Você está na página 1de 27

ARREMESSOS E LANÇAMENTOS

Disciplina: Metodologia
dos Esportes Individuais
Prof: Major BM Fernando
Grupo: Ten Jakeline
Ten Santana
Ten Isabel
Cb Pétala
Cb Kiarelly
ATLETISMO:
Arremessos e Lançamentos
O atletismo é um conjunto de
atividades esportivas, tais como corridas,
saltos, arremessos e lançamentos, que
teve origem nas
primeiras Olimpíadas realizadas
na Grécia Antiga, sendo considerada a
forma organizada de competição mais
antiga.
Nos primeiros Jogos Olímpicos,
realizados em 776 a.C, eram realizadas
provas de corridas e arremessos de
peso.
ARREMESSO X LANÇAMENTO

 De acordo com o dicionário Aurélio, a


palavra arremessar significa ato ou efeito de
Atirar com força de braço. Arremessar vale
como atirar ou lançar com força para longe.
Lançamento é o ato de lançar e, finalmente,
lançar é igual a atirar com força ou arremessar.

 No atletismo há essa diferenciação.

 Arremesso é quando o objeto vai da linha do


ombro para frente, enquanto lançamento o
objeto vem de traz da linha do ombro para
frente.
 Isto se deve ao fato de existir uma
pequena diferença que caracteriza a maneira do
atleta soltar o implemento no ar, onde
observamos que o peso é empurrado e os
demais são projetados com características
diferentes.
ARREMESSO DE PESO
História
 A antiga civilização egípcia incluía provas de
arremesso de pedras em suas festividades, bem
como os gregos, nas primeiras reuniões
religiosas e esportivas, há mais de 3 mil anos.
 No século XVII, soldados Ingleses organizaram
as competições de arremesso de bala de
canhão.
 O Arremesso de peso está presente nos Jogos
Olímpicos desde a primeira edição, em 1896,
em Atenas.
 As regras foram estabelecidas em 1860, quando
o arremesso tinha que ser feito de um
quadrado com lados de 7 pés (2,13m). Foi
alterado em 1906 por um círculo de 7 pés de
Ralph Rose, norte
diâmetro. Consistia em lançar, à maior distância americano campeão
possível, uma esfera de bronze ou ferro. olímpico 1904 e 1908.
ARREMESSO DE PESO
Especificações Técnicas; • Diâmetro do círculo: 2,135m
 Peso; ou 7 pés;
- 4 kg para as mulheres; •Setor de queda do peso:
- 7,26 kg para os homens;
Abertura 34,92
- Crianças e adolescentes,
chamado de pelota e feito
de acordo com a idade.
 Material: bronze ou
ferro fundido e chumbo

Objetivo: é arremessar o
peso o mais longe possível.
ARREMESSO DE PESO
PRINCIPAIS REGRAS:
 A ordem que os competidores farão suas tentativas
será decidida por sorteio;
 Até 8 competidores - 6 tentativas para cada um;
 Mais de 8 competidores: 3 tentativas para cada um,
classificando os 8 melhores para mais 3 tentativas na
ordem inversa de classificação;
 O arremesso deve ser feito de dentro do círculo,
iniciando de uma posição estacionária, podendo tocar
na parte interna do aro ou anteparo.;
 O peso deve cair dentro da zona de quedas;
 A distância é medida até a primeira marca onde o
peso tocou o solo;
 O peso deve ser arremessado partindo
do ombro com uma só mão, o peso
deverá tocar ou estar bem próximo ao
pescoço ou ao queixo.
 O peso deve ser lançado com as pontas
dos dedos e não com a palma da mão ou
a mão toda;
 A mão não deverá ser abaixada desta
posição desde o início do arremesso.
 O peso não deve ser arremessado detrás
da linha dos ombros.
 O jogador não deve sair do círculo antes
que o lançamento seja finalizado (o peso
esteja parado no solo).
ARREMESSO DE PESO
QUANDO O JOGADOR
COMETE FALTA (arremesso
inválido):
 Sair do círculo demarcado pela
parte da frente;
 Encostar-se na parte superior do
anteparo;
 Arremessar fora da área
permitida;
 Segurar o peso abaixo do nível do
ombro;
 Demorar mais de 90 segundos
para arremessar;
 Não conseguir parar e perder o
controle.
ARREMESSO DE PESO
 Técnica linear (PARRIE O' BRIEN)
Na técnica de deslocamento linear (de costas) o atleta
deverá, partindo da posição inicial, executar um "chute"
para trás e para baixo com a perna contrária a de apoio, e
partir para o deslocamento quando o calcanhar, da perna
de apoio, for o último contato. Ao final do deslizamento,
após a projeção dos quadris para frente e para cima o
atleta precisa girar o tronco e ao ficar de frente para a área
de arremesso realizar o bloqueio do lado contrário ao
portador do implemento, para que transmita uma maior
quantidade de movimento para o implemento.
ARREMESSO DE PESO
 Técnica do giro (BARISCHNIKOV)
Na técnica de deslocamento em rotação o atleta deverá, partindo da
posição inicial, executar um pequeno giro a fim de somar esta
energia produzida pelo movimento circular à energia final do
implemento. No final do movimento (arremesso e recuperação), o
atleta encontra-se em posição semelhante à técnica de
deslocamento de costas. Ao final do deslizamento, o atleta precisa
virar o tronco e o quadril de forma enérgica, para que transmita a
energia do movimento para o implemento. Com ela, Baryshnikov
conquistou o recorde mundial da modalidade em 1976, fazendo a
marca de 22,00 metros.
ARREMESSO DE PESO
fonte: CBAt
RECORDES MUNDIAIS
NOME MARCA PAÍS DATA
Randy Barnes 23.12m USA Los Angeles 20/05/90

