Você está na página 1de 31

UFCD -7852

Perfil e potencial do
empreendedor
25 h
Formadora Carla Paulino 2018
2

Objetivos
▫ Explicar o conceito de empreendedorismo.
▫ Identificar as vantagens e os riscos de ser empreendedor.
▫ Aplicar instrumentos de diagnóstico e de autodiagnóstico de
competências empreendedoras.
▫ Analisar o perfil pessoal e o potencial como empreendedor.
▫ Identificar as necessidades de desenvolvimento técnico e
comportamental, de forma a favorecer o potencial empreendedor.
3

Horário das 9h às 14h -tolerância 10 min à entrada


q Pontualidade e Faltas,
q Apontamentos,
q Interesse demonstrado pela matéria,
q Participação,
q Educação geral e respeito e forma de estar

 Evitar comer na sala


 Telemóveis em silêncio
4

O que é Empreendedorismo?
▫ Empreendedorismo significa empreender, resolver um problema
ou situação complicada.
▫ É um termo muito usado no âmbito empresarial e muitas vezes
está relacionado com a criação de empresas ou de produtos
novos.
▫ Empreender é também acrescentar valor, saber identificar
oportunidades e transformá-las num negócio lucrativo.
5

Os verdadeiros empreendedores
1. Os empreendedores são peritos em identificar, explorar e comercializar
oportunidades.

2. São excelentes na arte de criar (novos produtos, serviços ou processos).

3. Conseguem pensar “fora do quadrado”: a maioria das pessoas, por temer o


insucesso tem dificuldade em considerar novas formas de abordar problemas
e perspetivar a realidade. Quem o consegue fazer beneficia de uma enorme
vantagem na deteção de novas oportunidades.
6

Os verdadeiros empreendedores
4. Pensam de forma diferente: os empreendedores têm uma perspetiva
diferente das coisas; adivinham problemas que os outros não vêem ou que
ainda nem existem; descobrem soluções antes mesmo de outros sentirem as
necessidades.

5. Vêem o que outros não vêem: o empreendedor vê oportunidades que


escapam aos outros, ou a que os outros não atribuem relevância.

6. Gostam de assumir riscos: acreditam nos seus palpites e seguem-nos.


7

Os verdadeiros empreendedores
7. Os empreendedores competem consigo próprios e acreditam que o sucesso
ou fracasso dependem de si. Na sua maioria não desistem e nunca param de
lutar pelo sucesso.

8. Aceitam o insucesso: embora nenhum empreendedor goste de falhar, sabe


que a possibilidade de fracassar é inerente ao risco que qualquer atividade
empreendedora comporta. O insucesso é encarado como uma possibilidade de
aprender e evoluir e previne futuros fracassos.
8

Os verdadeiros empreendedores
9. Observam o que os rodeia: a grande maioria das ideias e inovações
bem-sucedidas foram desenvolvidas a partir de uma realidade próxima
ao empreendedor – no âmbito profissional, familiar, de lazer.

10. Os empreendedores nunca se reformam…


9

Empreendedor

Sabem correr riscos, não têm medo


de ir em frente, contudo optam por
riscos calculados e por vezes não
excessivos. Além disso são líderes
inatos e normalmente são eles que
identificam os problemas e as suas
possíveis soluções que se tornam
em oportunidades de negócio.
10

“LIDERAR NÃO É IMPOR.


LIDERAR É DESPERTAR NOS
OUTROS
A VONTADE DE FAZER”
Características de um empreendedor
Um empreendedor é um indivíduo que não espera as coisas
acontecerem, mas é uma pessoa pró-ativa, faz as coisas
acontecerem.
Um empreendedor está altamente motivado, tem boas ideias e
sabe como implementá-las de forma a alcançar os seus
objetivos.
Características de um empreendedor
Um empreendedor é alguém que não tem medo de iniciar projetos de uma
forma arrojada. Por esse motivo, é bastante comum um empreendedor
assumir a direção de uma empresa.
Alguém que empreende acredita no seu potencial, apresenta capacidade
de liderança e consegue facilmente trabalhar em equipe.
Além disso, o empreendedor sabe que 1 fracasso é apenas 1
oportunidade de aprender e ser melhor, e não se deixa abalar com isso.
Vantagens de ser empreendedor
1. Independência

