Você está na página 1de 13

 A expressão desenvolvimento sustentável é utilizada para

designar um modelo económico que concilia


desenvolvimento económico com a preservação e
manutenção dos recursos naturais disponíveis.

 Segundo a ONU (Organização das Nações Unidas),


desenvolvimento sustentável é definido como “aquele que
satisfaz as necessidades presentes, sem comprometer a
capacidade das gerações futuras de suprir suas próprias
necessidades”.
-A preservação do meio ambiente para as futuras gerações – garantindo recursos
naturais para a subsistência da espécie humana e demais seres vivos.

-A diminuição da fome e da pobreza – que segundo o estudo, é causa, mas


também é provocada pelo desequilíbrio ecológico e pelo alto padrão de consumo.
Não podemos deixar toda a carga para as empresas. Como
cidadãos temos que fazer a nossa parte para ajudar. Certas
mudanças de atitudes são muito úteis para difundirmos o
Desenvolvimento Sustentável até mesmo em nosso dia-a-dia.
 Abaixo está descrita uma ótima ferramenta que também é
muito utilizada em vários países: os “R’s”. Ela é muito simples
e pode ajudar tanto uma grande organização, um governo, ou
até mesmo cidadãos comuns. Sim, é possível. Veja:
 Geralmente agimos na vida automaticamente, sem analisarmos o que estamos
fazendo, pois antecipadamente concluímos que todos fazem a sua parte.
 Mas é necessário parar para pensar:
 Realmente precisamos de determinados produtos que compramos ou
ganhamos?
 Compramos produtos duráveis/resistentes, evitando comprar produtos
descartáveis?
 Evitamos a compra de produtos que possuem elementos tóxicos ou perigosos?
 O consumo exagerado é um dos principais erros da maneira
de viver da atual sociedade. Afinal, consumir mais do que
precisa significa abusar do que o planeta pode oferecer. Além
disso, o consumo de forma descontrolada causa diferenças
sociais, pois muitas pessoas ficam sem o que consumir, e
também provoca o desperdício.
 Podemos reduzir o consumo tomando as seguintes atitudes:
 Não comprar por impulso para não desperdiçar, compre e use
somente o necessário;
 Comprar produtos que durem bastante e consumam menos
energia.
 Este conceito está relacionado com a utilização de um produto ou
embalagem mais de uma vez. Amplie a vida útil dos produtos e dos aterros
sanitários, economizando a extração de matérias-primas virgens.
 Portanto, estaremos reutilizando quando:
 Compramos produtos cujas embalagens são reutilizáveis e/ou recicláveis
(só não produtos químicos);
 Vidros bem lavados que servem para guardar alimentos e tantos outros
materiais;
 Com o reaproveitamento, a quantidade de lixo diminui e
ainda economizamos. E o ambiente agradece. Veja como
reaproveitar materiais no cotidiano:
 Não comprem sacos de lixo. Use as embalagens das compras
que possui para deitá-lo fora;
 Procurem comprar produtos que tenham embalagens que
podem ter outro uso;
 A Reciclagem anda de braços dados com a recolha Seletiva e através
da reciclagem, os produtos (= resíduos) serão transformados em
matéria-prima para se iniciar um novo ciclo de produção. Alguns
exemplos de como podemos contribuir com a reciclagem:
 Fazendo a recolha seletiva de resíduos em sua empresa, casa e
comunidade, participando das campanhas, etc;
 Organize na sua casa, escola, bairro, rua, comunidade, igreja um
plano de separação de materiais para coleta seletiva;
 Comprando produtos reciclados;
 Muita coisa no nosso planeta sofre com a poluição e a
degradação. Rios têm água contaminada, florestas foram
destruídas e muitos animais estão quase extintos. Esses são
apenas alguns exemplos. Agora, mediante a necessidade de
uma nova forma de viver neste planeta, é preciso pensar em
como recuperar tudo o que vem sendo destruído.
 É importante que o consumidor observe, além da garantia ou
qualidade, ver se o produto escolhido é ambientalmente
correto. Qualquer produto que esteja de acordo com os
princípios sustentáveis agrega valor para quem produz e mais
consciência para quem consome. Mudar a maneira de
produzir ou fabricar é a garantia da permanência no mercado
com responsabilidade. E redirecionar a forma de consumo é
garantia de mais qualidade de vida.
Margarida Rocha
Nº12
Martim Fonseca
Nº15

5ºA