Natalya Lisovskaya 22.63m URS Moscou 07/06/87

RECORDES OLÍMPICOS
NOME MARCA PAÍS DATA
Ryan Crouser 22.52m USA RIO 2016
Ilona Slupianek 22.41m Alemanha Moscou 1980

RECORDES BRASILEIROS
NOME MARCA PAÍS DATA
Darlan Romani 21.82m BR SP 03/06/2017
Elisangela Maria 19.30m BR Tunja, COL 14/07/01
LANÇAMENTO DE DARDO
HISTORICO
 A história do lançamento do dardo pode
ter sua origem na pré-história.
Empregado, inicialmente na caça e,
posteriormente na guerra, como arma
de combate é uma das provas mais
antigas do atletismo, sendo disputada
nos Jogos Olímpicos da Velha Grécia.
 O dardo fazia parte do
pentatlo nos Jogos Olímpicos da
Antiguidade, aparecendo pela primeira
vez em 708 a.C.
 Como modalidade olímpica, o dardo foi
introduzido em Londres 1908,
em Estocolmo 1912, com a introdução
do decatlo nos Jogos, passou a ser
uma das dez provas desta modalidade
LANÇAMENTO DE DARDO
O IMPLEMENTO(dardo)
 Material: metal ou madeira ou fibra
de vidro ou fibra de carbono.
 Peso:
-600 g para as mulheres e
-800 g para os homens.
 Seu tamanho, tipo, peso mínimo e
centro de gravidade foram definidos
pela IAAF – Federação Internacional
de Atletismo e variam do homem
para a mulher. O homem usa um
dardo de 2,7 metros
de comprimento, pesando
800 gramas. A mulher usa um dardo
um pouco mais leve, 600 gramas, e
tem 2,3 metros de comprimento.
Os dois modelos tem uma
empunhadura feita de corda
localizada no centro de gravidade
LANÇAMENTO DE DARDO
Principais Regras
 O atleta tem de empunhar o dardo pelo encordoamento.
 O dardo tem de ser lançado por cima do ombro.
 Cada atleta tem três tentativas, após as quais os oito atletas com melhores marcas
têm direito a mais três ensaios pela ordem inversa da classificação.
 Em caso de empate, desempata o segundo melhor resultado e assim sucessivamente.
 O ensaio é nulo se o atleta tocar nos limites da pista durante o lançamento.
 O ensaio é nulo se o dardo cair fora do setor de queda.
 O ensaio é nulo se o dardo não tocar primeiro no solo pela ponta metálica.
 O ensaio é nulo se o atleta abandonar o corredor antes do dardo cair no solo.
LANÇAMENTO DE DARDO
 O atleta corre para tomar impulso e usa uma pista de corrida e lançamento com 34,9 metros de
comprimento e 4 metros de largura, fazendo um giro rápido com o corpo para lançar.
 O dardo costuma sair das mãos do atleta com uma velocidade de 100 km/h. Após o voo, ele aterra
numa zona relvada que costuma ocupar a zona central dos estádios de atletismo.
 A marca obtida pelo atleta é medida pelos oficiais, desde o limite da zona de lançamento até ao
primeiro ponto onde o dardo tocou no chão, obrigatoriamente dentro de uma setor pré-marcado no
campo com um ângulo de 29°.
 A técnica do dardo tem regras próprias ditadas pela IAAF e lançamentos "não-ortodoxos" não são
permitidos; o dardo precisa ser seguro pela empunhadura e lançado por cima do braço levantado ou
dos ombros; além disso, é proibido ao atleta se virar completamente de maneira a que seu rosto
fique em direção contrária ao lançamento
LANÇAMENTO DE DARDO
 RECORDS de acordo com a Federação
Internacional de Atletismo – IAAF.
LANÇAMENTO DE DISCO
Histórico:

