Você está na página 1de 19

GERENCIAMENTO

DA PRODUÇÃO
RONEISON RAMOS
HISTÓRICO E EVOLUÇÃO
DA ORGANIZAÇÃO DO
TRABALHO
CONCEITO

“O trabalho é essencialmente uma


forma de relação entre os homens em
sociedade e a natureza”.
SIGNIFICADOS DO TRABALHO

Trabalho transformador - permite agir sobre a natureza e


obter dela os bens necessários.

Trabalho produção - produção de bens e serviços.

Trabalho relação - estabelece relações entre os homens,


fomentando contatos sociais e troca de experiências.

Trabalho utilidade - criação de valores úteis.


CARACTERISTICAS DO TRABALHO

• Espaço definido
• Horário estabelecido
• Regras e Técnicas de organização
• Com vista a:
 Obter um rendimento
 Produzir riqueza
 Proporcionar bem-estar
SIGNIFICADO SOCIAL DO TRABALHO

Na vida do trabalhador
Na vida da sociedade
 Sentimento de identidade
 Satisfação
 Realização
QUESTÕES PARA DISCUSSÃO (ENTREGA NO
FIM DA AULA)

• Caracterize cada um dos tipos de trabalho.


• O trabalho é essencial ao Homem? Justifique.
• Que significa afirmar que o trabalho é fator de satisfação e
realização do Homem?
O TRABALHO DO HOMEM PRÉ-HISTÓRICO

• Trabalho comunitário;
• Bens colhidos da natureza;
• Tarefas distribuídas em função do sexo e da idade:

Divisão natural do trabalho associada ao homem como


ser nômade e coletor.
O TRABALHO DO HOMEM NEOLÍTICO

• Pastoreio;
• Agricultura;
• Artesanato.

Divisão social do trabalho, associada ao à divisão social


de tarefas, em função de alguma especialização.
ANTIGUIDADE: O TRABALHO ESCRAVO

• A economia baseava-se na mão de obra escrava;


• O escravo era uma ferramenta viva;
• Desigualdade da condição humana.
FEUDALISMO: O TRABALHO SERVIL

• Trabalho dependente;
• Trabalho servil (o trabalhador pagava tributos ao senhor
feudal);
• Sem direitos (subordinado ao senhor feudal, de forma
hereditária).
SÉCULO XII: A BURGUESIA

• Renascimento comercial.
• Ressurgimento da vida urbana.
• Falta de mão-de-obra:

Surgem as corporações (associações de artesãos e de


mercadores, com leis e estatutos que regulavam a respectiva
atividade).
AS CORPORAÇÕES

• Constituem organizações de produtores, agrupados por ofícios, de


uma forma rígida ou não, de maneira a garantir os privilégios dos
mestres e no sentido de controlar o mercado e a concorrência.
• O exercício da atividade dependia da autorização da corporação.
• As corporações eram motivo de privilégios para quem lhes
pertencia.
A REVOLUÇÃO INDUSTRIAL

• O operário substitui o artesão e aparece a fábrica  a


manufatura baseando-se essencialmente no trabalho manual do
operário.
• Mecanização das atividades industriais, através de invenções e
de inovações - surge a Revolução Industrial, nos séculos XVIII e
XIX e XX.
• Surgimento do capitalismo (trabalho assalariado).
A SEGUNDA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL

• Invenções e inovações: a eletricidade; o motor de combustão, o


petróleo e o telefone;
• Tarefas especializadas;
• Fabricação em série;
• Início da automação;
• Descobertas que levam ao aumento da produção.
A TERCEIRA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL

• O processo industrial pautado no conhecimento e na pesquisa.


• Após a segunda metade do século XX, depois da Segunda Guerra
Mundial;
• Revolução informacional ou Era da informação.
• O marco principal desta etapa da Revolução Industrial foi o uso da
eletrônica e da informática para modernizar a indústria.
QUESTÕES PARA DISCUSSÃO (ENTREGAR
NA PRÓXIMA AULA)

• Em que consiste a divisão natural do trabalho?


• Que razões levaram à divisão social do trabalho?
• Como era considerado o escravo na Antiguidade?
• Diga o que entende por servilismo.
• Diga o que entende por corporações e trabalho corporativo.
TEMA PARA PESQUISA (GRUPOS DE ATÉ CINCO
PESSOAS) DIA – 21/06/2018
• GLOBALIZAÇÃO.
• PSICOLOGIA INSTITUCIONAL.