Você está na página 1de 37

Aula 1

Disciplina:
SEMINARIO DE TESES
Profesora: MsC. Grisel Cano Pino
griselcpult@gmail.com
Teléfono: 940 242 242

Ano 2018
Dados Preliminares:
 Quantidade de horas: 30 horas
 Frequência Semanal: 4 horas
 Ano: 5to
 Seminários Avaliativos: 2 (Exp. Oral)
 Avaliação Final: Trabalho Final (Exp. Oral)
 Seminário 1: 27 Agosto – 7 Sept
 Seminário 2 : 24 Sept - 5 Out
 Trabalho de Curso: 15- 19/ Out
 Nota final: a média entre as avaliações
frequentes, os dos seminários e Trabalho Final.
Temas da Disciplina:

Tema1: A investigação Científica.


Tema2: Elaboração do informe de
investigação.
REGRAS DO JOGO
 As aulas começam à hora exata, nem mais nem
menos.
 Antes de expor sempre os estudantes devem dizer
seu nome, a professora não os conhece.
 Todos os problemas que ocorrem em sala-de-aula,
dúvidas e preocupações devem ser tratados com a
professora.
 Qualquer problema pessoal que afete a
participação de um estudante ou sua assistência
deve ser comunicado à professora para que não
afeite o resultado final.
 A participação em aula tem grande incidência na
nota final.
A avaliação final é a média das avaliações
frequentes, os seminários e o trabalho
final.
Nesta disciplina vamos todos aprender.
Apenas críticas construtivas serão feitas.
Há respeito do critério dos outros. Não
existem verdades absolutas ou conceitos
acabados.
Na sala de aula manter desligados ou
em modo silencioso todos os
telefones.
Problema a resolver por a Disciplina:

A necessidade que têm hoje os


estudantes finalistas para
desenvolver habilidades de
pesquisa científicas, necessárias
para elaborar suas monografias e
resolver os problemas da
sociedade Angolana.
Pergunta de partida:
- Vocês já tem tema para suas monografias?
- Tem orientador?
Prova Diagnóstica:
Tempo: 20 min

Pregunta 1: O que você entende por


Metodologia da Investigação Científica?
Pregunta 2: Quê problema da sociedade
angolana você deseja resolver com sua
monografia?
Pregunta 3: Quê resultados pretende
atingir?
A investigação hoje é espontânea:
Necessidade de
Pesquisa Resultado Cientif.
apresentação de tese ou
monografias para terminar
os estudos superiores,
mestrados, doctoramentos.

Futuro da Investigação: Planejamento

Banco de Línea de
Problemas Pesquisa Resultado Cientif.
Investigação

Solução de Problemas da Sociedade


O QUE É PESQUISA CIENTÍFICA?

Existem diferentes tipos de pesquisa e várias


formas de investigar, dependendo do tema e
do problema da investigação. No entanto, para
ser considerada pesquisa científica deve
seguir um processo ou protocolo, ou seja,
executar uma série de etapas que validam ou
não a hipótese que motivou a pesquisa.
Se não existir um problema não há o que
pesquisar.
Em uma Instituição a pesquisa
científica deve ser um interesse
individual ou institucional?
Componentes essenciais para desenvolver
uma investigação científica.

O que se investiga? Problema


Para quem se investiga? Cliente
Cómo se investiga? Metodología
Com que recursos se conta para
investigar? Orçamento
Com que tempo se dispõe? Cronograma
de Trabalho
Problema da Investigação:
 Problema de la investigación es la delimitación
clara y precisa del objeto de la investigación que
se realiza depois de diagnosticar os problemas
da sociedade.

Cliente da Investigação:
É a pessoa ou empresa que vai ser
beneficiada com os resultados da
investigação.
Metodología da investigação
científica:
Metodologia é uma palavra derivada de
“método”, do Latim “methodus” cujo
significado é “caminho ou a via para a
realização de algo”.
Metodologia científica é o estudo dos
métodos ou dos instrumentos necessários
para a elaboração de um trabalho
científico. É o conjunto de técnicas e
processos empregados para a pesquisa e
a formulação de uma produção científica.
Com que recursos se conta para investigar?
Orçamento
O recurso mais importante em qualquer projeto é os
recursos humanos. Formar os pesquisadores que
trabalham na tema é uma tarefa prioritária.

Toda investigação requer também a disponibilidade de


certos recursos financeiros. O seu montante é dado pelo
objeto de estudo e o nível de impacto que geram.

