte
Dados Mestre: Material

Cálculo
do IPI

CFOP

Campos relevantes
para CFOP
Dados Mestre: Registro Info

Código de
Imposto
ou IVA

IVA sugerido
no Processo
com o
Fornecedor e
Material

NCM
Modelo

Modelo
de Nota IDES Brasil ABC Rolamentos
Rua da Consolação 110 Av. Paulista 39
Fiscal 01302-000 São Paulo 05305 São Paulo Fornecedor

Número da Nota Fiscal Nota Fiscal 123456-1


( ) Entrada (X) Saída 7 de dezembro de 2009 Data do documento

Com referência ao pedido 45001960 de


Pedido 24 de novembro de 2009, fornecemos as seguintes mercadorias:

MAT-001 1.000 Un UNI 2.500


MAT-002 300 Kg UNI 1.500 Montante por item
Itens da Nota Fiscal
UNI 4.000

Material mais 10% de imposto UNI 400 Montante de imposto

UNI 4.400
Quantidade Montante da Nota Fiscal

Unidade de medida Taxa de imposto


Pagável até 20 dias da data do faturamento.
2% de desconto para pagamento em 10 dias.
Condições de Conta nº 19602411, Banco Valores (cód. 3030 7075).
pagamento Dados bancários
Tipos de Notas Fiscais
Acompanha a mercadoria
Complementar entregue pelo Fornecedor

Atualiza Livro Fiscal de Entrada Atualiza Livro Fiscal de Entrada

Entrada Fatura Entrada Fatura


Manual (J1B1N) Entrada Mercadoria

Livros Fiscais Livros Fiscais

Saída Entrada

Atualiza Livro Fiscal de Saída Atualiza Livro Fiscal de Entrada

Nota de crédito (devolução) Manual (J1B1N)


Movimento de mercadoria Ex: Importação
Ex: transferência/industrialização/
venda

Livros Fiscais Livros Fiscais


Nota Fiscal: Numeração

Empresa

Filial

Numeração

Série 1 Série 2 Série UN


Nota Fiscal Eletrônica
Universo de Atuação
Nota Fiscal Eletrônica
DANFE

Código de Barras:
chave de acesso

Número NF
com 9 dígitos

Chave de Acesso

ICMS:
Base de cálculo e valor
Categoria Nota Fiscal e Nota Fiscal Eletrônica

N1: Configuração da Categoria de Nota NE: Configuração da Categoria de Nota


Fiscal para Modelo 1/1A Fiscal para Modelo 55 (NF-e)
Processos de Compras

Determinação Processamento da
Seleção de
Determinação da fonte de ordem e monitoração
fornecedores
das suprimentos de pedidos
necessidades

Entrada de
mercadorias

Processamento
do pagamento

Revisão de
faturas
Processo de Compras: Industrialização

Fornecedor

Pedido de
Compras
aprovado
O Comprador
recebe a necessidade O Pedido de compras
depois de aprovado é O fornecedor recebe o Pedido
de compra e gera o
enviado ao Fornecedor. e envia o material acompanhado
Pedido de Compra
com a Nota Fiscal - Fatura.
para um Fornecedor.

O setor de recebimento
O setor de recebimento fiscal recebe o material fisicamente
valida a Nota Fiscal com o Pedido e, o valida com o Pedido.
Contas a pagar Controle de Estoque
Contabilidade com impostos O material adquirido é Contabilidade sem impostos
Livro Fiscal colocado em estoque.
Processo de Compras: Consumo

Fornecedor

Pedido de
Compras
aprovado
O Comprador
recebe a necessidade O Pedido de compras
depois de aprovado é O fornecedor recebe o Pedido
de compra e gera o
enviado ao Fornecedor. e envia o material acompanhado
Pedido de Compra
com a Nota Fiscal - Fatura.
para um Fornecedor.

O setor de recebimento fiscal O setor de recebimento


valida a Nota Fiscal com o Pedido recebe o material fisicamente
Contas a pagar e, o valida com o Pedido.
Contabilização com impostos, Contabilização com impostos
O Usuário requisitante retira caso seja de outro estado
a mercadoria para consumo. sem recuperação
Livro Fiscal
Processos de Compras

Industrialização
Fornecedor
O fornecedor recebe o Pedido
e envia o material acompanhado
com a Nota Fiscal - Fatura.
Pedido de
Compras

O setor de recebimento
recebe o material fisicamente,
compara com o solicitado
no pedido de Compra e registra
no sistema.

O Comprador
recebe a necessidade
de compra e gera o
Pedido de Compra
para um Fornecedor.  Controle de O setor de recebimento fiscal
Estoque verifica a Nota Fiscal e
compara os dados com o
IVA: Incidência dos  Contabilidade acordado no Pedido, através
Impostos- I3 sem Impostos da Entrada da Fatura no sistema.
 Contas a pagar

O material adquirido é  Contabilidade com


colocado em estoque. Impostos = IVA

 Livros Fiscais
Processos de Compras

Consumo
Fornecedor
O fornecedor recebe o Pedido
e envia o material acompanhado
com a Nota Fiscal - Fatura.
Pedido de
Compras

O setor de recebimento
recebe o material fisicamente,
compara com o solicitado
no pedido de Compra e registra
no sistema.

