Você está na página 1de 36

Morfologia, estrutura e reprodução das

bactérias
Professor: Gustavo Holanda
Disciplina: Microbiologia e Imunologia
Formas bacterianas
Nomenclatura bacteriana
• Regulamentada pelo Código internacional para a nomenclatura de
procariontes.
• Sistema binominal criado por Carl von Linné.

• Escherichia coli
• Staphylococcus aureus aureus
• Staphylococcus aureus anaerobius
• Spreptococcus pneumonie
• Diplococcus pneumonie
Célula bacteriana
Membrana Citoplasmática
• Modelo do mosaico fluido
• 60% de proteínas e 40% de lipídios
• Porção hidrofóbica na parte interna e hidrofílica na parte externa.
• Pontes de hidrogênio e cátions Mg++ e Ca++.
Membrana Citoplasmática - Funções
1. Transporte de Solutos
• Barreira seletiva
• Concentração de metabólitos dentro da célula.
• Proteínas de transporte de membrana
• Transporte de apenas uma substância de um lado para o outro – Uniport
• Transporte de duas substância de um lado para o outro – co-transportadora, Simport
ou Antiport.
• Difusão facilitada – a favor do gradiente.
Membrana Citoplasmática - Funções
• Transporte ativo
Membrana Citoplasmática - Funções
Membrana Citoplasmática - Funções
2. Produção de energia por transporte de elétrons e fosforilação oxidativa.
• Presente na membrana
• Fotossíntese
• Semelhante as plantas e algas
Membrana Citoplasmática - Funções
3. Biossíntese
• Enzimas de síntese dos lipídeos da membrana
• Peptidioglicano, ácidos teicóicos, lipopolissacarídeos, polissacarídeos extracelulares.
• Ligados a membrana
• Junções de Bayer
4. Duplicação do DNA
• Proteínas do complexo de duplicação
• Presentes na membrana
Membrana Citoplasmática - Funções
5. Secreção
• Secreção de enzimas que rompem as moléculas do meio
• Fornece subunidades que servirão como nutrientes
• Toxinas, bacteriotoxinas, penicilinases.
6. Mesossomos
• Invaginações
• Septal – Se liga ao fuso mitótico na divisão celular
• Lateral – Maior transporte de elétrons, maior atividade respiratória e fotossintética.
Parede Celular
• Manutenção da forma celular
• Importante na divisão celular
• Bactérias Gram-positivas e Gram-negativas.

Bactéria Gram-negativa

Bactéria Gram-positiva
Parede Celular – Coloração de Gram
Parede Celular – Coloração de Gram
Parede Celular – Peptídeoglicano
• Gram+ - 45% a 50%
• Gram- - 5%
• N-acetil-glicosamina (NAG), ácido N-acetilmurâmico (NAM) ligados a cadeias
laterais de tetrapeptídios (CLT, L-alanina, D-alanina, D-glutamato,
mesodiaminopimelato).

Bactéria Gram-positiva Bactéria Gram-negativa


Parede Celular – Gram+
• Peptídeoglicano – 70% a 75% da parede
• Ácido teicóico (glicerol e ribitol), Ácido lipoteicóico (LTA) – Facilitar a entrada
e saída de cátions, regulação das autolisinas, sítios receptores de
bacteriófagos, ligação ao epitélio do hospedeiro, antígenos.
Parede Celular – Gram-
• Espaço periplasmático
• Ácidos teicóicos não presente.
• Membrana externa – Dupla camada lipídica
• Lipopolissacarídeo (LPS) – Lipidio A ligado ao antígeno-O
• Açucares variáveis na cadeia lateral
• Endotoxina
Parede Celular – Gram-
• Membrana externa – Proteínas
• Porinas – passagem passiva de solutos, regulada.
• Proteínas de membrana externa (OMP) – transporte de solutos, ligação de fagos e
fímbria sexual.
• Lipoproteína – Função estrutural, ligação com o peptideoglicano, ponte entre as
membranas.
• Barreira contra fagócitos, antibióticos, detergentes, metais, enzimas.
• Barreira hidrofóbica adicional.
Parede Celular – Gram-
• Espaço periplasmático
• Peptídeoglicano
• Enzimas hidrolíticas (proteases, nucleases, lipases) – quebra de moléculas para o
transporte interno.
• Enzimas capazes de inativar drogas – Ex. beta-lactamases (inativa penicilina).
• Outras proteínas de transporte.

• Protoplastos e esferoplastos.
Parede Celular – Exceções
• Arqueobactéricas – peptídeoglicanos diferenciados
• Micoplasma – Não possuem parede celular
• Formas L – Não possuem parede
Cápsula, Camada mucosa e Camada S
• Substâncias poliméricas extracelulares.
• Sustentação celular em bactérias que não possuem peptídeoglicano verdadeiro.
• Reservatório de água e nutrientes
• Aumento da capacidade invasiva de bactérias patogênicas.
• Produção industrial de polissacarídeos extracelulares (SPE) – Ex. tinta.
• Aderência – biofilmes
• Aumento do poder infectante – Ex. cáries (Streptococcus mutans).
• Aumento da resistência contra biocidas.
Flagelo
• Formada por uma proteína chamada de flagelina.
• Movimentação – estimulado por taxia (fototaxia ou quimiotaxia).
Fímbrias, Pelos ou Pili
• Principalmente em Gram-negativa.
• Menores e mais curtos que os flagelos.
• Fímbria F – Troca de material genético durante a conjugação bacteriana.
• Sítios de ligação de bacteriófagos
• Aderência a superfícies.
Nucleóide
• DNA bacteriano
• Não possui membrana
• Possui histonas
Plasmídeos
• DNA circular
• Fatores sexuais (fator F)
• Fatores de resistência a antibióticos (Fator R).
Componentes citoplasmáticos
• Ribossomos
• 30S + 50S = 70S
• Síntese protéica
• Grânulos
• Reserva de substâncias sem aumentar a pressão interna da célula – glicogênio, amido.
• Poli-β-hidroxibutirato (PHB) – plástico biodegradável
• Vacúolos Gasosos
• Membrana unicamente formada por proteínas.
• Em bactérias que vivem flutuando em lagos o mares.
Esporos bacterianos
• Presente em bactérias gram-positivas dos gêneros Clostridium e Bacillus,
quando o meio se torna carente de água ou nutrientes.
• Esporogênese – Processo de formação do esporo.
• Bacillus anthracis, Clostridium tetani, Clostridium botulinum.
Reprodução - Transformação
• Bactéria competente
• DNA é cortado em vários pequenos fragmentos
• Complexo eclipse – Formado por proteínas anti-DNAse e o DNA.
Reprodução - Transdução
• Mediado por vírus – Fagos

• Transdução generalizada – O Fago


leva todo DNA bacteriano

• Transdução especializada – O
Fago leva somente alguns
fragmentos do DNA bacteriano.
Reprodução - Conjugação
• Requer contato entre as células
• Transferência de plasmídios.
• Plasmídio F

a) Formação de uma união


específica
b) Preparação para transferência
(mobilização)
c) Transferência de DNA
d) Formação de um plasmídio
funcional replicativo no
receptor
Reprodução - Conjugação

• Plasmídio conjugativo
• Preparam o contato com a célula
receptora.
• Plasmídio mobilizável
• Prepara o DNA da célula para a
transferência
• Plasmídio autotransmissível
• Conjugativo e mobilizável
• Plasmídio F
• Plasmídio F+ -> F-
• Plasmídio Hfr mais lento