Você está na página 1de 18

Termoquímica

Termoquímica
Estudo das trocas de energia, na forma de calor, envolvidas nas reações
químicas e nas mudanças de estado físico das substâncias.

Processo
São dois os processos em exotérmico
que há troca de energia na
forma de calor
Processo
endotérmico
Resumindo:
Nos processos exotérmicos, o sistema perde calor e o ambiente é aquecido;
Nos processos endotérmicos, o sistema ganha calor e o ambiente resfria-se.
Processo exotérmico e endotérmico
Calor
Exotérmico

Sistema
Sistema

Endotérmico
Calor

Endotérmico- resfriamento
Processo exotérmico e endotérmico
Aumento de Energia

Diminuição de Energia
Exercício 1
(UA-AM) Reação exotérmica é aquela na qual:

1 — há liberação de calor.
2 — há diminuição de energia.
3 — a entalpia dos reagentes é maior que a dos produtos.
4 — a variação de entalpia é negativa.

Estão corretos os seguintes complementos:


a) Somente 1. d) Somente 1 e 4.
b) Somente 2 e 4. e) 1, 2, 3 e 4.
c) Somente 1 e 3.
Exercício 2
(UFJF-MG) Considere os processos a seguir:

I — queima do carvão
II — fusão do gelo à temperatura de 25 ºC
III — combustão da madeira

a) Apenas o primeiro é exotérmico.


b) Apenas o segundo é exotérmico.
c) Apenas o terceiro é exotérmico.
d) Apenas o primeiro é endotérmico.
e) Apenas o segundo é endotérmico.
ENTALPIA

Entalpia (H) → conteúdo de energia


Não se conhece nenhuma maneira de determinar o conteúdo de energia
(entalpia = H) de uma substância. Na prática, o que conseguimos medir é
a variação da entalpia (ΔH) de um processo.Essa variação corresponde à
quantidade de energia liberada ou absorvida durante o processo,
realizado a pressão constante.

O cálculo da variação da entalpia é dado pela


expressão genérica:
ENTALPIA

 Reação Exotérmica ↔ A→B ΔH<0

A → B + Calor
ΔH=Hfinal - Hinicial

ΔH=HB - HA
HA > HB

ΔH<0
ENTALPIA

 Reação Exotérmica
ENTALPIA

 Reação Endotérmica ↔ X → Y ΔH>0

X + Calor → Y
ΔH=HY - HX
ΔH>0
ENTALPIA

 Reação Endotérmica
Exercício 3
(PUC-MG) Sejam dadas as seguintes equações
termoquímicas:

Nas condições citadas, a equação que representa a reação


mais exotérmica é:
a) I. b) II. c) III. d) IV. e) V.
ENTALPIA PADRÃO

ENTALPIA PADRÃO
Entalpia de combustão
Entalpia de combustão

Combustão completa do álcool etílico (C2H6O):

C2H6O(l) + 3O2(g) →2 CO2(g) + 3 H2O(l) ΔH = –1 368kJ/mol

Pela equação, podemos concluir que na combustão completa de 1 mol de


C2H6O(l) ocorre a liberação de 1368 kJ:

entalpia de combustão do C2H6O(l) = –1 368 kJ/mol


ENEM 2014: A escolha de uma determinada substância para
ser utilizada como combustível passa pela análise da poluição
que ela causa ao ambiente e pela quantidade de energia
liberada em sua combustão completa. O quadro apresenta a
entalpia de combustão de algumas substâncias. As massas
molares dos elementos H, C e O são, respectivamente, iguais a
1 g/mol, 12 g/mol e 16 g/mol.

Levando-se em conta somente o aspecto energético, a substância


mais eficiente para a obtenção de energia, na combustão de 1 kg
de combustível, é o: hidrogênio
LEI DE HESS
A entalpia de reações químicas que não pode ser determinada
experimentalmente pode ser calculada a partir da entalpia de
outras reações, utilizando-se uma lei estabelecida pelo químico
suíço G. H. Hess, em 1840:

Lei de Hess: para uma dada reação, a variação de


entalpia é sempre a mesma, esteja essa reação
ocorrendo em uma ou em várias etapas.
LEI DE HESS
Qual o valor da variação de entalpia da reação a seguir?
C (grafite) + O2(g)→CO2(g)
Dados (equações intermediárias):

C (grafite) + ½ O2(g)→CO(g) ΔH=-110,3KJ


CO(g) + ½ O2(g)→CO2(g ) ΔH=-283,0 KJ

Resolução:
LEI DE HESS

A lei de Hess permite concluir que o valor do ΔH do processo


direto é a soma de todos os ΔH intermediários.