Você está na página 1de 37

A crise do Socialismo

Guerra Fria 1985 - 1989


1) COEXISTÊNCIA PACÍFICA (1956 –
1968):
 Nikkita Krushev (1955 – 1964):
 XX Congresso do PCUS –
condenação pública do stalinismo;
ataque ao culto a personalidade e
autoritarismo (expurgos e prisões
do regime anterior).
Disputas restritas
ao campo
econômico.
Ênfase em bens Nikkita Krushev
de consumo.
Maior liberdade
política (relativa).
Invasão soviética a Hungria (1956):
Ministro húngaro Imre Nagy é deposto
após defender a exclusão de seu país
das tropas do Pacto de Varsóvia.
Rompimento de relações entre URSS

e CHI (1960)
Início oficial da corrida

espacial.
Construção do Muro de Berlim

(1961): maior símbolo da Guerra


Fria.
Crise dos Mísseis (out/1962):

URSS tenta instalar


mísseis nucleares em Cuba
(150 km dos EUA).
EUA ameaçam resposta
com armas nucleares.
URSS não instala os mísseis
com o compromisso dos EUA de
não invadir Cuba e retirar seus
mísseis nucleares da Turquia.

Maior proximidade de uma


guerra nuclear já vivida na
história.
1963: Início da intervenção armada
norte americana no Vietnã.
1963: Tratado de Moscou – limitação
de testes nucleares a céu aberto.
2) DÉTENTE ou DISTENSÃO (1968 -
1979):
Continuação de políticas
internacionais que reduzissem
enfrentamentos diretos entre as
potências.
Leonid Brejnev (1964 – 82):
Práticas stalinistas.
Centralismo e
repressão internas.
Burocratização.
Estagnação
Econômica e ineficiência.
Primavera de Praga ( TCH -
1968):
Alexander Dubcek – reformas
políticas liberais.
Maior liberdade de imprensa,
direitos individuais, autonomia
para agricultores.
Tropas do Pacto de Varsóvia
invadem o país e depõe Dubcek.
Eurocomunismo: Partidos
comunistas da Europa
Ocidental rompem
com práticas soviéticas.
Defesa de transição pacífica ao
socialismo pela via
democrática.
Maio de 1968 (FRA):
Estudantes pedem reformas
educacionais, maior liberdade e
criticam o conservadorismo em
geral.

Trabalhadores entram em
Greve.
Repressão aos manifestantes.
Movimento francês inspira
manifestações nos EUA contra a
Guerra do Vietnã e no Brasil
contra a ditadura militar.
Acordos Salt-1(1972) e Salt-2
(1979): redução de mísseis
intercontinentais e bombardeios
estratégicos.
 Escândalo Watergate, descoberto
em 1972 provoca a renúncia do
presidente americano Richard Nixon
em 1974.

 1973: EUA perdem Guerra do Vietnã.


 1979: URSS invade o Afeganistão.
 1980:EUA comanda boicote às
Olimpíadas de 1980, em
Moscou.
2) A NOVA GUERRA FRIA (1980 -
1989):
Retomada de hostilidades e
militarismo acentuado.
Ronald Reagan (EUA 1981 –
1989):
Corrida armamentista.

Apoio aos “Contras” na

Nicarágua.(Rev.Sandinista)
Invasão da Ilha de Granada
(1983).
Projeto “Guerra nas Estrelas”
Mikhail Gorbatchev (URSS
1985 – 1991):
Perestroika (reestruturação) –
mudanças econômicas.
Abertura para empresas
estrangeiras.
Propriedade privada (limitada).
Redução de custos com
armamentos.
Redução de apoio financeiro
aos países do bloco.
Glasnost (transparência) –
mudanças políticas.
Pluripartidarismo.
Democratização.
Desburocratização.
Retirada do Afeganistão (1988).
Fim do Pacto de Varsóvia

(1991).
Ago/91: Burocratas contrários às

mudanças tentam derrubar


Gorbatchev (impedidos por Bóris
Yeltsin, presidente da Rússia).
Explosão de movimentos

separatistas.
Lituânia, Letônia e Estônia
separam-se da URSS (set/1991).
Dez/1991: Rússia, Ucrânia e
Bielarus proclamam a criação da
CEI (Comunidade dos Estados
Independentes) – Acordo de
Minsk.
Gorbatchev oficializa o fim da
URSS em 25 de dezembro de
1991.
COMUNIDADE DOS ESTADOS
INDEPENDENTES (CEI)
3) A DESINTEGRAÇÃO DO
BLOCO SOCIALISTA:
A crise do “socialismo real”:
Unipartidarismo.
Economia planificada
(empresas estatais, pouca
qualidade).
Indústria de base (carência de
bens de consumo).
Fracassos agrícolas.
Burocratização – alto custo,
privilégios.
Mudanças desencadeadas por
Gorbatchev são assimiladas por
países do leste europeu.
Redução de despesas militares da
URSS enfraquece seu domínio sobre
os países do leste europeu.
Alemanha Oriental:
1973 – Aceita na ONU.
Década de 1980: aproximação com
Alemanha Ocidental.
1989: Erich Honecker renuncia após
pressões populares.
Luta por democracia.
Nov/1989: Queda do Muro de
Berlim.
Out/1990: Reunificação das
Alemanhas.
Romênia:
Nicolae Ceaucescu (1965 – 1989):
ditadura familiar (cópia de Stálin)
Securitate – polícia política.
Dez/1989: manifestações contra o
governo.
Ampla repressão – Timiosara.
Ceaucescu e esposa são
executados sumariamente.
1990: eleições livres – comunistas
derrotados.
Ceaucescu e esposa:
executados sumariamente
Tcheco-Eslováquia:

“Revolução de Veludo” – sem


violência.
Renúncia de Milos Jakes (Partido

Comunista) após manifestações


populares (1989).
Pluripartidarismo, eleições livres.

Alexander Dubcek e Vaclav

Havel – novo governo.


1991 – Privatização da economia.
1993 – Desmembramento:
República Tcheca e Eslováquia.
Polônia:
1979: Movimento sindical
Solidariedade desencadeia
greve no estaleiro Lênin, em
Gdansk.
Sindicato é legalizado em 1989,
formando um governo de coalizão
com maioria não comunista.
Desestatização e
democratização.
1990: Lech
Walesa
(Solidariedade)
elege-se
presidente.
Hungria:

János Kádar (1956 – 1988) –


alinhamento com URSS.
1989: pluripartidarismo,
privatizações, aproximação com
países capitalistas ocidentais.
 Bulgária:

 Tudor Jivkov (1954 – 1989) –


dependência da URSS.
 Mudanças na postura da
URSS provoca renúncia de
Jivkov.
 1991: Eleições livres com
derrota dos comunistas.
 ADAPTADO DE:
 www.passionista.com.br/saopaulo
dacruz/site/UserFiles/File/fria2.ppt

FIM