O Comprador
recebe a necessidade
de compra e gera o
Pedido de Compra
O setor de recebimento fiscal
para um Fornecedor.
verifica a Nota Fiscal e
IVA: Incidência dos  Contabilização compara os dados com o
com Impostos, acordado no Pedido, através
Impostos – C3 sem da Entrada da Fatura no sistema.
recuperação
 Contas a pagar

O usuário requisitante  Contabilização com


retira a mercadoria Impostos,caso seja
para consumo. de outro estado

 Livros Fiscais
Processos de Compras

Material c/Base Reduzida de ICMS ex: Industrialização


Fornecedor
O fornecedor recebe o Pedido
e envia o material acompanhado
com a Nota Fiscal - Fatura.
Pedido de
Compras

O setor de recebimento
recebe o material fisicamente,
compara com o solicitado
no pedido de Compra e registra
no sistema.
O Comprador
recebe a necessidade
de compra e gera o
Pedido de Compra
para um Fornecedor.
 Controle de O setor de recebimento fiscal
IVA: Incidência dos Estoque verifica a Nota Fiscal e
Impostos - I3 compara os dados com o
 Contabilização acordado no Pedido, através
sem Impostos da Entrada da Fatura no sistema.
 Contas a pagar
 Contabilização
O material adquirido é com Impostos =
colocado em estoque. IVA
 Livros Fiscais
Processos de Compras

Material c/Substituição Tributária ex: Industrialização


Fornecedor
O fornecedor recebe o Pedido
e envia o material acompanhado
com a Nota Fiscal - Fatura.
Pedido de
Compras  N.F. com ICMS Subs. Tributária

O setor de recebimento
recebe o material fisicamente,
compara com o solicitado
no pedido de Compra e registra
no sistema.
O Comprador
recebe a necessidade
de compra e gera o
Pedido de Compra
para um Fornecedor.
 Controle de O setor de recebimento fiscal
IVA: Incidência dos Estoque verifica a Nota Fiscal e
Impostos - I4 compara os dados com o
 Contabilização acordado no Pedido, através
sem Impostos da Entrada da Fatura no sistema.
 Contas a pagar

O material adquirido é  Contabilização


com Impostos = IVA
colocado em estoque.
 Livros Fiscais
Processos de Compras

Material – Com recuperação de PIS e Cofins


Fornecedor
O fornecedor recebe o Pedido
e envia o material acompanhado
com a Nota Fiscal - Fatura.
Pedido de
Compras  N.F. com destaque do PIS e Cofins
O setor de recebimento
recebe o material fisicamente,
compara com o solicitado
no pedido de Compra e registra
no sistema.
O Comprador
recebe a necessidade
de compra e gera o
Pedido de Compra
para um Fornecedor.
 Controle de O setor de recebimento fiscal
IVA: Incidência dos verifica a Nota Fiscal e
Estoque
Impostos – Z3 compara os dados com o
 Contabilização acordado no Pedido, através
sem Impostos da Entrada da Fatura no sistema.
 Contas a pagar

 Contabilização
com Recuperação
O material adquirido é
colocado em estoque.  Livros Fiscais com
destaque IPI
Processos de Compras

Serviço: Retenção de PIS, Cofins, CSLL, IR e ISS,


O Prestador recebe o Pedido,
executa o serviço e envia Nota
Fiscal de Serviço.

Pedido de
Compras
O setor solicitante ou responsável
dá a baixa no serviço contratado,
através do registro da entrada de serviço.
O Comprador (O serviço deve ser cadastrado como material)
recebe a necessidade Nota
de compra do Serviço e Fiscal
gera o Pedido de Compra
para um Prestador do
Serviço.
 Nota fiscal com
Categoria do Item: Normal destaque do iss O setor de recebimento fiscal
verifica a N.Fiscal do Serviço e
IVA: Incidência dos compara os dados com o
Impostos – I9 acordado no Pedido, através
da Entrada da Fatura no sistema.
 Contas a pagar
 Contabilização com Impostos
Material tipo DIEN • IRF = ISS
Processos de Compras

Serviço: Retenção impostos e Recuperação de PIS/Cofins


O Prestador recebe o Pedido,
executa o serviço e envia Nota
Fiscal de Serviço.

Pedido de
Compras
O setor solicitante ou responsável
dá a baixa no serviço contratado,
O Comprador através da criação da Folha de Serviço
recebe a necessidade (medição).
de compra do Serviço e Folha Executa-se então a Aprovação da
gera o Pedido de Compra Folha de Serviço.
para um Prestador do
de Serviço
Serviço.
Aceitação
Categoria do Item: D (muda
lay-out da tela do pedido
 Medição do O setor de recebimento fiscal
Serviço verifica a N.Fiscal do Serviço e
compara os dados com o
 APROVAÇÃO: acordado no Pedido, através
Cadastro Fornecedor Contabilização da Entrada da Fatura no sistema.
sem Impostos
 Contas a pagar
Visão I.R.F.
Ctg .Imposto + Cod Imposto.  Contabilização com Impostos
• IRF = ISS
• PIS / Cofins
Processos de Compras

Frete Planejado ex: Consumo


 Mesma N.Fiscal
Fornecedor do Material
O fornecedor recebe o Pedido
Pedido de e envia o material acompanhado
Compras  Conhecimento da
c/Frete
com a Nota Fiscal - Fatura. Transportadora

O setor de recebimento
recebe o material fisicamente,
compara com o solicitado
no pedido de Compra e registra
no sistema.
O Comprador
recebe a necessidade
de compra e gera o
Pedido de Compra
O setor de recebimento fiscal
para um Fornecedor. verifica a Nota Fiscal e
 Contabilização compara os dados com o
Frete Planejado no item com Impostos, acordado no Pedido, através
CONDIÇÕES sem recuperação da Entrada da Fatura no sistema.
e com o FRETE  Contas a pagar:
Fornecedor (Material+frete) ou
Fornecedor + Transportadora
 Contabilização com Impostos,
O usuário requisitante caso seja de outro estado
retira a mercadoria
para consumo.  Livros Fiscais
(material e Frete)
Processos de Compras

 Entrada da Fatura:
Frete Planejado ex: Consumo Material + Frete na
mesma Nota Fiscal

