Você está na página 1de 39

A CAPACIDADE DE DIZER NÃO:

UM BREVE PERCURSO SOBRE AS IDEIAS E OBRA DA


ARQUITETA LINA BO BARDI

Bob Wolfenson
Arquivo
ILBPMB
“ Se o problema é fundamentalmente politico – econômico, a
tarefa do atuante no campo do desenho é, apesar de tudo,
fundamental. É aquilo que Brecht chamava – a capacidade de
dizer “não”.
Lina Bo Bardi
TRAJETÓRIA DE VIDA - ITÁLIA
A GUERRA FOI A MARCA QUE
CARREGOU DURANTE TODA A SUA
VIDA, E DE ONDE TIROU,
CONTINUAMENTE, FORÇAS PARA
ENFRENTAR DIFICULDADES,
DERRUBAR BARREIRAS, E PENSAR
QUE A VIDA É VIDA SEMPRE POR
UM FIO, E QUE PORTANTO SÓ SE
DEVE PENSAR E FAZER AQUILO
QUE É FUNDAMENTAL,
IMPRESCINDÍVEL, VITAL. DAÍ LINA
TIROU SEU PROFUNDO SENSO
Milão, maio, 1945. “Bahia del Re”,
OBJETIVO E POÉTICO AO MESMO
CINEMA NEOREALISTA GIO PONTI
TRAJETÓRIA DE VIDA - BRASIL

COM CHATEAUBRIAND

LINA E PIETRO BARDI

BAILE DE CARNAVAL
NO IAB
(1948)
TRAJETÓRIA DE VIDA – BAHIA: UM DIVISOR DE Á
EXPOSIÇÃO MARIO CRAVO MAMB

LINA BO BARDI E GLAUBER


ROCHA
AVANT GARDE
Palestras na UFBA:
Necessidade de humanização da
arquitetura contemporânea

Cenografia para peças: movimento


teatral que despontava
Calígula
Ópera dos três tostões

Página dominical do diário de


notícias

Desenvolve temas como a consciência


do patrimônio cultural e a formação de
conceitos como cultura, civilização e
arte

Restauro Solar do Unhão

Museu de arte popular e escola de


ARQUITETURA
CÊNICA E TRAJES

ÓPERA DOS TRÊS TOSTÕES –


PEÇA DE BERTOLD BRECHT E K.
WEILL
DIREÇÃO MARTIM GONÇALVES,
1960

CALÍGULA – PEÇA DE ALBERT


CAMUS
DIREÇÃO MARTIM GONÇALVES,
1961
“Comer, sentar, falar, andar, ficar sentado tomando um pouquinho de
sol... A arquitetura não é somente uma utopia, mas um meio para
alcançar certos resultados coletivos. A cultura como convívio, livre
escolha, liberdade de encontros e reuniões”. 
HISTÓRIA

“O quarto do arquiteto”
RESTAURAÇÃO CRÍTICA: SOLAR DO UNHÃO

F. A. Guth
Vista da praça a beira-mar
com antigo guindaste
RESTAURAÇÃO CRÍTICA: SESC POMPÉIA
RESTAURAÇÃO CRÍTICA: SESC POMPÉIA
“Ninguém transformou nada.
Encontramos uma fábrica com uma
estrutura belíssima,
arquitetonicamente importante,
original, ninguém mexeu...

O desenho de arquitetura do Centro


de Lazer Fábrica da Pompéia partiu
do desejo de construir uma outra
realidade. Nós colocamos apensas
algumas coisinhas: Um pouco de
água, uma lareira.”
EXPOSIÇÃO ARTÍSTICA
MASP 7 DE ABRIL
- EXPOSIÇÕES
DIDÁTICAS

- O PASSADO E O
PRESENTE CONVIVEM
JUNTOS:
CLASSIFICAÇÃO
INFORMAL
VÍNCULO ITÁ

Marcelo Nizolli, Franco Albini

Edoardo Persico, Pagano


MASP PAULISTA
BAHIA NO IBIRAPUERA
SESC FÁBRICA DA POMPÉIA

EXPOSIÇÃO DESIGN O BRASIL:


HISTÓRIA E REALIDADE (1982)
SESC FÁBRICA DA POMPÉIA

EXPOSIÇÃO MIL BRINQUEDOS


PARA
A CRIANÇA BRASILEIRA (1982)
SESC FÁBRICA DA POMPÉIA

CAIPIRAS, CAPIAUS: PAU-A-PIQUE


(1982)
TRABALHO
CANTEIRO DE OBRAS
“Eu não tenho escritório.
Trabalho resolvendo os
problemas de projeto à noite,
quando todo mundo dorme,
quando o telefone não toca, e
tudo é silêncio. Depois eu monto
um escritório com os
engenheiros, os técnicos e os
operários no próprio canteiro.”
“A arte deve ser feita por todos, e não
por um só”
IGREJA DO ESPÍRITO SANTO DO CERRADO,
UBERLÂNDIA (1976-82)

- Construída em mutirão
- Materiais locais
- tradição + modernidade
REPRESENTAÇÃO GRÁFICA
MOBILIÁRIO
FREI EGYDIO

GIRAFA
NO SESC POMPEIA, LINA
ESTABELECE O “ANTI-CONFORT”:
“É O DISTANCIAR E ENVOLVER, O
IR E VIR DO POVO, A ARQUITETURA
VIVA E EM MOVIMENTO NO
CONJUNTO”
“AS CADEIRAS DE CIMENTO, DA
CHOPERIA TAMBÉM. AQUELA
COSA PESADA. QUANDO TIM
MAIA TOCOU LÁ, LEMBRO QUE
A CILENE SUBIU EM CIMA DA
MESA. NÃO TINHA COMO
QUEBRAR UMA CADEIRA,
ACONTECER ALGUMA COISA.
(VALTER)
- TAMBÉM, ERA TIM MAIA E
SANDRA DE SÁ. LIBEROU
GERAL. (CILENE)
LINA BO BARDI (1914 – 1992)
A arquiteta Lina Bo Bardi desenvolve, a

noção de que sem uma consciência crítica

do arquiteto voltada aos valores da

sociedade, em relação ao momento histórico

em que se vive; seu papel torna-se

preponderantemente uma atividade

estética, condizendo com os problemas

concretos da arquitetura e da coletividade.


OBRIG
ADA!
http://www.institutobardi.com.br/
http://living.corriere.it/tendenze/libri/2012/libro-
camilleri-30597823231.shtml http://www.jcms-journal.com/articles/10.5334/jcms.102122

Interesses relacionados