Você está na página 1de 27

Treinamento de segurança no uso de

lixadeira
Objetivo
Este procedimento interno para trabalho com
lixadeiras tem como objetivo esclarecer, de
forma correta, quando ao uso dos EPI, as
normas de segurança para os
colaboradores da presintel, a partir da
educação e conscientização, desfrutem dos
benefícios alcançados pela realização de
um trabalho 100% seguro no setor
industrial.
Esmerilhadeiras
As esmerilhadeiras são máquinas elétricas ou
pneumáticas, portáteis, com alta rotação, destinadas
a acabamentos superficiais, muito usadas em
industrias mecânicas.
São fabricadas com todos os requisitos e padrões de
segurança.
Porém se forem modificadas as especificações do
fabricante, tais como: retirada da proteção ou
adulteração da mesma, uso de disco após queda, a
esmerilhadeira torna-se uma arma mortal, que expõe
não somente o operador, mas também outras pessoas
que trabalham nas imediações de sua operação.
Esmerilhadeiras
 DISCO DE CORTE
Tem a finalidade de cortar materiais metálicos, sendo
indispensável a definição do disco apropriado ao
material a ser cortado.
 DISCO DE DESBASTE
Tem a finalidade desbastar, remover rebarbas,
imperfeições, desbastar cordões de solda e em
hipótese alguma deve ser usado para corte.

 ESCOVA ROTATIVA
Serve para polimento final de uma solda e retirada de
crosta de ferrugem.
Esmerilhadeiras
 COIFA PROTETORA (Proteção do Disco)

Tem por finalidade proteger o trabalhador das


possíveis projeções de fagulhas ou quebra do
disco.

Observação:
É proibido o uso de esmerilhadeira sem a coifa
protetora ou com a mesma adulterada.
Esmerilhadeiras
 FLANGES
São dispositivos de fixação do disco, compostos
por duas partes:
Flange Superior: porca de fixação do disco.
Flange Inferior: trabalha em conjunto com a flange
superior dando estabilidade e alinhamento do
disco.
Observação: O aperto da flange porca deve ser
um mínimo suficiente para fixar o disco. Caso
contrário a tensão do aperto poderá danificá-lo.
Esmerilhadeiras
Flange Inferior

Disco
de Corte

Chave de
Pino

Flange Coifa
Superior Protetora
Inspeção das esmerilhadeiras
 CABOS DE ALIMENTAÇÃO

 COIFA ou PROTEÇÃO DO DISCO

 CHAVE SELECIONADORA

 PARAFUSAMENTO

 FLANGES
Inspeção das esmerilhadeiras
 CABOS E DISPOSITIVOS DE ALIMENTAÇÃO

• Observar se a chave liga-desliga não apresenta mal contato.


• Não é permitido usar cabos com emendas.
• Tomadas elétricas de três pinos sendo uma para aterramento. COIFA/
PROTEÇÃO DO DISCO

• Deve estar voltada para o operador, bem afixada e não apresentar


trincas na cinta de fixação.

• A coifa não poderá estar amassada e tocar no disco, já que o disco


certamente irá romper quando a esmerilhadeira for ligada ou estiver
em operação, causando acidente grave, que inclusive poderá ser
fatal.
Inspeção das esmerilhadeiras
 CHAVE SELECIONADORA

Não deve apresentar mal contato (liga-desliga)

 PARAFUSAMENTO

Averiguar se todos os parafusos de fixação se


encontram bem apertados.

 FLANGES
Observar se estão adequadamente apertados em cada
troca de disco.
Inspeção das esmerilhadeiras
 Verificar se o equipamento apresenta o botão
de trava do eixo para troca de disco.
 Averiguar se o disco é apropriado para a
execução da tarefa.
 Certifique-se de que todas as esmerilhadeiras
estejam dotadas de fio terra.
Inspeção das esmerilhadeiras
 Substitua a esmerilhadeira quando estiver com
terminais impróprios ou danificados, falhas no
funcionamento (mal contato), interruptores
danificados, fios elétricos em más condições e
desprovida de fio terra.
Riscos no trabalho com esmerilhadeira
 POEIRA
Gerada na execução do trabalho com esmerilhadeira. Pode
causar intoxicação crônica ou aguda.
 AR VICIADO
Trabalhos em locais confinados, onde não exista circulação de
ar e que podem causar asfixia.
 RUÍDO
Gerado pelo simples funcionamento da máquina e também
quando em atrito com a peça a ser trabalhada. Pode causar
redução da capacidade auditiva, permanente ou temporária,
surdez profissional além de outros males inerentes à
exposição ao ruído intenso como irritabilidade, nervosismo,
distúrbios gastroentestinais, elevação da pressão sanguínea,
dor de cabeça.
Riscos no trabalho com esmerilhadeira
 CORPO ESTRANHO NOS OLHOS

Causado pela projeção de fagulhas ou mesmo de


partículas (rebarbas) geradas na execução da tarefa.

