Você está na página 1de 36

Compreender o Ambiente 8

Subdomínio: Sistema Terra: da célula à


biodiversidade
Unidade 2: A Célula como unidade básica da
biodiversidade
2.1 – A célula como unidade básica da
Unidade

biodiversidade.
2 2.2 – Níveis de organização biológica dos seres
vivos.
Compreender o Ambiente 8

2.1 - A célula como unidade básica da


biodiversidade.
- A célula como unidade básica da
biodiversidade – pág. 31
- A célula como unidade básica da
biodiversidade – pág. 31
1. Biosfera.

2. Entre outros, gato selvagem, lebre, javali, medronheiro, sobreiro.

3. A existência em todos eles de sistemas de órgãos, tecidos e células.

4. A célula.
O que é a célula?

A célula
É a unidade básica de todos os seres vivos, tendo sido,
pela primeira vez, observada por Robert Hooke, em 1665,
quando estudava a cortiça ao microscópio.
Quais os princípios fundamentais da Teoria
Celular?
Teoria Celular
• Todos os seres vivos são formados por células;
• Todas as células têm origem em outras preexistentes.

Mathias Schleiden Theodor Schwann


Como estão organizadas as células?

Células procarióticas
• O material nuclear encontra-se disperso no citoplasma.
Membrana Flagelo
celular

Nucleoide

Ex:Bactérias (procarionte)

Citoplasma

Parede celular
Como estão organizadas as células?

Células Eucarióticas
• Encontramos o material nuclear rodeado por uma membrana.
Núcleo
Citoplasma

Ex: Golfinho (eucarionte)

Membrana citoplasmática
Como estão organizadas as células?

Organismos unicelulares
• Constituídos por uma única célula.

Ex: Bactérias (organismos


unicelulares
Como estão organizadas as células?

Organismos pluricelulares
• Constituídos por várias células.

Ex: Elefante (organismo


pluricelular)

Ex: Neurónios
Como estão organizadas as células?

Células eucarióticas animais


•Delimitadas pela membrana citoplasmática, contêm citoplasma,
diferentes organelos, estruturas com funções especializadas, tais como o
núcleo.
•As células eucarióticas animais não apresentam cloroplastos, vacúolos
de grandes dimensões e membrana celular com parede.
Como estão organizadas as células?

Células eucarióticas animais Membrana


citoplasmática
Mitocôndria Núcleo

Ex: Garça (células


animais)

Retículo Complexo
endoplasmático de Golgi
Como estão organizadas as células?

Células eucarióticas vegetais


•Delimitadas por membrana citoplasmática, contêm citoplasma,
diferentes organelos, estruturas com funções especializadas, tais como o
núcleo.
•As células eucarióticas vegetais apresentam, cloroplastos, vacúolos de
grandes dimensões e membrana celular com parede.
Como estão organizadas as células?

Células eucarióticas vegetais Membrana


vacúolo
Núcleo citoplasmática

Parede celular

Ex: Folhas (células


vegetais)

Mitocôndria
Retículo endoplasmático Complexo de Golgi
Como estão organizadas as células?

Organelos e a sua função


•Núcleo/nucleoide – Responsável pela transmissão da informação
genética.
•Retículo endoplasmático – Rede de canais responsável pela síntese e
circulação de materiais (compostos orgânicos).
•Mitocôndria – Responsável pela obtenção de energia.
•Membrana celular – Membrana que limita as células.
•Complexo de Golgi – Responsável pelo armazenamento e transporte de
materiais (compostos orgânicos).
•Parede celular – Confere rigidez e dá forma à célula.
•Cloroplasto – Realiza a fotossíntese.
•Vacúolos – Armazenam substâncias diversas (água, pigmentos, etc.); são
de muito maiores dimensões nas células vegetais nas quais participam nas
trocas de água com o meio.
•Ribossomas – Intervêm na síntese proteica.
Como estão organizadas as células?

