Você está na página 1de 19

USO DA MESOTERAPIA

NA TRAUMATOLOGIA DO DESPORTO
MESOTERAPIA

 O termo Mesoterapia foi proposto por


Michel Pistor em 1958
 Foi reconhecida como realidade
terapêutica em 1987
 É técnica recente, da medicina, bem como
no tratamento de várias patologias do foro
músculo-esquelético do atleta
 Surge em Portugal pela mão dos médicos
ligados à Medicina do Desporto
O QUE É A MESOTERAPIA ?

 A mesoterapia consubstancia uma nova via


de administração de fármacos
 Caracteriza-se pela administração de
pequenas quantidades de fármacos, em
concentrações elevadas, no local exacto
onde a acção terapêutica é desejável
 Trata-se de um acto terapêutico, realizado
após um exame médico, que permitiu
estabelecer um diagnóstico
MESOTERAPIA

 A via mesoterápica é uma nova via dotada de


farmacodinâmica própria
 Caracterizada por uma maior
biodisponibilidade dos fármacos
administrados
 Com menor iatrogenia, permitindo uma
diminuição das doses administradas e da sua
frequência de administração
MESOTERAPIA

Indicações

 Traumatologia do desporto

Tenosinovite, Tendinose, Bursite


Aponevrosite, Periostite, Entesopatia,
Rotura / contratura muscular
Pubalgia, Doença da cartilagem
MESOTERAPIA
Material e Metodologia
Técnicas manuais (seringa, agulha e a mão)
MESOTERAPIA
Material e Metodologia
 Técnicas assistidas ( pistola mecânica, eléctrica ou pneumática )
MESOTERAPIA
Material e Metodologia
MESOTERAPIA
Material e Metodologia

 As técnicas manuais têm inconvenientes

1 São mais dolorosas


2 A profundidade da injecção não é constante
3 A dosificação não é uniforme e há um pior
controlo desta
MESOTERAPIA

Material e Metodologia

 As técnicas assistidas permitem diferentes


calibrações no que concerne á profundidade
de injecção, dose por picada e ritmo das
picadas

 A aplicação é menos dolorosa


MESOTERAPIA
Fármacos a utilizar

 Devem ser solúveis em água (a mistura deve


ser uma solução isotónica)
 Não devem ter acção vasoconstritora ( risco
de necrose local )
 Devem ter total miscibilidade entre os
diversos fármacos ( incompatibilidades
físicas ou químicas )
 Evitar fármacos susceptíveis de reacções
alérgicas ( iodo, enzimas, etc... )
MESOTERAPIA
Fármacos a utilizar

 Vasodilatadores : Buflomedil
Calcitonina humana
ou de salmão

 AINE : Piroxicam
Tenoxicam
MESOTERAPIA
Fármacos a utilizar

 Anestésico / Analgésico : procaína a 2%


lidocaína a 1%

 Relaxantes musculares : tiocolquicosido


Técnica de execução
Técnica de execução
MESOTERAPIA

Após uma sessão de mesoterapia é


desaconselhável

1. Banho quente
2. Exposição solar
3. Aplicação de tópicos no local do tratamento
4. Ionizações sobre a zona envolvida
5. Massagem local
6. Actividade desportiva nas 12 horas seguintes
MESOTERAPIA

Frequência

 Fase aguda - duas sessões semanais

 Fase sub-aguda - uma sessão semanal,


evoluindo para períodos mais espaçados,
de acordo com a evolução
Final da Sessão
Olympica Internacional
Serviços Clínicos no Porto

Clínica Bessa Leite, Rua da Venezuela 53