Opção quando
a cobrança do
frete for na
mesma N.Fiscal
do Material
Processos de Compras

Frete Planejado ex: Consumo


 Entrada da Fatura:
N.Fiscal de Material
+ Conhecimento de
Primeiro recebe a Frete (Transportadora)
Nota Fiscal do Material

Mudar o Emissor
da Fatura, caso não
tenha mudado no Pedido

Depois recebe
o Conhecimento do Frete
Processos de Compras
Frete não Planejado ex: Industrialização
Fornecedor O fornecedor recebe o Pedido  Frete na mesma
e envia o material acompanhado N.Fiscal do Material
com a Nota Fiscal - Fatura.
Pedido de  Conhecimento de
Compras
Transportadora

O setor de recebimento
O Comprador recebe o material fisicamente,
compara com o solicitado no
recebe a necessidade
pedido de Compra e registra
de compra e gera o
no sistema.
Pedido de Compra
para um Fornecedor. O setor de recebimento fiscal
verifica a Nota Fiscal do Material e
IVA: Incidência dos compara os dados com o Pedido,
Impostos  Controle de através da Entrada da Fatura no sistema.
Estoque O Frete pode estar na mesma N.Fiscal
do Material ou em um Conhecimento
 Contabilização
sem Impostos de Frete de Transportadora
 Contas a pagar:
Fornecedor (Material+frete) ou
Fornecedor + Transportadora
O material adquirido é
colocado em estoque.  Contabilização com
Impostos
 Livros Fiscais
(material e Frete)
Processos de Compras

Frete não Planejado ex: Industrialização  Entrada da Fatura:


Material + Frete na
mesma Nota Fiscal

Após preencher os dados


da Pasta de DdsBásicos,
o valor do Frete não
Planejado deve ser
colocado neste campo
Processos de Compras

Frete não Planejado ex: Industrialização


 Entrada da Fatura:
N.Fiscal de Material
+ Conhecimento de
Frete (Transportadora)
Primeiro recebe
a Nota Fiscal
do Material

Depois recebe
o Conhecimento
O campo Montante (1) no detalhe do do Frete, mudando
Item virá em branco, e deve ser o Tipo de Operação
preenchido com o valor do frete sem o
ICMS quando o frete for atribuído para
um Pedido de Compra.
Quando o Frete for para vários
pedidos, o campo CstCompAgNPlanej
(2) deve ser preenchido para o sistema (2)
fazer o rateio.

(1)
Processos de Compras

Conhecimento de Frete para Várias Notas Fiscais


Fornecedor O fornecedor recebe o Pedido  N.Fiscal do Material
e envia o material acompanhado
com a Nota Fiscal - Fatura.
Pedido de  Conhecimento de
Compras
Transportadora
referente a várias
Notas Fiscais

O setor de recebimento
O Comprador recebe o material fisicamente,
compara com o solicitado no
recebe a necessidade
pedido de Compra e registra
de compra e gera o
no sistema.
Pedido de Compra
para um Fornecedor. O setor de recebimento fiscal
verifica a Nota Fiscal do Material e
IVA: Incidência dos compara os dados com o Pedido,
Impostos  Controle de através da Entrada da Fatura no sistema.
Estoque O Frete está sendo cobrado através
do Conhecimento de Frete referente
 Contabilização a várias Notas Fiscais,neste caso a
sem Impostos
Ctg.Nota Fiscal é diferenciada - C5.
 Contas a pagar:
Fornecedor (Material) e
O material adquirido é Transportadora
colocado em estoque.
 Contabilização com
Impostos
 Livros Fiscais
(material e Frete)
Processos de Compras

Conhecimento de Frete para Várias Notas Fiscais

IMG
 Categoria da Nota Fiscal

Na Revisão de Fatura, o sistema


permitirá a entrada de várias Notas
Fiscais como referência.
Processos de Compras

Recebimento Fiscal direto para Conta Razão/Material

N.Fiscal
O setor de recebimento fiscal
recebe Nota Fiscal para gerar o
crédito para o Fornecedor através
da Entrada de Fatura e lançar
Usuário contra um Material ou uma Conta
Razão.
 Contas a pagar
 Contabilidade com
Impostos = IVA
 Livros Fiscais

. Este exemplo está lançando contra


uma Cta. Razão, mas podemos lançar
também direto contra um Material,
conforme tela ao lado.
Processos de Compras

Devolução
Com base na Nota Fiscal
de Devolução, o setor de
recebimento registra a Retira o material do
devolução física do material estoque.
no sistema Mov.122.
.

Controle de
Nota Fiscal
Qualidade
Devolução

O setor de recebimento fiscal


Fornecedor
recebe a informação que o
 Saída Física do
material precisa ser devolvido Estoque
ao Fornecedor.
Usuário Entra com uma Nota de Crédito  Reverso - Contabilidade
no Sistema, gerando uma Nota sem Impostos
Fiscal de Devolução para
 Pedido de Compra (qtde.
acompanhar o material fisicamente. Recebida / Histórico)
 Débito - Contas a pagar
 Reverso - Contabilidade
com Impostos = IVA
 Livros Fiscais de Saída
Processos de Compras

Devolução
 Histórico do Pedido de
Compra antes da Devolução.

