Você está na página 1de 8

As regras de acentuação

gramaticais
Escola: Elza H.T. Pacheco
Disciplina: Língua Portuguesa
Professora: Jamile Luchini Urbaneski
Alunos: Dylan Thomas, Fred Manske, Gabriel Rausch e Vinícius Santos | Turma: 1º ano - 101
Regras complementares de acentuação

• Acentuação dos ditongos abertos éi, ói, éu


Os ditongos abertos éi, ói e éu, dependendo da palavra em que
ocorrem, podem ou não ser acentuados. Nos grupos de palavras a seguir,
veja a presença/ausência de acento gráfico nesses três ditongos.

Monossílabas Oxítonas Paroxitonas

Méis, réis A-néis, cor-déis i-dei-a, pla-tei-a


dói, róis Cor-rói, len-çóis he-roi-co, ji-boi-a
céu, véus Cha-péus, es-car-céu
Esses três grupos de exemplos possibilitam a seguinte conclusão:

Os ditongos éi, ói, e éu:


• São acentuadas em monossílabas e em oxítonas
• Não são acentuados em paroxítonas
As vogais i e u na segunda vogal do hiato

 As palavras a seguir são apresentadas com suas respectivas divisões


silábicas
Observe os hiatos em destaque e a presença/ausência de acento gráfico
nas vogais i e u.
i e u sozinhas Ieu+s I e u com outra letra I e u seguidas de nh

Ro-í-do Pa-í-s Ra-iz Ra-i-nha


Ra-í-zes A-te-ís-mo Pos-su-ir Ven-to-i-nha
Gra-ú-na Ba-la-ús-tre Ra-ul Mo-i-nho
Tam-ba-ú Cra-te-ús Tran-se-un-te Gra-u-nha
Esses quatro grupos de exemplos possibilitam inferir a regra de acentuação do
i e do u quando essas vogais participam de hiato:

Nos hiatos, o i e o u são acentuados desde que:


• Representem a 2ª vogal do hiato;
• Apareçam sozinhos (ou seguidos de s) na sílaba tônica;
• Não estejam seguidos de nh.
Verbos ter e vir

 Esses dois verbos apresentam uma particularidade em algumas de suas


formas.
Compare os dois quadros:

3ª pessoa do singular: “e” 3ª pessoa do plural: “ê”

Ele tem Eles têm


Ele vem Eles vêm

Então:
Acentua-se o e das formas verbais têm e vêm, indicativas de plural.
Acento diferencial

 Em 2009, começaram a vigorar no Brasil as novas regras de ortografia


definidas pelo acordo aprovado em 1990 pelos países integrantes da
comunidade dos Países de Língua Portuguesa. Uma das novas regras
definidas pelo acordo determina que o acento diferencial é obrigatório
somente em duas palavras do idioma, para diferenciá-las de suas
respectivas homônimas.
Veja esses casos e os exemplos:

Forma acentuada Forma não acentuada

• Pôr (verbo; significa “colocar”) • Por (preposição)


• Pôde (indica tempo passado) • Pode (indica tempo presente)
Mais exemplos:

 Você vai pôr a carta no correio? O ônibus não passa por esta rua.

 Ontem ela não pôde vir aqui. Por favor, quem pode me ajudar?