é sem dúvida uma enorme vantagem desta filosofia de vida, no entanto,


atingir este estado implica muito empenho, não acontecendo de um
momento para o outro.
2. Realização profissional
em algumas ocasiões, o empreendedorismo assume-se como o único
caminho para seguir a carreira desejada. Noutros casos, a razão de se
empreender está ligada à insatisfação com a situação laboral atual.
Vantagens de ser empreendedor
3. Controlo do próprio destino
ser “dono e senhor” do nosso destino é uma vantagem mas acarreta
uma responsabilidade substancial: o futuro é da total e exclusiva
obrigação/responsabilidade do empreendedor.
“com grande liberdade vem grande responsabilidade”.
4. Gratificação financeira
existe uma elevada probabilidade de que a compensação económica
venha a suceder mais tarde ou mais cedo.
15

Autodiagnóstico das
motivações pessoais
para se tornar
empreendedor

Teste do Empreendómetro
Competências do perfil empreendedor

A. Pessoais
1. Autoconfiança e Auto motivação
2. Capacidade de decisão e de assumir riscos
3. Persistência e resiliência
4. Persuasão
5. Concretização e iniciativa
B. Técnicas
1. Área de negócio e de orientação para o cliente
2. Planeamento, organização e domínio das TIC
3. Liderança e trabalho em equipa
Competências do perfil empreendedor
Pessoais

1. Autoconfiança e Auto motivação


Uma das características do empreendedor de sucesso é o conhecimento
que tem de si próprio. Sabe que não é rentável desperdiçar esforços em
áreas e/ou atividades nas quais não tem competências. A sua base de
desenvolvimento pessoal e profissional é o conhecimento dos seus pontos
fortes, dos seus valores e objetivos e das formas concretas de alcançar o
que pretende.
Competências do perfil empreendedor

2. Capacidade de decisão e de assumir riscos

Saber calcular cuidadosamente os riscos que vão assumir, bem como as


contrapartidas a eles inerentes. A planificação e preparação da nova empresa
implica um árduo trabalho para minimizar o risco associado à criação de um novo
negócio. Quanto > é o planeamento, < é o risco de “afundar o navio”, uma vez
que o empreendedor tem mais tempo para reunir recursos, desenvolver o plano
da sua empresa, identificar os melhores sistemas de produção, marketing ou
distribuição.
Competências do perfil empreendedor

3. Persistência e resiliência
os empreendedores demonstram uma elevada autoconfiança, uma energia inesgotável,
grande assertividade e uma perseverança a toda a prova.
A perseverança tem servido de explicação para a capacidade dos empreendedores
suportarem longas jornadas de trabalho (60 horas ou + por semana), especialmente no
começo da atividade, dormir menos que o normal, raramente ter férias, fazer mais
deslocações e estar mais tempo afastada da família.
Resiliência é a capacidade de uma pessoa lidar com seus próprios problemas, vencer
obstáculos e não ceder à pressão, seja qual for a situação.
Competências do perfil empreendedor

4. Persuasão
O empreendedor com a habilidade da persuasão não tem apenas facilidade para
vender o seu produto ou serviço, mas também para convencer as pessoas de
que aquele produto ou serviço são, na verdade, os melhores.
Não é apenas com os clientes que um empresário precisa de exercer a sua
habilidade de persuasão, mas com os seus parceiros, fornecedores ou
investidores.
Competências do perfil empreendedor
5. Concretização e iniciativa
Esta característica manifesta-se na conduta do empreendedor da seguinte forma:
• Busca constante de oportunidades, mesmo que não estejam relacionadas com
o atual negócio;
• Superar barreiras e obstáculos na criação de uma nova empresa;
• Antecipar-se à concorrência na introdução de novos produtos ou serviços;
• Eliminar operações ou procedimentos que possam ser negativos para o negócio.
Por sua vez, a Iniciativa define-se como uma abordagem ativa para o trabalho e
caracteriza-se pela auto motivação ou prontidão para agir.
Competências do perfil empreendedor
Técnicas
1. Área de negócio e de orientação para o cliente
Iniciar um negócio inclui não só um conjunto de oportunidades como
também alguns riscos.

