Você está na página 1de 10

Tema:

Material Instrucional (Conceito


e Objectivo)
Estudante: Edson Eugénio A. Rapassola;

Por: Segundo Grupo DMI 4o Ano 2018.


1
2. Material Instrucional
2.1. Conceituação

 Conforme LAVERDE (2008) acredita que instrução é um conceito muito

ligado à ideia de treinamento, o que remete a uma perspectiva condutivista


e geralmente focada na aprendizagem organizacional. Alguns académicos
sugeriram a mudança do termo para desenho pedagógico ou educativo,
mas LAVERDE defende ser necessário reflectir sobre o que significa
desenho de material instrucional hoje e que se consiga identificar seu
potencial, suas limitações e aplicações no cenário educativo actual.

2
Cont.
 Dessa maneira, pode-se afirmar que o Material Instrucional envolve uma

série de cuidados, principalmente no Ensino, que precisa para um resultado


satisfatório, motivar o aprendente na temática existente.

 Assim, o material didáctico, conjunto de textos, imagens e de recursos, ao

ser concebido com finalidade educativa na ausencia do professor, implica na


escolha de um suporte, impresso ou audiovisual para formar o material
instrucional autentico para o aluno/publico alvo.

3
2.2. Classificação: suporte e mídia

A classificação apresentada foi elaborada


baseada no tipo de suporte e na mídia escolhida
para a produção do material instrucional. Neste
caso, pode-se dividir o material instrucional em
impresso, audiovisual e novas mídias que utilizam
de tecnologias, por exemplo: computadores e
internet.

4
2.2.1. Material impresso: tradicional e inovador
 De acordo com as modalidades e etapas de educação formal e informal, e do tipo de publico e

finalidade, o material impresso pode ser divido em colecções ou conjuntos, tais como caderno
de actividades, guia do aluno, guia do professor, livro-texto, livro didáctico, livro para-
didactico, pranchas ilustrativas, mapas etc.

5
2.2.2. Material audiovisual: imagem e som
O conceito de audiovisual de acordo com BETTETINI (1996) consiste de um produto,
objecto ou processo que ao trabalhar com estímulos sensoriais da audição e da visão,
objectiva uma troca comunicacional. O audiovisual pode ser exemplificado nos
produtos da televisão do cinema sonoro, do vídeo e também nas multimédia
computacionais. O material audiovisual devera explorar a especificidade da linguagem,
ou seja, as possibilidades de direcção e de combinação entre recursos de áudio (trilha
sonora, paisagem sonora, musica, diálogos, ruídos etc).

6
Cont.
Por outro lado, a importância do recurso audiovisual foi
afirmada nos referenciais do MEC ao destacar que a sua
contribuição nas praticas educativas do Ensino a Distancia
ocorre através de múltiplas possibilidades de interacção do
aluno com o material, ou seja: O material instrucional
audiovisual (vídeo, videoaula, entre outros) é uma midia
fundamental para auxiliar o processo de ensino-aprendizagem
mesmo sem a presença de um professor em sala de aula.

7
2.2.3. Objectivos dos materiais intrucionais no PEA

Partindo de vários pressupostos, dar-se-á a importância do


Material Instrucional, ancorado em um ambiente virtual de
aprendizagem, já que seu objectivo busca promover a confluência
entre o pensar vivido e o ser concluído, uma vez que propõe uma
nova forma de planificar o conhecimento. Logo, não se pode negar
a importância do Material Instrucional, visto que ele oferece alto
poder de ajuda ao aluno na ausencia do professor/conteudista, já
que baseia-se numa linguagem híbrida e sincrética.

8
Cont.

A esse respeito SILVA (2010:13) observa que para a produção do


material instrucional impresso, tem-se o professor autor, também
chamado de conteudista, cuja principal atribuição é estabelecer a
relação de ensino-aprendizagem com um grupo de alunos ou
indivíduos heterogéneos, por meio da modalidade prática, escrita
da linguagem.

9
“ASSANTE”…

10

Você também pode gostar