 POSIÇÃO INADEQUADA PARA O TRABALHO.

Pode causar diminuição da qualidade do serviço,


lombalgia, corte, quebra do disco e distensão.

 QUEDAS

Podem ser causadas por choque elétrico,


manuseio inadequado do equipamento, mau
posicionamento para execução da tarefa.
Riscos no trabalho com esmerilhadeira
 QUEBRA DE DISCOS

Ocorre pela utilização inadequada da esmerilhadeira, uso de coifa


amassada, encostando no disco, disco fora da faixa de segurança
etc.

 CHOQUE ELÉTRICO

Provocados por contato com partes energizadas expostas,


ocasionadas pela falta de inspeção ou durante o próprio manuseio
do equipamento.

 INCÊNDIO/ EXPLOSÃO
Projeção de fagulhas em cilindros de gases,
mangueiras .
Riscos no trabalho com esmerilhadeira
 DISCO

* Verifique se o mesmo não se encontra quebrado, rachado


danificado ou trincado.

* Ao ouvir qualquer ruído anormal na emerilhadeira, pare a


operação e leve-a imediatamente para a manutenção. Não tente
reparar o defeito.

* Utilize discos em perfeito estado de conservação sem trincas,


rachaduras ou empenados.
* Fixe o disco com utilização da chave superior de 2 pinos.
Riscos no trabalho com esmerilhadeira
 DISCO

* Ao concluir o serviço paralisar o disco ou


a escova na própria peça trabalhada, antes de
movimentar a esmerilhadeira para outra direção.

* Não force o disco para parar a rotação se não


você danifica o rolamento ou o próprio disco. Mas
tome cuidado: espere até cessar a rotação por
completo para depois recolher a esmerilhadeira.
Sempre certifique-se de que a rotação cessou.
Riscos no trabalho com esmerilhadeira
 DISCO

* Utilizar a proteção (coifa) do disco ou escova,


voltada para si mesmo (usuário da
esmerilhadeira).

* A troca do disco deve ser feita somente após a


desconexão do plug da tomada de alimentação.

* Jamais teime em trocar o disco sem desligar


a esmerilhadeira na tomada. Vários acidentes já
foram causados por este motivo.
Uso incorreto da esmerilhadeira
 Improvisar ferramentas para fixação do disco.
 Usar a esmerilhadeira sem a coifa de proteção do
disco ou com a mesma adulterada.
 Utilizar disco de corte para desbastar.
 Trocar o disco da esmerilhadeira com a tomada
ligada.
 Posicionar a esmerilhadeira próximo ao rosto.
 Posicionar a esmerilhadeira no chão com o disco
em rotação.
 Descer ou subir a esmerilhadeira pelo cabo.
 Tentar reparar defeitos no equipamento.
 Usar a esmerilhadeira para afiar ferramentas.
 Deixar o equipamento cair no chão.
 Direcionar fagulhas na direção das pessoas.
Uso incorreto da esmerilhadeira
EPI Obrigatório no uso de lixadeira
Equipamentos de Proteção Individual:
São os dispositivos de uso individual destinados a
proteger a integridade física do trabalhador. É obrigatório
o uso dos seguintes EPI’S nos trabalhos com
esmerilhadeiras:
 Capacete de segurança com jugular.
 Óculos de segurança contra impacto
 Protetor auricular
 Máscara contra poeiras.
 Protetor facial (viseira)
 Avental de raspa
 Botina com biqueira de aço
 Perneira de raspa
Acidente com lixadeira
Acidente com lixadeira
Acidente com lixadeira
Acidente com lixadeira

DISCOS DE
LIXADEIRA
UTILIZADOS
Acidente com lixadeira
Instrutor

Isa Fernandes Feitosa


Técnico de Segurança do Trabalho