Você está na página 1de 11

Acidentes no Hotel

Como agir em caso de acidentes?

As vitimas de acidente podem ser salvas, se forem cuidadas


por quem sabe, caso sejam assistidas por quem não esteja apto a fazê-
-lo, as vitimas serão prejudicadas para toda a sua vida.

Prestar assistência ou primeiros socorros.

Se a pessoa não souber o que fazer ou não tiver


formação para o efeito, é melhor não fazer nada.
Prevenção de acidentes
O responsável por uma unidade hoteleira pode ajudar tomando os
cuidados necessários para que os acidentes não aconteçam , pois o
acidente é o mais prejudicial inimigo de quem trabalha. Tal como os
seguintes cuidados:

Não armazenar
Não deixar
produtos Evitar a existência
líquidos ou
inflamáveis junto de piso
gorduras no chão,
de quadros ou escorregadio.
sem limpar;
caldeiras;
Ameaça de bomba
Alerta à direcção Alerta geral
Receber uma ameaça Evacuar imediatamente o
de bomba, o director local.
ou o substituto deve
ser imediatamente
alertado.
A direcção e a chefia
da segurança devem
Só estas pessoas analisar vários factores
Tomar devem ser avisadas, antes de tomar a
providências para não se causar o decisão sobre a
necessárias. pânico no hotel. evacuação do hotel.
Telefonema Anónimo
(como agir)
Tente caracterizar o interlocutor pela voz;

Tente descobrir o seu estado emocional;

Tente descobrir o local e procedência da chamada;

Tente questionar o conhecimento do interlocutor sobre o


hotel.
Incêndio
Devera ser elaborado um folheto com instruções para caso de
incêndio, o qual deve ser distribuído no hotel e afixado junto as
portas dos elevadores de serviço, nos refeitórios e em todos os locais
de fuga.

As instruções poderão ser:


 Use as escadas e nunca os elevadores;
 Sinalizar com uma luz os acessos às saídas de emergências;
 Desça sempre, evite subir;
 Proteja os olhos e o rosto, pois o fumo poderá atingir essas
partes mais sensíveis;
 Mantenha a calma. A brigada de incêndio ajudá-lo-á.
Classes de incêndio
Todos os materiais são combustíveis, devido a diferenças na
composição , queimam de forma diferente e exigem maneiras
diversas de extinção do fogo.

Sendo assim os incêndios foram divididos em 4 classes:

a. De superfície e profundidade;
b.De superfície;
c. Equipamentos eléctricos energizados;
d.Materiais pirofóricos, motores de carro.
Instalações Eléctricas
A sobrecarga na instalação é uma das principais causas de
incêndio. Se a corrente eléctrica está acima do que os fios
suportam, ocorre seu superaquecimento, podendo gerar
incêndio.

Não se deve ligar mais de um aparelho por tomada;


Não se deve fazer ligações provisórias;
Tomar cuidado com fios descascados.
Elementos que provocam incêndio
Grandes quantidades de óleo inflamável;

Fios gastos ou sem capa;

Manuseamento negligente de queimadores a álcool;

Tintas, solventes e produtos similares, armazenados junto de


fontes de calor;

Falta de cuidado com embalagens plásticas e de papel.


Emergências
Manter a calma, estar preparado e saber o
que fazer;

Quando ocorre Chamar alguém ou dar ajuda


uma emergência imediatamente;

Quando prestar socorro, procurar não ir


além daquilo que cada um sabe fazer.
É importante saber a localização e o uso de

Extintores de incêndios e hidrantes;

Saídas de emergência;

Evacuação de áreas de sinistro;

Telefone de bombeiros, ambulância e esquadras da policia;

Caixas de primeiros socorros e todos os sistemas de alarme.

Interesses relacionados