Você está na página 1de 28

Introdução à

Tecnologia da
Informação e Suporte
Professor Gerson Albuquerque
IFCE – Campus Paracuru
ROTEIRO

Quem sou eu?


Plano de Ensino
Detalhes Importantes
◦Avaliação
◦Presenças e Faltas
◦Conversas
◦Ferramentas
QUEM SOU EU?

Graduação em Telemática / Telecomunicações – CEFET / Campus Fortaleza


Especialização em Java pela UNIFOR
MBA em Gerência de Projetos pela FGV
MestraNdo em Ciência da Computação – IFCE / Campus Fortaleza
Professor e Estudante
Linhas de Pesquisa
◦ Informática Aplicada
◦ Inteligência Artificial
Email – gerson.albuquerque@ifce.edu.br
Lattes - http://lattes.cnpq.br/4347994239394268
A Disciplina
Ementa, Objetivos e Conteúdos
A DISCIPLINA

Objetivos Gerais
Mostrar os aspectos de microcomputadores e notebooks seu funcionamentos
e principais técnicas de manutenção;

Aplicar os conceitos de resolução de problemas;

Aplicar conceitos de Segurança da Informação;

Executar práticas de manutenção de computadores.


A DISCIPLINA

Conteúdos
Apresentação do Conteúdo
DETALHES IMPORTANTES
Avaliação, Presenças e Faltas, Ferramentas
DETALHES IMPORTANTES

Presenças e Faltas
75% de Presença ou 25% de falta, como você preferir
Horários: 2ª feira das 9:20 às 11:10 e 4ª feira das 7 às 9
DETALHES IMPORTANTES

Ferramentas
Laboratório de informática com Projetor
Computadores para práticas e manutenção
Microinformática
Introdução à microinformática
Com a informática, adquirindo cada vez mais relevância
tanto no cenário profissional quanto pessoal. É
imprescindível que saibamos usar o mínimo de um
sistema computacional, além de entender como ele
funciona. Comecemos com algumas definições:

Nessa 1º aula, você irá conhecer alguns dos principais


termos usados na informática, como hardware, software,
periféricos, entre outros.
Definições
Informática: Ciência que estuda como os dados são coletados e processados a fim de serem
transformados em informação;
Dados: São fragmentos de uma informação, como números, medidas, valores, etc. O dado é
um fato isolado que, por si só, não tem sentido algum. Exemplo: 26 é apenas um número que
pode representar qualquer coisa;
Informação: Segundo o dicionário, informação é ação ou efeito de informar, ou seja, é um
conjunto de dados que sejam relevantes a certo assunto. Exemplo: Leonildo tem 26 anos, é
uma informação que indica a idade de Leonildo;
Computador: Aparelho eletrônico capaz de armazenar, analisar e processar dados.
Componentes básicos

Ao dirigir-se até uma loja para adquirir seu computador, é possível


que, em meio a tantas opções, surjam dúvidas sobre o que comprar
e, muitas vezes, teremos que definir claramente o que é
interessante, o que é útil e o que é necessário. A escolha do
componente a ser utilizado depende muito do tipo de trabalho que
deseja realizar. Podemos levar em consideração que o hardware é o
primeiro equipamento de um sistema de computação e é por meio
dele que os dados são transportados, processados e armazenados.
Microcomputador

O computador possui vários componentes


conectados ao Gabinete. A esses
hardwares damos os nomes de
periféricos.
Funcionamento

Para que seu computador realize as mais


variadas funções e você possa tirar o máximo de
proveito de seu equipamento, é muito
importante que você saiba como ele funciona.
Existe todo um processo para que as tarefas
possam ser executadas. Antes de conhecer cada
etapa desse processo, é necessário conhecermos
três componentes considerados os principais.
Hardware

Parte física do computador. É tudo que você pode


tocar (mouse, teclado, caixas de som, placas, fios,
monitor, impressoras, HD, memória, componentes
em geral). São as peças do computador, ou seja,
seus dispositivos ou componentes.
Software