 Nota de Crédito (Devolução Fiscal)

Depois de preencher os campos da


(3) Pasta DdsBásicos (1) , preencher a
(1) Ctg.NF (E4) na pasta Detalhe (2)
para obter acesso ao ícone da Nota
Fiscal (3).
Caso a Devolução seja parcial, os
campos Montante e Quantidade na
síntese dos itens, devem ser alterados
(4).
(2)

(4)
Processos de Compras

Devolução
 Impressão da Nota Fiscal
(Devolução Fiscal)
Transação J1B3N (novo lay
out da tela da Nota Fiscal)

 Devolução Física Transação MIGO (mudar o tipo de Operação)

O sistema sugere o último


(1) Documento de material (1) para
efetuar a Devolução.
Quando necessário mudar a
quantidade devolvida na pasta
Material (2) , e na pasta “Od” o
sistema irá sugerir o Movimento 122
de Devolução, obrigando que o
campo Motivo do movimento (3) seja
preenchido.
(2)

(3)
Processos de Compras

Devolução
 Pedido de Compra após a Devolução
- Cabeçalho (pasta STATUS)
- Detalhe do Item (pasta HISTÓRICO).
Transferência entre Centros

No Brasil, a transferência de Materiais


Centro entre Centros, com locais físicos diferentes
(CNPJ diferente) é feita através de Nota
Fiscal, atualizando o Livro de Saída do
Centro Fornecedor e o Livro de Entrada do
Depósito Centro Receptor.
São Paulo Rio de Janeiro

Transferência entre Centros

 Movimento de Mercadoria (MM)

 Pedido de Transferência UB (MM/SD)


Transferência entre Centros

Transferência via Movimentação (MM)


Criar um cadastro de cliente
para o centro receptor e associar
o Código do Cliente, na Configuração
do Pedido de Transferência amarrado
Cliente
ao Centro destino.
. Entra Estoque
Livre RJ
. Contabilização
. Nota Fiscal/ Livro
Entrada

Mov.835
Centro
Mov.833
. Sai estoque SP
SP . Gera Estoque em Transf. no RJ
. Contabilização
. Nota Fiscal/ Livro Saída
RJ

Criar um cadastro de fornecedor


para o centro fornecedor, associando
Fornecedor nos Dados Adicionais de Compras
o Código do Centro Fornecedor
Transferência entre Centros
Transferência entre Centros

Transferência via Pedido UB (MM/SD)

Centro Solicitante Centro Fornecedor


Necessidade
de Material
Pedido de Transação VL10B
Compras

Transação ME21N
Tipo Pedido = UB Verifica Remessas
Centro Fornecedor SP Pendentes e gera o
Cat.Item = U Doc. Fornecimento

Saída de Mercadoria
Transação VL02N •Contabilização
Recebimento Mov. 862 •Nota Fiscal
O material vai Transação MIGO Transação J1B3N •Livros Fiscais
para o estoque. Mov. 861 Nota Fiscal de Saída

MM •Nota Fiscal
•Livros Fiscais SD
Processos Especiais

O fornecedor recebe o Pedido e os componentes


Subcontratação e efetua o serviço contratado. Envia o novo material
acompanhado da Nota Fiscal de Faturamento e
Fornecedor Retorno Simbólico dos Componentes
Pedido de
Compras Este processo pode estar na mesma Nota Fiscal ou
ou estar em Nota fiscal Separada
.

O Comprador O setor de recebimento


recebe a necessidade recebe o material fisicamente,
de compra da montagem Envia os componentes compara com o solicitado O setor de recebimento
de um novo produto e gera para o fornecedor, no pedido de Compra e fiscal recebe e verifica
o Pedido de Compra com a Nota Fiscal registra no sistema. a Nota Fiscal, compa-
para um Fornecedor de Simples Remessa. rando os dados com o
Subcontratado.  Controle de acordado no Pedido,
Mov. 541 Estoque através da Entrada da
IVA: I1 .  Contabilidade Fatura no sistema.
Ctg Item : L sem Impostos  Contas a pagar
Permite informar os
 Contabilidade com
componentes para Impostos
envio ao Fornecedor
O novo material é
colocado em estoque, e
os componentes saem do
estoque contábil e físico.
Processos Especiais

Subcontratação - Configuração

 Categoria de Nota Fiscal

Neste exemplo, o envio dos Componentes ao


fornecedor gerou uma Nota Fiscal de Saída, com a
ctg. G1 e a Nota Fiscal de Entrega do Novo
Material e dos Componentes simbolicamente, com a
ctg. E1.

 Movimento de Mercadoria gerando Nota


Fiscal
Processos Especiais
Exemplo: Retorno dos Componentes e
Subcontratação entrega do Novo Material em uma Nota
Fiscal
 Pedido de Compra
Para determinar os componentes, ir no
detalhe do ítem na Pasta Dados de
material, acionando o ícone dos
componentes.
Categoria
do Item
L

O sistema emitirá uma mensagem de aviso, que não conseguiu


determinar os componentes automaticamente, isto ocorreria se este
novo material estivesse amarrado a uma lista técnica.
Processos Especiais

Subcontratação
 Remessa dos Componentes - Transação ME2O
Processos Especiais

Subcontratação
Processos Especiais

Subcontratação
 Livro de Saída dos Componentes

 Estoque dos Componentes após a ransferência

O sistema controla em que


estoque o material está
disponível, baixando a
quantidade do Estoque de
Utilização Livre.
Processos Especiais

Subcontratação
 Recebimento do Novo Material e dos Componentes (simbolicamente) - Transação MIGO

Após o preenchimento dos campos:

Nr. do Pedido, e Nota de Remessa, o sistema


exibe os itens do pedido para efetuar a entrada da
mercadoria.
Para o item novo o Mov. Proposto é 101,

Este ícone na frente do item Novo, indica que existem componentes amarrados e que poderão ser recebidos neste
mesmo processo, ou seja, o Fornecedor realiza a entrega do novo item + a devolução simbólica dos componentes na
mesma Nota Fiscal. Quando acionado, exibirá os componentes:

Para os componentes, o sistema sugere


o Tipo de Movimento 543 na Pasta Od,
Processos Especiais

Subcontratação
 Recebimento da Fatura - Transação MIRO

Após preencher os dados das Pastas DdsBásicos


(valor e data) e Detalhe (ctg.NF), o acesso a Nota
Fiscal pode ser feito através do ícone

Para ter o detalhe das bases para


cálculo, acessar o ícone:

e para ter o detalhe dos impostos


do ítem, acessar o ícone:
Processos Especiais

Subcontratação
 Livro de Entrada

 Estoque dos Componentes após recebimento

O sistema elimina o controle do


componente que estava com o
fornecedor subcontratado.
Processos Especiais
Exemplo: Retorno dos Componentes e entrega
Subcontratação do Novo Material em Notas Fiscais Separadas
Para este exemplo, os processos
desde o Pedido até o envio dos
Componentes com Nota Fiscal
 Recebimento do Novo Material - Transação MIGO são iguais.
A mudança ocorre no momento
do Recebimento do Novo
Material e dos Componentes.