Células procarióticas vs. eucarióticas animais / vegetais


- A célula como unidade básica da
biodiversidade – pág. 33
1. Unicelulares, se possuem uma célula, pluricelulares, se possuem mais do que
uma célula.

2. Os seres vivos eucariontes possuem células, cujo material nuclear está rodeado
por uma membrana. Os seres vivos procariontes possuem células, cujo material
nuclear está disperso no citoplasma.

3. Eucariontes: Homem e cão. Procariontes: Bactérias e levedura.


Unicelulares: amiba e euglena. Pluricelulares: cão e gato.
- Atividade Laboratorial – pág. 34/35

1. Epiderme da folha: existência de parede celular, membrana celular, citoplasma,


núcleo e cloroplastos.
Epitélio bucal: existência de membrana celular, citoplasma, núcleo.

2.
a) Membrana celular, citoplasma, núcleo.
b) Parede celular e cloroplastos.

3. Protistas.

4. Epiderme da folha é pluricelular e os seres vivos da infusão são unicelulares.


- Atividade Laboratorial – pág. 34/35

6. Mapa de conceitos.

7. O desenvolvimento tecnológico da microscopia permitiu a ampliação de imagens,


Que levou ao avanço do conhecimento em ciência.
O que é a biodiversidade?

Biodiversidade
Enorme variedade de formas vivas.
Como está distribuída a biodiversidade na
Terra?
É difícil estimar quantas espécies existem atualmente no nosso
planeta. Investigadores referem a existência de entre 10 a 150
milhões de espécies. No entanto, menos de dois milhões foram
efetivamente identificadas.

Das espécies identificadas, mais de metade


são insetos e destes, cerca de 50% são
escaravelhos. Há, também, aproximadamente
9000 espécies de aves, 27 000 espécies de
peixes e cerca de 4000 espécies de mamíferos.
Como está distribuída a biodiversidade na
Terra?
Sistema de classificação de Whittaker
Que organismos podemos encontrar
numa infusão?
Organismos autotróficos microscópicos
Exemplo: Algas

NOME IMAGEM CARACTERÍSTICAS


Alga verde com flagelos
(<0,05 mm) 1. Flagelos. 2. Muito pequena.
Chlamyodomonas sp. 3. Solitária. 4. Movimentos rápidos.
Alga verde com flagelos
(0,5 – 2 mm) 1. Esférica. 2. Colonial.
Volvox sp. 3. Com dois flagelos.
Alga verde sem flagelos
(<0,5 mm) 1. Esféricas ou coloniais.
Pediastrum sp. 2. Sem movimentos.
Alga verde filamentosa
(>0,1 mm) 1. Sem ramificações. 2. Cadeias de células com cloroplastos.
Zygnema sp. || Spirogyra sp. 3. Sem flagelos.

Diatomáceas(<0,5 mm) 1. Unicelulares. 2. Solitárias ou coloniais.


Diatomáceas 3. Parede celular feita de sílica.
Que organismos podemos encontrar
numa infusão?
Organismos heterotróficos microscópicos
Exemplo: protozoários

NOME IMAGEM CARACTERÍSTICAS

Flagelados (<0.5 mm) 1. Um ou mais flagelos.


Coanoflagelados
2. Coloniais ou livres.
Ameba (0.02 – 5 mm)
1. Pseudópodes.
Amoeba proteus
3. Movimentos lentos.

Ameba (0.1 - 0.4 mm) 1. Ameba com uma “concha” usualmente de grãos de areia.
Arcella sp. 2. Pseudópodes. 3. Movimentos lentos.
Heliozoários (0.01 - 1 mm) 1. Esféricos. 2. Prolongamentos radiais rígidos.
Heliozoários 3. Sem movimento.
Que organismos podemos encontrar
numa infusão?
Organismos heterotróficos microscópicos
Exemplo: protozoários

NOME IMAGEM CARACTERÍSTICAS

Ciliados (<0.25 mm) 1. Corpo cilíndrico ou em forma de sino.