Motivos de fracasso de negócios de dimensões reduzidas:

• Muita concorrência no mercado;


• Inexistência de clientes;
• Ausência de conhecimentos específicos para o negócio;
• Falta de capital;
• Flutuações económicas nos mercados, nas taxas de juro, …
• Inexistência de um plano de negócios.
Competências do perfil empreendedor
Principais razões que fazem com que os negócios progridam e cresçam.
Fatores de sucesso do negócio:
• A sua empresa deverá vender o que os clientes gostam e não o que você
gosta;
• Os preços competitivos devem ser ingredientes-chave para atrair clientes;
• A alta qualidade é testemunhada de boca em boca pelos clientes;
• O empresário com características empreendedoras impulsiona o negócio;
• Uma equipa motivada e qualificada.
Competências do perfil empreendedor
Técnicas
2. Planeamento, organização e domínio das TIC
As táticas de negociação e as aptidões organizacionais do empreendedor
são muito importantes na estratégia empresarial;
No processo de crescimento há uma altura em que a informação é tanta
que o empreendedor tem de delegar e recrutar especialistas.
Não basta ter boas aptidões para promover os produtos e boa abordagem
comercial, é essencial, controlar as existências e a qualidade.
Competências do perfil empreendedor
Técnicas
3. Liderança e trabalho em equipa
A realidade atual que leva as empresas a mudanças constantes, à
necessidade de motivação dos colaboradores e uma forte orientação para
o cliente exige líderes fortes e criativos. O líder atual tem que inspirar os
seus funcionários, criar empatia com clientes e relações de confiança com
parceiros e fornecedores.
Competências do perfil empreendedor
Técnicas
3. Liderança e trabalho em equipa

A comunicação é fundamental no processo de motivação pois só assim é


possível:
o Saber o que se espera de cada um / qual a sua posição na estrutura
o Ter uma perceção dos objetivos
o Dar a conhecer as alterações
o Difundir as políticas, regras e procedimentos.
27

Fatores que inibem o empreendedorismo

1. Acreditar que basta uma boa 2. Assumir que o mercado é


ideia e dinheiro para ter um bom perfeitamente racional e que
negócio. pensa e age como nós
Para passar da ideia ao projeto O empreendedor não deve
existe um grande esforço de assumir que todos os agentes
diagnóstico e de desenho do agem racionalmente e que
novo negócio. seguem os seus critérios de
racionalidade.
28

Fatores que inibem o empreendedorismo


4. Ter dificuldade em assumir as
3. Subestimar as suas
próprias limitações
capacidades ou as competências
dos concorrentes. Procurar o êxito competindo com os
grandes, ou no terreno dos grandes,
Nada melhor do que ser realista
quando se é pequeno, é causa de
nesta avaliação para enfrentar
fracasso de muitas empresas. O
da melhor forma os desafios que
segredo está em definir o negócio
vão surgindo.
com consciência das suas
. limitações.
29

Fatores que inibem o empreendedorismo


6. Ter demasiados tripulantes no
5. Indefinição na hierarquia da
barco
empresa
É tentador, no arranque de um
negócio, criar uma “empresa de Os jovens empreendedores têm
amigos”, sem hierarquia nem uma tendência natural para
chefes, mas nem sempre há “engordar” a estrutura da empresa.
sucesso neste tipo de “Nesta empresa cabem todos” (o
organização. irmão, a namorada, o primo, os
amigos...).
30

Fatores que inibem o empreendedorismo


7. Assumir que inovação é tudo. 8. Confundir Negócio com Produto.
A inovação só por si é habitualmente Um negócio não é um produto, nem um
encarada como algo positivo na mercado, nem um processo inovador.
avaliação de uma empresa. Contudo, Um negócio é tudo isto e muito mais.
a inovação não deve ser um fim, Um negócio é a conjugação de um “O
mas sim um meio que: quê”, um “Onde”, um “A quem”, um
▫ Origine efetiva criação de valor; “Como”, que nos permita satisfazer
▫ Permita satisfação de necessidades concretas
necessidades reais do mercado;
▫ Contribua efetivamente para o
sucesso do projeto.
31

Obrigada