Receber o Novo material e desativar as


linhas dos Componentes. Acionar o
ícone

O sistema exibirá uma mensagem que o


documentos está OK.
Processos Especiais

Exemplo: Retorno dos Componentes e


Subcontratação entrega do Novo Material em Notas
Fiscais Separadas Após efetuar o Recebimento da Fatura,
iremos fazer a movimentação dos
Componentes, ou seja, o Retorno
 Recebimento dos Componentes - Transação MB04
Simbólico que o fornecedor enviou
através da 2a. Nota Fiscal.

Preencher os campos:

Nota de Remessa: Nr. 2a. Nota Fiscal de


Remessa dos Componentes.
Txt.cab.doc.: Recebimento Simbólico
Pedido: Nr. do Pedido

Acessar o menu: Processar > item(s) > Transferir

Apesar do sistema trazer o Mov. 121 como default, após o


preenchimento dos campos, o movimento será mudado
para o 543

Colocar a quantidade dos componentes e acessar o


menu: Processar > item(s) > Transferir
Processos Especiais

Exemplo: Retorno dos Componentes e


Subcontratação entrega do Novo Material em Notas
Fiscais Separadas

 Recebimento dos Componentes - Transação MB04

Este processo também está


disponível na transação MIGO com
a operação A11 – Compensação
posterior, com referência ao
pedido de compras.
Processos Especiais
Exemplo: Retorno dos Componentes e
Subcontratação entrega do Novo Material em Notas
Fiscais Separadas Após efetuar o Recebimento da Fatura,
iremos fazer a movimentação dos
Componentes, ou seja, o Retorno
Simbólico que o fornecedor enviou
através da 2a. Nota Fiscal.

Preencher os campo Mont.base div. para todos


os itens.
O acesso a Nota Fiscal pode ser feito através
do ícone

No detalhe da Nota
Fiscal, preencher os
campos:

Dir.fisc.: ICMS: IC5


Dir.fiscal: IPI: IP2
Processos Especiais
O fornecedor recebe o Pedido.
Consignação Envia material O fornecedor envia a Nota Fiscal
Fornecedor acompanhado da N. Fiscal de Faturamento
Pedido de de Remessa em
Compras Consignação, destacando  2a.
os impostos. Nota
 1a. Fiscal
Nota
Fiscal

O setor de recebimento
O Comprador recebe recebe o material
a necessidade de fisicamente, compara
compra do material com o solicitado
em Consignação e gera no pedido de Compra e O setor de recebimento
o Pedido de Compra registra no sistema. fiscal recebe e verifica
para um Fornecedor. a Nota Fiscal, compa-
 Mov. 821 e IVA K5 rando os dados com o
IVA: K6  Controle de acordado no Pedido,
Depósito: COXX Estoque através da Entrada da
Específico para Fatura no sistema.
 Contabilidade
separar o material  Contas a pagar
Com Impostos
Consignado  Contabilidade com
 Livros Fiscais
O material é Impostos - Ctg.
colocado em N.Fiscal = X2
estoque específico,
para O material consignado  Livros Fiscais
que o controle seja é retirado do estoque.
melhor.
Processos Especiais

Consignação - Configuração

 Criar Depósito de Consignação

 Movimento de Mercadoria gerando Nota Fiscal


Processos Especiais

Consignação
 Recebimento do Material Mov. 821

Preencher os Campos:

Nota de remessa: Nr. da Nota Fiscal


Txt.cabeç.: CONSIGNAÇÃO
Pedido: Nr. do Pedido

Na pasta “Od” alterar o Tipo de


Movimento para 821

Caso não esteja preenchido, colocar


o Depósito: COXX

Na pasta “Impos.”
Preencher o campo
Cód.imposto: K5 (para o cálculo dos
Impostos).

O acesso a Nota Fiscal, criada pelo Mov. 821,


pode ser feito através do ícone
Processos Especiais

Consignação
 Estoque do Material após o recebimento

O controle do material é feito através do Depósito


diferenciado. E quando houver a saída do mesmo, o
fornecedor envia a Nota Fiscal de Faturamento (2a.
Nota Fiscal do Processo).
Processos Especiais

Consignação
 Revisão de Fatura (2a. Nota Fiscal - Faturamento)

Após preencher os dados das Pastas DdsBásicos


(valor e data) e Detalhe (ctg.NF X2), o acesso a
Nota Fiscal pode ser feito através do ícone
Processos Especiais

Consignação
 Nota Fiscal de Faturamento

Para ter o detalhe das bases para


cálculo, acessar o ícone:

e para ter o detalhe dos impostos


do ítem, acessar o ícone:

Detalhe do Imposto Estatístico,


Cálculo dos para efeito de cálculo
Impostos contábil
Processos Especiais
Operação Triangular R/3: CLIENTE (O pedido é feito para um fornecedor e a entrega do
material é feita por outro fornecedor)

Pedido de
Compras

Fornecedor Pedido
Cliente
O fornecedor do Pedido envia a Nota
Fiscal de Venda

 2a. Nota Fornecedor Entrega


Fiscal  1a. Nota
Fiscal
O Comprador recebe
a necessidade de
compra do material
e gera o Pedido de
Compra para um O fornecedor de Entrega envia a Nota Fiscal
Fornecedor, destacando de Remessa por Conta e Ordem
o Fornecedor de Entrega
do Material.
O setor de recebimento O setor de recebimento  Mov. 811
fiscal recebe e verifica recebe o material fisicamente,
a Nota Fiscal de Venda, compara
 Controle de
comparando os dados com o solicitado Estoque
com o acordado no Pedido, no pedido de Compra e  Contabilidade
através da Entrada da registra no sistema. sem impostos
Fatura no sistema.