O esporte teve origem nas Olimpíadas da


Antiguidade, precisamente em 708 a.C. Existem várias
obras de arte que comprovam o fato, como a estátua
de Discóbolo, criada em 455 a.C. pelo grego Míron.
Provavelmente os primeiros discos não tinham a forma
dos atuais e eram de pedra.
O poeta grego Homero já se referia ao evento
na descrição da Ilíada do funeral de Patroclus em cerca
de 800 a.C. Apesar de não fazer parte do pentatlo
moderno, era uma das modalidades do
antigo pentatlo olímpico.
O lançamento de disco foi incluído logo na
primeira edição dos Jogos Olímpicos de Atenas, em
1896, da Era Moderna. O primeiro campeão olímpico
foi Robert Garrett, dos Estados Unidos e a primeira
campeã Halina Konopacka, da Polônia.
A diferença principal para as competições atuais
é que o lançamento era estático, até por volta de 1900,
quando os nórdicos passaram a girar para fazer o
arremesso. Nessa época o lançamento era feito com as
duas mãos. Após a década de 20, foi criada a regra do
arremesso com uma mão apenas, e em 1954, o giro
passou a ser obrigatório nas competições.
LANÇAMENTO DE DISCO
 O IMPLEMENTO:
 Material; madeira ou fibra de vidro
com borda suave de metal.
 Peso; -1 kg para as mulheres e
-2 kg para os homens.
 O disco usado é um prato de metal
com a forma de um círculo com o
diâmetro de 22 cm.
 Na prova masculina, o disco mede
entre 219 e 221 mm de diâmetro e
de 44 a 46 mm de espessura e pesa
2 kg.
 Na modalidade feminina, mede entre
180 e 182 mm de diâmetro e de 37
a 39 mm de espessura, pesando 1 kg.
LANÇAMENTO DE DISCO
Principais Regras:
O atleta não pode deixar o círculo até
que o disco tenha caído ou sem a autorização
do juiz.
A distância medida do disco lançado
é tomada desde a borda do círculo até o
ponto em que o disco tocou o chão.
Cada atleta tem três tentativas, após
as quais os oito atletas com melhores marcas
têm direito a mais três tentativas pela ordem
inversa da classificação.
Nas competições, o atleta fica dentro
de uma espécie de jaula (é assim mesmo que
é chamada), que nada mais é do que uma
rede de 4m de altura, com uma abertura em
um ângulo de 40°. É por essa abertura que o
disco é lançado. O atleta deve, ainda, se
manter dentro de um círculo de 2,5m de
diâmetro, e não pode pisar na linha que
marca essa distância.
LANÇAMENTO DE DISCO
O lançamento é feito de dentro de
um círculo de 2,5 m de diâmetro no chão,
margeado por um anteparo de concreto de
2 cm de altura. O atleta segura o disco
plano contra os dedos da mão e o
antebraço do lado do lançamento, gira
sobre si mesmo rapidamente e lança o
disco ao ar estendendo o braço. Para
melhorar a pegada é permitido o uso de
uma substância adequada nas mãos e pode
ser usado um cinturão para proteger a
coluna.
https://pt.wikihow.com/Lançar-um-
Disco
LANÇAMENTO DE DISCO
 RECORDS de acordo com a Federação
Internacional de Atletismo – IAAF.