Nenhuma instituição vai financiar uma investigação se


não tiver uma contribuição no cumprimento dos seus
objetivos.
De que tempo se dispõe?
Cronograma de Trabalho
Ao traçarmos uma investigação temos que determinar
prazos específicos para entrega dos seus resultados. Há
que se ter em conta tambén as contingencias que pode
aparecer. Embora não exista planejamento exacto, é
preciso ter em conta que cada nova etapa na
investigação tem um tempo de expiração. Os
investigadores e as instituições têm de estabelecer
metas, tanto para o seu crescimento individual como
para os objetivos inerentes da investigação e a
necessidade de lhe dar pronta solução a um problema
social.
Não é possível haver
investigação sem que haja
pesquisadores e não podem
existir resultados científicos se
não for detectado um problema
social para resolver.
REGULAMENTO PARA OS
TRABALHOS DE FIN DE CURSO
ISPK
Artigo 1: Objectivos do TFC:

Os trabalhos de fim de curso têm como


objectivo à realização de uma tarefa
individual em que os estudantes
desenvolvam qualidades para a
investigação científica e aprofundem
conhecimentos sobre um tema que faça
parte de uma área científica ou técnica do
âmbito do curso em que se encontra
inscritos.
Artigo 2: Temas
Os Departamentos Docentes devem
apresentar aos estudantes uma proposta
de temas para a realização dos trabalhos
de fim de curso, os temas devem de estar
em correspondência com as tarefas
desenvolvidas pelos estudantes durante
os projectos integradores, os estágios ou
práticas laboral-investigativa e as
investigações e pesquisas realizadas
durante seu curso.
O estudante deve sugerir ao
Departamento Docente um tema particular
em que pretenda trabalhar, apresentando
os argumentos que achar convenientes
em correspondência com as linhas de
pesquisa do ISPK. Quando o estudante
não logra definir um tema e um
orientador, o Departamento docente
deve designar um tema e um orientador
ao estudante.
Artigo 3: Orientadores
Os trabalhos de fim de curso são dirigidos
por orientadores, que deverão ser
professores do ISPK, com elevada
preparação demonstrada nas áreas de
realização do trabalho de fim de curso,
eventualmente pode ser de outras
instituições ou entidades productivas,
quando assim seja conveniente para o
melhor resultado do trabalho, sempre que
cumpram os requisitos estabelecidos.
 O orientador deve dedicar ao trabalho pelo qual é
responsável, no mínimo quatro horas semanais
constantes no horário afixado, destinadas a sessões de
trabalho com o(s) estudante(s).
 Cabe ao orientador ademais:
 Elaborar de conjunto com o aluno um plano de trabalho para a
realização do trabalho de fim de curso. Anexo 1.
 Orientar académica, científica e metodologicamente ao estudante e
acompanhá-lo na execução de seu trabalho;
 Recomendar a bibliografia a utilizar e consultar;
 Informar ao aluno acerca de sua participação em conferências,
seminários e outras actividades que considere seja útil para a
realização de seu trabalho;
 Orientar a preparação do relatório e a defesa do trabalho;
Artigo 6: Inscripção
 A admissão do Aluno Finalista, para elaboração
do Trabalho de Fim de Curso, é feita mediante
inscrição na Secretaria Académica, sendo
condicionada à aprovação em 90% das
Disciplinas do Plano Curricular do Curso, as
restantes devem ser aprovadas antes do acto
de defesa.
 Excetuando casos devidamente justificados e
fundamentados pelos coordenadores dos
cursos, a não apresentação do trabalho dentro
do prazo estabelecido, implicara uma nova
inscrição.
Artigo 7: Estrutura do TFC

Os trabalhos de fim de curso deverão ser


apresentados sob a forma dactilografada,
entre 60 e 90 páginas, obedecendo à
seguinte estrutura:
Capa: Deve realizar-se como se indica no
Anexo 6.
..\..\..\Segundo Semestre\ST\Regulamento
dos TFC 2018.doc
 Folha de rosto:
Deve conter de forma similar a capa: Instituto
Superior Politécnico Katangoji; Departamento;
Título do Trabalho e Autor. Na parte inferior
direita deve aparecer Trabalho de Fim de Curso
apresentado como requisito para para obtenção
do grau de licenciado em
Engenharia_____________________________
________, orientado pelo
______________________________________
___________________.
Agradecimentos: Nesta página o
estudante pode indicar sua gratidão a
pessoas, empresas ou instituições que
tenham contribuído de forma relevante a
materialização de seu trabalho

Índice: O índice apresentara a totalidade


das divisões e subdivisões do trabalho,
exactamente na ordem e forma em que se
encontram no corpo do trabalho com o
correspondente número de página.
 Lista de tabelas e quadros: Devem aparecer no mesmo
ordem e forma que se encontram no corpo do trabalho
com o correspondente número de página.