 Contas a pagar
 Contabilidade com
Impostos
O material adquirido é
 Livros Fiscais colocado em estoque, ou
entregue para o usuário.
Processos Especiais

Operação Triangular - Cliente


 IMG: Movimento de Mercadoria gerando Nota Fiscal

 Pedido de Compra

Após preencher os dados do Pedido, o


Fornecedor de Remessa deve ser
indicado no Cabeçalho, na pasta de
Parceiro.
Processos Especiais
Operação Triangular - Cliente
 Entrada do Material gerando Nota Fiscal do Fornecedor de Remessa por Conta e Ordem

Preencher os campos:

Nota de remessa: Nr. N.Fiscal


Remessa
Txt.cabeç.: Nr. N.Fiscal de
Faturamento

No detalhe do ítem, alterar o Tipo de


Movimento para 811, na pasta “Od” e na pasta
“Impos.”, preencher os campos:

Cód.imposto: I0
Mont.base div.: Valor da Nota Fiscal
de Remessa

O acesso a Nota Fiscal, criada


pelo Mov. 811, pode ser feito
através do ícone
Processos Especiais
R/3: FORNECEDOR (Recebe uma Ordem de Venda de um Cliente
Operação Triangular (SD), e compra o material de outro fornecedor informando o cliente no
endereço de Entrega)

Fornecedor
Fornecedor Entrega
SD - Ordem Pedido de
de Venda Compras

 Nota Fiscal de
 Nota Fiscal de
Remessa Simbólica
Remessa por
e Venda a Ordem
Conta e Ordem

Cliente O Comprador recebe


a necessidade de
compra do material
e gera o Pedido de
Compra para um O fornecedor
Fornecedor, destacando de Entrega,
o Cliente como Local O setor de recebimento O setor de recebimento envia o Material
de Entrega do Material fiscal recebe e verifica recebe o material fisicamente, ao Cliente.
a Nota Fiscal de Venda, compara
Ctg.Item: S comparando os dados com o solicitado
com o acordado no Pedido, no pedido de Compra e
através da Entrada da registra no sistema.
Fatura no sistema.
 Material é recebido
 Contas a pagar contra a Ordem do
 Contabilidade com Cliente.
Impostos  Contabilidade
 Livros Fiscais sem impostos
Processos Especiais

Operação Triangular - Fornecedor


 Pedido de Compra

Após preencher os dados do Pedido, o


código do Cliente deve ser indicado no
detalhe do ítem, na pasta de
“Endereço remessa”
Processos Especiais

Operação Triangular - Fornecedor


 Revisão de Fatura

Após preencher os dados das Pastas DdsBásicos


(valor e data) e Detalhe (ctg.NF X3), o acesso a
Nota Fiscal pode ser feito através do ícone
Processos Especiais

Entrega Futura  O fornecedor recebe o Pedido


e envia a Nota Fiscal Cobrança,
conforme o acordo de Entrega
Fornecedor Futura
.  O fornecedor envia o material,
Pedido de acompanhado com a Nota
Compras
Fiscal de Remessa.

O setor de recebimento
recebe o material fisicamente,
compara com o solicitado
O Comprador no pedido de Compra e
recebe a necessidade registra no sistema.O material
de compra e gera o acompanha a Nota Fiscal de
Pedido de Compra Remessa, que será gerada no Livro
para um Fornecedor. de Entrada através do Mov. 801 e
O setor de recebimento fiscal
recebe e verifica a Nota Fiscal, IVA K0
IVA: K1
comparando os dados com o
Detalhe do Item, pasta  Controle de
acordado no Pedido, através
Fatura Estoque
da Entrada da Fatura no sistema.
 Contabilidade
 Contas a pagar
com Impostos -
 Contabilidade com ICMS
Impostos = IVA
K1 - IPI  Livros Fiscais
 Livros Fiscais O material adquirido é
colocado em estoque.
Processos Especiais

Entrega Futura - Configuração

 Categoria de Nota Fiscal


No exemplo a seguir utilizaremos o processo de
Entrega Futura onde, a 1a. Nota Fiscal de
Faturamento vem com o destaque do IPI e a 2a.
Nota Fiscal de Remessa vem com o destaque do
ICMS, porém para efeito do cálculo contábil dos
impostos no sistema .

