Você está na página 1de 8

FORMAÇÃO ECONÔMICA GERAL

AULA

ECONOMIA PRIMITIVA

ROBERVAL S. SANTIAGO
CONCEITOS

• TRABALHO

• CARACTERÍSTICAS DA SOCIEDADE PRIMITIVA

• ECONOMIA PRIMITIVA

• GRAU DE SUBSISTÊNCIA

• RELAÇÃO DE TROCAS
TRABALHO
CONCEITO

Conceitualmente, o Trabalho é todo Esforço Físico e/ou Intelectual que emana


do Homem como forma de Assegurar e Garantir a sua Subsistência enquanto Espécie...

O Termo trabalho propriamente dito, entendido como um processo entre a


natureza e o homem, é exclusivamente humano. Neste processo, o homem se enfrenta
como um poder natural, na palavras de Karl Marx, com a matéria da natureza...

A diferença entre a Aranha que tece a sua teia e o Homem é que a Aranha
realiza sua Ação com os fins que lhe é codificado geneticamente, enquanto o homem
realiza a Ação do Trabalho de forma Racional, isto é, com finalidades pré-determindas...

Trabalho, em sentido amplo, é toda a atividade humana que transforma a


natureza a partir de certa matéria dada. A palavra deriva do latim "tripaliare", que
significa torturar; daí a passou a idéia de sofrer ou esforçar-se e, finalmente, de trabalhar
ou agir...

O Trabalho, em sentido Econômico, é toda a atividade desenvolvida pelo


homem sobre uma matéria prima, geralmente com a ajuda de instrumentos, com a
finalidade de produzir bens e serviços.
CARACTERÍSTICAS DA SOCIEDADE PRIMITIVA

MODO DE PRODUÇÃO COMUNAL PRIMITIVO

• Regime Aldeão

• Sem Classe Social

• Organização Social: Coletivismo

• Religião Animista

• Economia de Subsistência

• Divisão de Trabalho: Idade e Sexo

• Organização Política: Conselho de Notáveis


MODO DE PRODUÇÃO COMUNAL PRIMITIVO
PRIMÓRDIOS

A Relação Econômica é uma Interação do Homem com o


desenvolvimento das formas de promoção de sua subsistência...

As primeiras formas de Relação Econômica se mostra quando o


Homem começa Acumular Experiências de Trabalhos frente a Natureza
como medida de assegurar determinado Grau de Subsistência...

O efeito de Acumulação de Experiência do Trabalho não só é uma


Relação Racional espreitada pelo Homem como também vai diferenciá-lo
dos outros Animais...
O Acumulo de Experiência do Trabalho do Homem ocorre de três
formas:

1.Observação
2.Imitação
3.Criação
GRAU DE SUBISTÊNCIA

Ao determinar a economia arcaica como economia de


subsistência, designa-se menos a função geral de todo Sistema de
Produção da maneira pela qual a função geral de todo corpo social cumpre
essa função...
Seria classificada como Economia Primitiva pelo fato de que, com
muita dificuldade, ela assegura, precariamente, a Subsistência daquele
Grupo Social pela impossibilidade de armazenamento de estoques devido
ao baixo nível de desenvolvimento tecnológico...

No caso das Comunidades Nômades, a Base da Economia se


justifica pela sua Relação Produtiva ligada a Coleta de Frutos e Raízes, a
Caça e Pesca....

Também se diria que, ao contrario, em função da mudança


considerável que é a conversão de uma economia de Coleta, Caça, Pesca,
evolua mais tarde para um Sistema Agrário mais Complexo à medida que a
População vai crescendo concomitante a transformação de Aldeia para
Cidades...
RELAÇÃO DE TROCA

No sentido mais Coletivo da palavra Economia, o conjunto de Ação


puramente Econômica decorreu com o início das Práticas de Trocas
(Escambos) de Gêneros entre as Aldeias...

Toda comunidade primitiva almeja a autonomia completa na


produção de Consumo excluindo-se de quaisquer relações
interdependentes dos grupos vizinhos.

Tanto no Passado, quanto no Presente, o ideal de Autonomia de


toda Sociedade, Primitiva ou Moderna, é o de produzir o suficiente para se
tornar totalmente independente...

O Fato é que até hoje algumas Comunidades desconhece a


Relação Econômica de Mercado vivendo apenas da Relação do Escambo
(troca)....
FIM