Software é uma sequência de instruções escritas para serem


interpretadas por um computador com o objetivo de
executar tarefas específicas. Também pode ser definido
como os programas que comandam o funcionamento de um
computador.
Usuário

São as pessoas que se utilizam do sistema de informação


computadorizado, comumente é chamado de usuário. Existem os
usuários finais e os profissionais de informática. Os usuários finais
são aqueles que se utilizam da informática para realizar uma
atividade, por exemplo, criar uma planilha, um relatório, enviar
um e-mail, acessar as redes sociais, entre outros. Já os
profissionais de informática são aqueles que trabalham com o
desenvolvimento de outros softwares, configuração de sistemas e
hardwares para que possam ser usados pelos usuários finais.
Etapas do processamento de dados

Para que se possa realizar qualquer tarefa em seu computador, ele precisa entender cada
instrução de modo a executar corretamente a operação que se pretende. As informações
enviadas para o computador passam basicamente por 3 etapas:
Etapas do processamento de dados

Para cada uma dessas etapas, existem periféricos específicos para manipular os dados de
acordo com sua função. Veja alguns exemplos de periféricos, conheceremos mais sobre eles
posteriormente:
Unidade Central de Processamento

CPU – Central Processing Unit (UCP – Unidade Central de Processamentos): Erroneamente, as


pessoas chamam o gabinete de CPU, mas, na verdade, esse dispositivo fica localizado no
gabinete, mais precisamente dentro do processador.
Nomenclaturas

Basta usar o computador por alguns instantes, que certamente você irá ouvir ou ler termos como
bit e byte. Esses termos são usados para mensurar os espaços livres ou ocupados nos dispositivos
de armazenamento, a capacidade da memória, tamanho de arquivos e outros. É comum
encontrar tabloides, folders, faixas e outros meios de divulgação com anúncios como:

Computador Intel Core i7, 4GB, HD 1000GB, DVD-RW...


Computador Intel Dual Core, 2GB RAM, HD 500GB, gravadora de DVD...
Computador AMD X6 (Hexa Core), 4GB, HD 1000 GB, placa de vídeo...
Nomenclaturas

Entre várias coisas importantes a serem avaliadas na


hora de adquirir um computador, podemos enfatizar
as seguintes configurações: capacidade do
processador, memória e HD (disco rígido). Como
podemos ver, existem algumas nomenclaturas que
precisam ser entendidas, como: MB, GB, TB. As
informações são representadas por meio de códigos
os quais chamados de dígitos binários.
Periféricos

Existem alguns dispositivos de entrada e de saída e os que usamos tanto para


entrada quanto para saída, conhecidos também como dispositivos I/O
(Input/Output ou Entrada/Saída). São esses dispositivos que permitem ao
computador obter informações do “mundo externo” e, após processá-las, enviar
para o “mundo externo” o resultado do trabalho.
Periféricos de entrada
Podemos considerar como periféricos de entrada todos os equipamentos utilizados no envio de
dados para o computador.

• Teclado
• Mouse
• Scanner
• Webcam
• Joystick
• Camêra
• Webcam
• CD-Rom
• DVD-Rom
Periféricos de saída
Consideramos como periféricos de saída todos os equipamentos
utilizados para se obter um resultado final do que foi
processado pela CPU.

• Monitor de vídeo
• Impressora
• Headfones
• Caixa de som
• Placa de Vídeo
• Projetor Multimídia
• Óculos 3D
Periféricos mistos
Importante saber que existem alguns periféricos que são tanto de entrada quanto de saída, ou
seja, usados tanto para enviar informações a serem processadas, como também ver o resultado de
um processamento.

• Monitor touch screen


• Impressora multifuncional
• Modem
• Pen drive
• Aparelhos de celular
• Disco Rígido-HD
• Cartões de Memória
Exercícios
1) O que é hardware?
2) O que é software?
3) Quantas e quais são as etapas de processamento de dados?
4) Cite alguns dos componentes básicos que compõem um
microcomputador.
5) Cite 2 periféricos de entrada.
6) Cite 2 periféricos de saída.
7) O que você entende por periféricos mistos? Cite exemplos.