 Lista de ilustrações: Esta lista deve incluir, gráficos,


desenhos, mapas, fotografias, no mesmo ordem e forma
que se encontram no corpo do trabalho com o
correspondente número de página.

 Lista de abreviaturas e siglas: Se é necessário se realiza


da mesma forma que nos epigrafes anteriores.

 Síntese (resumo): Constitui nada mais que a síntese do


trabalho realizado,
 Introdução: A introdução deve apresentar de forma clara,
simples e panorâmica, o tema, a sua importância e a
metodologia aplicada na investigação realizada, com a
fundamentação lógica do assunto em questão.

 Desenvolvimento: O desenvolvimento será dividido em não


mais de três capítulos enquadrados em três fases: explicação
(fundamentação), discussão (proposta) e demonstração
(resultados);

 Conclusões: A conclusão será a síntese de todo o trabalho


realizado constituindo um resumo dos resultados alcançados
no desenvolvimento do trabalho e mostrando igualmente a
relação e a concatenação existente entre as diversas partes
do trabalho. Deve demostra o grau de cumprimento da
hipótese.
 Recomendações: Realizam-se de ser necessário para a
futura aplicação a continuação da investigação realizada
neste TFC.

 Referências bibliográficas: É a relação das obras


consultadas, referidas no trabalho em ordem alfabético,
com: nome e inicias do autor (es), título da obra, lugar
de publicação e ano. Deverão ser incluídas as
referências a informadores ou elementos de apoio e
consulta que não sejam rigorosamente bibliográficos;

 Anexos: Os anexos são (quadros, gráficos, desenhos,


tabelas, etc.) que completam a argumentação, explicam
a metodologia ou ilustram opiniões, são consideradas
páginas extratextos.
Formatação do texto:

Espaçamento entre linhas: 1,5


Espaço entre parágrafos: 6pt, antes e
depois.
Tipo e tamanho da letra: Areal 12.
Sublinhados: só os títulos.
Artigo 8: Rejeição do TFC
 Durante a revisão previa do trabalho o júri pode decidir
pela rejeição do trabalho a partir do momento em que
considere que a qualidade do mesmo não esteja em
correspondência com as exigências da instituição.

 A devolução ao estudante deve ser com uma


justificação escrita na acta correspondente feita pelo júri
e assinada pelo presidente.
Artigo 9: Para chegar a Defesa do TFC
 Três dias antes da data prevista para a culminação do processo de
elaboração do trabalho de fim de curso o Coordenador do Curso a que
pertence o aluno deve remeter a Direcção Académica o pedido do aluno
para a defesa do trabalho, acompanhado da seguinte documentação:

 Um exemplar do trabalho;
 Ficha Académica do aluno,
 A avaliação do trabalho pelo Departamento.
 Comprovativo dos pagamentos realizados pelo aluno.

 Uma vez aprovado o estudante para sua apresentação na defesa e


conformado o horário das defesas, o aluno deverá fazer a entrega ao
Coordenador do Curso de três exemplares do trabalho, dos quais:

 Dois (2) exemplares se destinam ao Júri;


 Um (1) exemplar se destina à biblioteca do ISPK.
CONCLUSÕES
A investigação científica não deve ver-se
somente como uma oportunidade de
superação individual. Deve ser um
processo contínuo de solução de
problemas para a sociedade onde se
executa.
CONCLUSÕES

 Hoje todos nos temos a responsabilidade de dar


solução ao problema de partida desta Disciplina.
Terá que acordar em vocês as habilidades
necessárias para contribuir com as melhores
soluções aos problemas que tem escolhidos
para suas monografias. Eu contribuirei com as
ferramentas metodológicas. Vocês contribuirão
com seu tempo e seu esforço para utilizar-lhas.
Bibliografía:
1. Alvarez de Zayas, Carlos. Metodologia da Investigação Científica, Habana,
Cuba. 1999.
2. Borges- Andrade, Jairo Eduardo (2003) Em busca do conceito de Pesquisa.
Editora Brasil
3. Díaz Duque, José A.: Metodología de la Investigación Científica. La Habana.
2009.
4. Hernández Sampieri, R.; Fernández Collado, C; Baptista Lucio, P.:
Metodología de la Investigación. Editorial McGraw Hill. 1997.
5. Prodanov. Metodologia do Trabalho Científico: Métodos e Técnicas
da Pesquisa e do Trabalho Acadêmico-2ª Edição . 2013.
6. Regulamento dos TFC. ISPK. 2018.
7. Severino. Metodologia de trabalho cientifico, Ed 2000. Brasil.