Os recordes mundiais, no masculino assim


como no feminino, pertencem a atletas da
antiga Alemanha Oriental: Jürgen Schult, em
1986, com a marca de 74,08 m e Gabriele
Reinsch em 1988, com a marca de 76,80 m.
LANÇAMENTO DE MARTELO
HISTORICO

Lendas antigas traçam o conceito do


lançamento do martelo à cerca de 2000 a.C e aos
Jogos Tailteaann, em Tara, na Irlanda pré-cristã,
onde o guerreiro celta Cú Chulainn agarrou uma
roda de carruagem pelo eixo e a atirou à distância.
A roda foi depois substituída por uma pedra presa
a um cabo de madeira e o uso posterior de
uma marreta é considerado como originário
da Inglaterra e da Escócia na Idade Média. Uma
pintura do sécul XVI mostra o rei Henrique
VIII lançando o martelo de um ferreiro. Também
entre as antigas tribos teutônicas, formas de
lançamento do martelo eram praticadas durante
festivais religiosos em homenagem ao deus Thor.
A modalidade foi introduzida nos Jogos
Olímpicos em Paris 1900 e teve como primeiro
campeão o norte-americano John Jesus Flanagan,
que a venceu também nos dois Jogos
seguintes. Para as mulheres, ele só estrearia cem
anos depois, em Sydney 2000 e a primeira
campeã foi a polonesa Kamila Skolimowska, que
foi campeã olímpica aos 17 anos, a mais jovem na
história desta modalidade.
LANÇAMENTO DE MARTELO
o implemento (martelo)
 É formado por três elementos; bola,
arame (cabo) e alça.
 Peso 7,26 kg na prova dos homens e
4 kg nas provas femininas.
 O chamado martelo na verdade é
uma esfera de metal –
geralmente aço inoxidável ou bronze
 A esfera é presa a um cabo de
aço na ponta do qual existe
uma manopla, onde o atleta segura
para o lançamento. O conjunto
esfera, cabo e manopla formam uma
unidade de comprimento máximo de
1,2 m.
LANÇAMENTO DE MARTELO
Principais Regras
 O lançamento é feito com o atleta posicionado dentro de uma base
de concreto circular de 2,135 metros de diâmetro (7 pés), com um
anel metálico ressaltado marcando o diâmetro limite. O setor onde
se realiza o lançamento de martelo é envolto por três lados por
uma gaiola (geralmente revestida por redes), de cerca de dez
metros de altura, que protege os espectadores e demais atletas de
um lançamento mal sucedido.
 Para que a distância seja medida, o lançamento precisa ser feito de
maneira a que o implemento caia dentro de uma área marcada num
ângulo de 34,92° à frente e o atleta não pode sair do círculo antes
que o martelo toque o chão após o voo e sempre pela parte traseira
dele
 Se o martelo cai no terreno dentro de um ângulo de 90 graus, o
lançamento é considerado válido
 O lançamento será invalidado: se os pés do atleta tocarem fora do
círculo de 2,135 m, ou sobre a parte superior da borda metálica que
o envolve; se o atleta demorar mais de 1 minuto para iniciar o
movimento de lançamento; se o implemento for lançado fora do
ângulo demarcado junto à grama; se, após realizar o lançamento, o
atleta deixar o setor pela metade da frente do círculo.
 Cada atleta tem três tentativas e, após realizá-las, ficam apenas oito
atletas com os melhores resultados para realizar mais três
lançamentos. Como resultado final, considera-se a melhor marca
entre os seis lançamentos feitos. Em caso de empate, vale a
segunda melhor marca do atleta
LANÇAMENTO DE MARTELO
 A técnica foi muito aprimorada nas últimas décadas,
sendo que o lançamento de martelo é considerado umas
das provas de técnica mais complexa do atletismo.
 O movimento de lançamento pode ser divido em três
etapas distintas, o molinete, o giro e o lançamento.
 O movimento é iniciado com o atleta virado de costas
para a trajetória do lançamento, segurando a manopla
com as duas mãos e mantendo os pés imóveis. O atleta
gira o martelo sobre a sua cabeça (movimento
denominado molinete), a fim de dar velocidade ao
implemento.
 Em sequência ao molinete, o atleta gira sobre o próprio
corpo, mantendo a trajetória circular já iniciada do
martelo. Aqui, faz-se um movimento complexo com os
pés, trocando calcanhar e ponta do pé, de maneira que o
lançador se desloca pelo setor. Essa técnica permite
incrementar velocidade e inclinar o plano orbital do
martelo, a fim de que exista um ponto alto e um ponto
baixo, o que dará uma trajetória com altura correta no
momento do lançamento. Lançadores de alto nível
executam de 3 a 4 giros, em alta velocidade.
 Ao final do último giro, o atleta bloqueia o movimento do
seu corpo, fazendo uma alavanca e lançando o martelo.
Essa puxada final é onde o atleta imprime maior força, e
geralmente onde se conclui a trajetória de direção e
ângulo de lançamento.
LANÇAMENTO DE MARTELO
 RECORDS de acordo com a Federação
Internacional de Atletismo – IAAF.

Você também pode gostar