Você está na página 1de 36

A Comunicação nas

Organizações

“Planejamento de Relações
Públicas na Comunicação
Integrada”, KUNSCH (2003)
Interdependentes, as organizações têm de
se comunicar entre si. O sistema
organizacional se viabiliza graças ao
sistema de comunicação nele
existente, que permitirá sua contínua
realimentação e sua sobrevivência.
Caso contrário, entrará num processo
de entropia e morte. Daí a
imprescindibilidade da comunicação
para uma organização social.
Sistema e funcionamento da
comunicação
Lee. O. Thayer (1976 : 120):

“É a comunicação que ocorre dentro


[da organização] e a comunicação
entre ela e seu meio ambiente que
[a] definem e determinam as
condições da sua existência e a
direção do seu movimento.”
Processo Comunicacional nas
Organizações
 Fonte
 Codificador
 Canal
 Mensagem
 Decodificador
 Receptor
MODELO MECANICISTA
Processo Comunicativo nas
Organizações

 Como o aspecto relacional da


comunicação afeta o processo?
Processo Comunicativo nas
Organizações
HALL (1984 : 133):
“as relações sociais que ocorrem no
processo de comunicação envolvem
o emissor, o receptor e seus efeitos
recíprocos um no outro à medida
que se comunicam. Quando um
emissor é intimidado por seu
receptor durante o processo de
envio de uma mensagem, a própria
mensagem e a interpretação dela
serão afetadas”
Barreiras da Comunicação

 Barreiras gerais:
 Mecânicas
 Fisiológicas

 Semânticas

 Psicológicas
O que é uma barreira geral?

 É um problema que interfere na


comunicação e a dificulta.
 São “ruídos” que prejudicam a
eficácia comunicativa.
Barreiras Mecânicas ou
Físicas
 Estão relacionadas com os aparelhos de
transmissão, como o barulho, ambientes
e equipamentos inadequados que
podem dificultar ou mesmo impedir que
a comunicação ocorra.
 A comunicação é bloqueada por fatores
físicos.
Barreiras Fisiológicas

 Dizem respeito aos problemas genéticos


ou de malformação dos órgãos vitais da
fala.
 A surdez, a gagueira e não-articulação
fonética são exemplos possíveis.
Barreiras Semânticas

 São as que decorrem do uso


inadequado de uma linguagem não
comum ao receptor ou a grupos visados.
Isto é, os códigos e signos empregados
não fazem parte do repertório do
conhecimento em determinado ambiente
comunicacional.
Barreiras Psicológicas

 São os preconceitos e estereótipos que


fazem com que a comunicação fique
prejudicada.
 Estão relacionadas com atitudes,
crenças, valores e a cultura das
pessoas.
 São percepções equivocadas de acordo
com determinadas experiências e
distintos marcos de referência.
Barreiras na Comunicação
Organizacional
 As pessoais
 As administrativas/burocráticas
 O excesso e a sobrecarga de
informações
 As informações incompletas e parciais
Barreiras Pessoais

 As pessoas podem facilitar ou dificultar


as comunicações
 Tudo dependerá da personalidade de
cada um, do estado de espírito, das
emoções, dos valores e da forma como
cada indivíduo se comporta no âmbito
de determinados contextos
Barreiras
Administrativas/Burocráticas
 Decorrem das formas como as
organizações atuam e processam suas
informações.
 Thayer (1976) destaca 4 condições que
se imbricam uma na outra: distância
física; especialização das funções-
tarefa; relações de poder, autoridade e
status; posse das informações
Excesso de Informação

 Proliferação de papéis administrativos e


institucionais
 Reuniões desnecessárias e inúteis
 Número crescente de novos meios
impressos, eletrônicos e telemáticos
 Tudo isto causa uma saturação no
receptor.
Informações Incompletas

 São encontradas nas informações


fragmentadas, distorcidas ou sujeitas a
dúvidas, nas informações não
transmitidas ou sonegadas, etc.
Outras barreiras na
comunicação organizacional
 Audição seletiva
 Juízo de valores
 Credibilidade da fonte
 Problemas da semântica
 Filtragem
 Pressões de tempo
 Diferença de status
Redes de Comunicação

 Formal
 Informal
Rede Formal

 Conjunto de canais e meios de


comunicação estabelecido de forma
consciente e deliberada
Rede Informal

 Baseia-se nas relações sociais intra-


organizativas e é uma forma mais rápida
de atender a demandas mais urgentes e
instáveis.
Sistema de Comunicação das
Organizações
“Os planos e as políticas formais não
podem resolver todos os problemas
existentes em uma situação dinâmica,
porque eles são preestabelecidos, em
parte, inflexíveis. Algumas exigências
podem ser mais bem atendidas através
de relações informais, que podem ser
mais flexíveis e espontâneas.”
Keith Davis e John Newstrom
Fluxos Comunicativos

 Descendente ou vertical
 Ascendente
 Horizontal
 Transversal Circular
Fluxo Descendente ou Vertical

 Liga-se ao processo de informações da


cúpula diretiva da organização para os
subalternos, isto é, a comunicação de
cima para baixo, traduzindo a filosofia,
as normas e as diretrizes desse mesma
organização.
 Caracteriza-se como comunicação
administrativa oficial.
Fluxo Ascendente

 São as pessoas situadas na posição


inferior da estrutura organizacional que
enviam à cúpula suas informações, por
meio de instrumentos planejados.
 A intensidade do fluxo ascendente de
informações dependerá
fundamentalmente da filosofia e da
política de cada organização.
Fluxo Horizontal ou Lateral

 A comunicação ocorre no mesmo nível.


 É a comunicação entre os pares e as
pessoas situadas em posições
hierárquicas semelhantes.
 Para Gortari e Gutiérrez (1990) “o fluxo
horizontal fomenta a coordenação e
atividades de uma organização,a
definição de objetivos, políticas e
procedimentos, etc.
Fluxos Transversal ou Circular

 Tendência das organizações orgânicas


e flexíveis é permitir que a comunicação
ultrapasse as fronteiras tradicionais do
tráfego de suas informações.
Fluxos Transversal ou Circular

 Por incentivarem a gestão participativa e


integrada, as empresas criam
condições para que as pessoas passem
a intervir em diferentes áreas e com elas
interagir.
Fluxos Transversal ou Circular

 Se dá em todas as direções,
perpassando todas as instâncias e as
mais diversas unidades setoriais
Meios de Comunicação nas
Organizações
 Orais
 Escritos
 Pictográficos
 Escrito-Pictográficos
 Simbólicos
 Audiovisuais
Meios Orais

 Diretos: conversa, diálogo, entrevista,


reunião, palestra, encontros com o
presidente face a face, etc.

 Indiretos: telefone, intercomunicadores


automáticos, alto-falantes, rádio, etc.
Meios Escritos

 Todo material informativo impresso


 Cartas
 Circulares
 Quadro de avisos
 Newsletter
 Panfleto
 Etc.
Meios Pictográficos

 Mapas
 Diagramas
 Pinturas
 Fotografias
 Desenhos
 Ideogramas
 Etc.
Meios Escrito-Pictográficos

 Se valem da palavra escrita e da


ilustração
 Cartazes
 Gráficos
 Diplomas
 Etc.
Meios Simbólicos

 Insígnias
 Bandeiras
 Luzes
 Flâmulas
 Sirenes
 Sinos
 Outros sinais visuais e / ou audiovisuais
Meios Audiovisuais

 Constituídos principalmente por vídeos


institucionais, de treinamento,
telejornais, televisão corporativa, clipes
eletrônicos, documentários, filmes, etc.