 Movimento de Mercadoria gerando Nota Fiscal


Processos Especiais

Entrega Futura - Faturamento


 Entrada da Fatura

Após preencher os dados das Pastas DdsBásicos


(valor e data) e Detalhe (ctg.NF), os campos
montante e quantidade na síntese dos ítens
deverão ser preenchidos, pois como ainda não
houve a entrada do material, os mesmos estarão
em branco. O acesso a Nota Fiscal pode ser feito
através do ícone

Valor
sem
Impostos Qtd.
da Nota
Fiscal Mensagem de Aviso, devido não ter recebido o Material.
Processos Especiais

Entrega Futura - Faturamento Este exemplo a 1a. Nota Fiscal de Faturamento


vem com o destaque do IPI.
 Nota Fiscal de Faturamento

Para ter o detalhe das bases para


cálculo, acessar o ícone:

e para ter o detalhe dos impostos


do ítem, acessar o ícone:

Imposto Estatístico,
Detalhe do para efeito de cálculo
Cálculo dos contábil
Impostos
Processos Especiais

Entrega Futura - Remessa Material


 Entrada do
Material
Preencher os campos:
Nota de Remessa: Nr. Nota Fiscal de
Remessa
Txt.cabeç: Nr. Nota Fiscal de Fatura-
mento (1a. Nota)

Na pasta Od, preencher os campos:


Tipo movimento: 801
Centro e Depósito

Na pasta Impos. prencher o campo:


Cod.Imposto: K0

O acesso a Nota Fiscal pode ser feito


através do ícone
Processos Especiais
Este exemplo a 2a. Nota Fiscal de
Entrega Futura - Remessa Material Faturamento vem com o destaque do ICMS.

 Nota Fiscal de Remessa

Para ter o detalhe das bases para


cálculo, acessar o ícone:

e para ter o detalhe dos impostos


do ítem, acessar o ícone:

Detalhe do Imposto Estatístico,


Cálculo dos para efeito de cálculo
Impostos
contábil
Processos Especiais
O fornecedor recebe o Pedido
Embalagem Retornável e envia o material acondicionado em
uma Embalagem Retornável, acompanhado
com a Nota Fiscal - Fatura. A Embalagem
Fornecedor pode estar destacada na mesma N.Fiscal do Material,
Pedido de ou estar em Nota fiscal Separada
Compras .
 Ex: Pallete

O setor de recebimento
recebe o material fisicamente,
compara com o solicitado
O Comprador no pedido de Compra e
recebe a necessidade registra no sistema. Na
de compra e gera o mesma transação recebe a
Pedido de Compra Embalagem Retornável, para
para um Fornecedor. controle físico, e posterior O setor de recebimento fiscal
devolução ao fornecedor. verifica a Nota Fiscal e
IVA: Incidência dos
 Controle de compara os dados com o
Impostos – I3
Estoque acordado no Pedido, através
 Contabilidade da Entrada da Fatura no sistema.
sem Impostos  Contas a pagar
 Contabilidade com
O material adquirido é Impostos = IVA
colocado em estoque.
A Embalagem Retornável  Livros Fiscais do
é controlada em Estoque Material e da
do Fornecedor. Embalagem Retornável
Mov. 841 M
Processos Especiais

Embalagem Retornável - Configuração


 Categoria da Nota Fiscal do Processo
R1 - Entrada
R2 - Devolução

 Habilitar as Funções de
Controle de Tela para o
Tipo de Nota Fiscal
Criar/Modificar/Exibir (Manual
e automática)

 Atribuir a Ctg.N.Fiscal ao
Movimento do Processo
841 - Entrada
842 - Devolução
Processos Especiais

Embalagem Retornável - Recebimento


Após o recebimento do material,
receber na mesma transação
(MIGO) a Embalagem Retornável através
do ícone Equipamento Transporte

Colocar o Centro e Depósito.


O movimento 841 M é
sugerido pelo sistema,
através da configuração
dos Valores Propostos, como
também o Centro e o
Depósito.

No menu: Opções =>


Valores Propostos
Processos Especiais

Embalagem Retornável - Recebimento

Preencher a pasta Material, com o código


do Material (após o Enter o sistema irá
consistir os dados do cadastro do
material).

Preencher a pasta Qtd., com a quantidade


recebida da Embalagem Retornável.

Preencher a pasta Parceir, com o código


do Cadastro do Fornecedor (os dados
serão consistidos após o Enter.

Preencher a pasta Impos. com o


Mont.Base div. ( valor registrado na Nota
Fiscal Entrada)
Processos Especiais

Embalagem Retornável - Recebimento Material + Embalagem Retornável


na mesma Nota Fiscal.
(2)

Após preencher os dados do novo item de


(1) Equipamento de transporte, o sistema
(3) carrega os dados para a Síntese dos Ítens
(1)
e antes de Registrar a entrada dos
materiais pressionar o ícone
(2)

para que o Status (3) esteja OK.


Processos Especiais

Embalagem Retornável - Fiscal Material + Embalagem Retornável


na mesma Nota Fiscal.
(2)

Após preencher os dados das Pastas DdsBásicos (valor e data) e


Detalhe (ctg.NF), o acesso a Nota Fiscal pode ser feito através do
ícone (2)
Processos Especiais

Embalagem Retornável - Fiscal Material + Embalagem Retornável


na mesma Nota Fiscal.

No acesso da Nota Fiscal, o ítem da


Embalagem Retornável é lançado.

Para ter o detalhe das bases para


cálculo, acessar o ícone:

(1)

e para ter o detalhe dos impostos


do ítem, acessar o ícone:
(1) (2)
(2)
Processos Especiais

Embalagem Retornável - Recebimento Embalagem Retornável em


Nota Fiscal separada do Material.
Após receber o material, efetuar a entrada da Embalagem Retornável através da transação MIGO ou pela transação MB1C
(outros).

 MIGO
Mudar o Tipo de Entrada para Outros/as

(2) (4)
Preencher as informações do novo item; o
sistema carrega os dados para a Síntese
dos Ítens (1)
e antes de Registrar a entrada da
Embalagem Retornável o ícone
(3)
(1) (2)
(3) para que o Status (3) esteja OK.

Para visualizar a Nota Fiscal, acessar o


ícone

(4)
Processos Especiais

Embalagem Retornável - Recebimento Embalagem Retornável em


Nota Fiscal separada do Material.
Após receber o material, efetuar a entrada da Embalagem Retornável através da transação MIGO ou pela transação MB1C
(outros).

