Você está na página 1de 29

Transição da Idade

Antiga Para A Idade


Média
 Alta Idade Média – abrange o período entre os séculos V e X, quando se
intensificou a redução da vida urbana e o aumento da vida rural.
 Baixa Idade Média – período compreendido entre os séculos X e XV, quando se
deu o renascimento da vida urbana e do comércio.
Povos Bárbaros

 Germanos
 Eslavos
 Tártaro-Mongóis
Os Germanos
Sociedades

 De maneira geral, os povos germânicos apresentavam uma organização tribal


cuja base era a família. Nas famílias, os filhos e a esposa estavam submetidos
à autoridade do pai.
 Várias famílias que tinham antepassados em comum se uniam e eram
governadas pelo Conselho de Guerreiros, que tomava todas as decisões
referentes à tribo: sobre a guerra ou a paz; deslocamento da tribo para outra
região; vingança pela morte de um integrante da tribo; e ainda sobre a
expulsão ou morte de um integrante do grupo acusado de traição.
 A economia desses povos era caracterizada pela prática de agricultura
rudimentar e criação de pequenos rebanhos em terras coletivas.
Os Francos e a Identidade Cristã
Carlos Magno

O poder Temporal e
O poder Religioso

Condados, Ducados,
Marcas.
Denir ou Denar
IGREJA INSTITUIÇÃO
MAIS IMPORTANTE DA
IDADE MÉDIA
Renascimento
Comercial e Urbano
 A Inquisição foi criada na Idade Média (século XIII) e era
dirigida pela Igreja Católica Romana. Ela era composta
por tribunais que julgavam todos aqueles considerados
uma ameaça às doutrinas (conjunto de leis) desta
Inquisição instituição. Todos os suspeitos eram perseguidos e
julgados, e aqueles que eram condenados, cumpriam as
penas que podiam variar desde prisão temporária ou
perpétua até a morte na fogueira, onde os condenados
eram queimados vivos em plena praça pública.