Vorticella sp. 2. Cílios ondulantes.
3. Alguns têm um pé que os liga ao substrato.
4. São muitas vezes coloniais.
Ciliados (0.01 – 4 mm) 1. Raramente coloniais.
Paramecium sp 2. Células de forma fixa.
3. Movimento por contração e uso dos cílios.

Ciliados (0.01 - 4 mm) 1. Raramente coloniais.


Stentor sp. 2. Células de forma fixa.
3. Movimento por contração e uso dos cílios.
Que organismos podemos encontrar
numa infusão?
Outros organismos planctónicos presentes em
infusões
NOME IMAGEM CARACTERÍSTICAS

Cianobactérias 1. Cor azul-esverdeada.


Cianobactérias 2. Movimentos deslizantes.

Euglenóides (<0.4 mm) 1. Cor esverdeada. 2. Uma mancha vermelha.


Euglena sp. 3. Um flagelo.

Dinoflagelados (< 0.4 mm) 1. Exosqueleto rígido.


Dinoflagelados 2. Um flagelo.
Rotíferos (0.4 mm – 2 cm) 1. Coroa com cílios.
Rotíferos 2. Podem nadar livremente ou estar aderidos ao substrato
por um pedúnculo.
Que organismos podemos encontrar
numa infusão?
Outros organismos planctónicos presentes em
infusões
NOME IMAGEM CARACTERÍSTICAS

Hidra (2 cm) 1. Cor verde acastanhada.


Hydra sp. 2. O corpo e os tentáculos contraem e esticam.

Planárias (1 – 15 mm) 1. Corpo achatado. 2. Manchas oculares.


Planaria sp. 3. Movimento deslizante.

Copépodes (0.5 - 3 mm) 1. Antenas longas.


Copépodes 2. Pequenas manchas oculares.

Cladóceras (0.3 – 10 mm) 1. Antenas longas.


Daphnia sp 2. Olho composto grande.
Compreender o Ambiente 8

2.1 - A célula como unidade básica da


biodiversidade.
O banco público da criopreservação –
pág. 39
1. São células idênticas às da medula óssea, que têm a capacidade de se diferenciar
Em qualquer outra célula especializada.

2. As células estaminais podem ser utilizadas no tratamento de doenças malignas


do sangue como leucemias, doenças do sistema imunitário e em algumas patologias
genéticas, sobretudo do sangue e outras doenças raras.

3. Vantagens em transplantes devido a uma baixa taxa de rejeição.


Pág. 44
Grupo I

1. Opção (C).

2. Opção (D).

3. Opção (B).
Pág. 44
Grupo I

A–1
B–4
C–5
D–6
E–2
F–3
Pág. 47
Grupo III
1.
A–2e3
B–2e4
C–1e3
D–2e4
E–2e4
F–2e3

2. Após o aparecimento dos primeiros seres vivos fotossintéticos que


lançaram grandes quantidades de oxigénio para a atmosfera
permitiu a formação da camada de ozono (O3), com função
protetora de radiação ultravioleta.
Para consolidar… pág. 42/43

1.1.
1- Membrana citoplasmática;
2- Núcleo;
3- Citoplasma.

1.2. Todos os seres vivos são constituídos por células e todas as


células têm origem noutras pré-existentes.

1.3. (B).
Para consolidar… pág. 42/43

2.1. (D).

3. Um organismo unicelular é constituído por uma única célula e


um organismo pluricelular é constituído por várias células.

4.
Célula – Tecido – Órgão – Sistema de órgãos – Organismo.
Para consolidar… pág. 42/43
5.
1- C
2- D
3- E
4- A
5- B

6.
(A) - V
(B) - F
(C) - F
(D) - F
(E) - V
(F) - F
(G) - V
Para consolidar… pág. 42/43

6.1. (B) – Os fungos não são protistas e pertencem ao Reino Fungi.

(C) – As algas verdes realizam fotossíntese mas pertencem ao


Reino Protista.

(D) – As plantas são seres eucariontes e são produtores.

(F) – Há muitas espécies que ainda não foram identificadas.