 MB1C Preencher os campos:


Docum.material: Nr. Nota Fiscal
Tipo movimento: 841 estq. Especial: M
Centro e Depósito

Preencher os campos:
Fornecedor, material e qtd., e acessar o icone

para terminar o preenchimento das


informações, gerando a Nota Fiscal de Entrada.
Processos Especiais

Embalagem Retornável - Recebimento Embalagem Retornável em


Nota Fiscal separada do Material.

Preencher os campo:
Mont.base div.

Enter

Para visualizar a Nota Fiscal, acessar o


ícone:

No detalhe do item da Nota Fiscal,


preencher os campos
Dir.Fiscal ICMS
Dir.Fiscal IPI
Processos Especiais

Embalagem Retornável - Livro Fiscal e Estoque


 Livro
Fiscal

 Estoque
Processos Especiais

Embalagem Retornável - Devolução


A devolução da Embalagem Retornável pode ser efetuada através da transação MIGO ou pela transação MB1C (outros).

 MIGO Mudar o Tipo de Operação para Estorno


O Sistema sugere o último documento executado
para o estorno.

(3) Neste exemplo de estorno a Embalagem


Retornável foi recebida na mesma Nota
Fiscal do Material.
Preencher o campo:
Txtcabeç: Nr. Nota Fiscal da
Entrada

Selecionar somente o item da Embalagem


(1) retornável (1); no detalhe do ítem o
sistema sugere o movimento de estorno
842 M (2)

Para visualizar a Nota Fiscal, acessar o


ícone
(3)
(2)
Processos Especiais

Embalagem Retornável - Devolução


Após receber o material, efetuar a entrada da Embalagem Retornável através da transação MIGO ou pela transação MB1C
(outros).

 MB1C Preencher os campos:


Txt.cab.doc.: Nr. Nota Fiscal Entrada
Tipo movimento: 842 estq. Especial: M
Centro e Depósito

Preencher os campos:
Fornecedor, material e qtd., e acessar o icone

para terminar o preenchimento das


informações, gerando a Nota Fiscal de Devolução.
Processos Especiais

Embalagem Retornável - Devolução

Preencher os campo:
Mont.base div.

Enter

Para visualizar a Nota Fiscal, acessar o


ícone:

No detalhe do item da Nota Fiscal,


preencher os campos
Dir.Fiscal ICMS
Dir.Fiscal IPI
Processos Especiais

Embalagem Retornável - Livro Fiscal e Estoque


 Saída Este número é o Controle Interno da Nota Fiscal.
Nota Antes de consultar a Nota Fiscal, executar a saída
Fiscal através do caminho:
J1B3N No menu: Nota Fiscal => Saída
O Sistema exibirá uma mensagem de Exito ou de Erro

 Livro
Fiscal
Saída

 Estoque
Migração

Migração tipos de condição

Tabelas envolvidas
Migração de Tipos de Condições

J_1BTXSDC

DISI
DICM
DIPI
DSUB
DISS
DICF
DSUF
DPIS
DCOF
DWHT
Migração de Tipos de Condições

J_1BTREGX

DIZF
Migração de Tipos de Condições

J_1BTXIC2

ICVA
ICBS
ICOB
ICLW
I100
Migração de Tipos de Condições

J_1BTXIC3

ICVA
ICBS
ICOB
ICLW
I100
Migração de Tipos de Condições

J_1BTXIC1

ICVA
ICFR
Migração de Tipos de Condições

J_1BTXDEF

ICVA
Migração de Tipos de Condições

J_1BTXIP2

IPVA IPBS IPIP IPOB IPLW


Migração de Tipos de Condições

J_1BTXIP3

IPVA IPBS IPOB IPLW IPIP


Migração de Tipos de Condições

J_1BTXIP1

IPVA IPBS IPIP IPOB IPLW


Migração de Tipos de Condições

J_1BTXDEF

IPVA
Migração de Tipos de Condições
J_1BTXST1

ISTT

ISTS
ISTB
IST2
ISTC

ISTF
ISTM
ISTN
Migração de Tipos de Condições
J_1BTXISS (Para Provedor de Serviço)

ISVF

ISVB
ISVC
ISVD
ISVG
ISVH
Migração de Tipos de Condições
J_1BTXISS (Para o Local de Prestação do Serviço)

ISVR

ISVN
ISVO
ISVP
ISVS
ISVT
Migração de Tipos de Condições

J_1BTXPIS

ISVR

BPI1 BPI2 BPIP


Migração de Tipos de Condições

J_1BTXCOF

ISVR

BCO1 BCO2 BCOP


Migração de Tipos de Condições

J_1BTXWITH

BW01 BW02

BW11 BW12
BW21 BW22
BW31 BW32
BW41 BW42
Notas SAP

Site: http://service.sap.com
Dicas de Projeto
Migração
Migração
Empresa

Filial 1 Filial 2 Filial 2

Centro 1 Centro 2 Centro 3 Centro 4

Empresa
Empresa
Depósito
Processo de Compras: Industrialização
Fornecedor
O fornecedor recebe o Pedido
e envia o material acompanhado
com a Nota Fiscal - Fatura.

Pedido de
Compras
O setor de recebimento
aprovado
recebe o material fisicamente,
O Pedido de compras compara com o solicitado
depois de aprovado é no pedido de Compra e registra
enviado ao Fornecedor. no sistema.

O Comprador
recebe a necessidade
de compra e gera o
Pedido de Compra
Controle de Estoque
para um Fornecedor.
Contabilidade sem impostos
O setor de recebimento fiscal
verifica a Nota Fiscal e
compara os dados com o
acordado no Pedido, através
O material adquirido é
da Entrada da Fatura no sistema.
colocado em estoque.
Contas a pagar
Contabilidade com impostos
Livro Fiscal
ICMS: Diferencial de Alíquota