Você está na página 1de 15

O que é o Joomla

O Joomla é um CMS de código livre


que permite criar e gerir todos os
aspectos de um Web site. O Joomla foi
criado a pensar nos utilizadores que
não percebem ou que são iniciados em Portais para Escolas e/ou Empresas
programação pelo que a sua utilização
e instalação é muito fácil e a curva de Sites de página pessoal
aprendizagem muito pequena.
O Joomla pode ser usado para fazer Blogs, revistas, jornais
tudo o que for relacionado com o Web
site, desde a criação de conteúdo até à
adição de imagens ou mesmo o As possibilidades são ilimitadas
registo de pessoas e reservas on-line
de produtos. Tudo através de qualquer
navegador de Internet.
Como funciona…
O funcionamento do Joomla está
dividido em duas partes:
O frontend e o backend.
O frontend é o que o utilizador vê
quando entra no site. A apresenta-
ção é feita usando templates que
definem o estilo global das páginas
O backend é a área de administração
onde só têm acesso as pessoas com
permissões especiais. Nesta área é
onde existe todo um conjunto de
ferramentas que ajudam à criação e
gestão de conteúdo.
Configurações Globais do Joomla…
 “Local” onde fazemos todas as configurações…
Templates…
Podemos alterar o aspecto das
páginas aplicando templates que
funcionam como estilos que ao
serem aplicados alteram por
completo o aspecto de toda a
página. Os templates têm de ser
instalados à parte utilizando a area
de administração situada no back-
end. O Joomla aceita a instalação de
templates porém não existe suporte
nem garantias pois estes são
desenvolvidos por terceiros e podem
ou não ser grátis e de código livre.
Componentes …
Depois de instalado o Joomla permite
a instalação de componentes que
adicionam várias novas funcionalida-
des ao software como:
- Gestão de documentos
- Galerias de imagens
- Criação dinâmica de formulários
- Fóruns e serviços de chat
- Calendários
- Blogs
- Organização de directórios
-Newsletters
-Etc.
Módulos, Mambots/Plugins…
Módulos Mambots ou Plugins
Outro tipo de extensões são os módulos, que Estas extensões permitem efectuar
tem a tarefa de desempenhar pequenas
funções de componentes mas, também algumas tarefas de baixo nível como
podem ser independentes. Os módulos não inserir imagens, editar texto, tabelas,
possuem parte de administração própria
como os componentes e são executados parágrafos, etc.
automaticamente quando a página é São normalmente indispensáveis ao
carregada. Exemplos de módulos: um menu, funcionamento de alguns componentes
um calendário, um relógio, formulário de
login, um slide-show de imagens, um e não são de grande relevância para o
indicador de utilizadores on-line. utilizador comum.
Os módulos são os únicos objectos de um site
Joomla que podem ser atribuídos a um local
do template e o seu aspecto é, como tudo o
resto no Joomla, da completa
responsabilidade do template, embora haja,
caso o template o permita, a possibilidade de
definir parâmetros do modulo para alterar a
sua aparência individual.
Os tipos de utilizadores (sem acesso a0 backend)…

•Tem acesso à informação do tipo registered e public


•Não tem acesso a informação do tipo special. Não pode adicionar nem editar conteúdo.
Registado

•Tem acesso à informação registered, special e public.


•Pode criar e editar conteúdo.
•Só pode editar os registos criados pelo próprio.
Author •Novo conteúdo sujeito a aprovação e publicação por alguém da área de administração.

•É basicamente um Author com permissões para editar todos os registos.


Editor

•É um Editor com a possibilidade de fazer publicação de registos


Publisher
Os tipos de utilizadores (com acesso a0 backend)…

• Pode criar, editar, apagar conteúdo e secções/categorias.


Manager • Apenas tem acesso a gestão de conteúdo e media.

• Não pode instalar templates nem ficheiros de linguagem.


• Não pode eliminar nem configurar a conta do super administrador.
• Não tem acesso a configuração global nem as informações de sistema.
Administrador • Não tem acesso ao componente mass mail

• Tem acesso a tudo…


Super
Administrador
Gestão do Conteúdo…

No Joomla existem dois tipos de conteúdo:


O estático e o dinâmico.
O conteúdo estático não obedece a nenhuma
hierarquia e só pode ser visualizado
directamente através de um link no menu, no
entanto, o conteúdo dinâmico é organizado
por ordem de grandeza em secções e
categorias e é possível visualizá-lo em blogs e
páginas de secções ou categorias.
Gestão do Conteúdo - Dinâmico…
É fundamental entender como funciona a
hierarquia de conteúdos dinâmicos. Exemplo:
Esta hierarquia não é flexível pelo que
qualquer conteúdo tem que
obrigatoriamente pertencer a uma Secção Categorias Conteúdos
categoria que, por sua vez, pertence a uma
secção.
O Joomla aplica o conceito de publicação
não só a todo o conteúdo de texto do site Portugal Campeão

mas também a módulos, mambots, links de Futebol


menus, etc. Este conceito permite criar FCP sempre vai à
Liga dos
conteúdo mas não o disponibilizar de Desporto Campeões!

imediato para, por exemplo, ser aprovado Ovarense


Campeão
pela administração. Na publicação Basket

podemos definir a que tipos de utilizador o


artigo ficará disponível e ainda marcar uma
data a partir da qual o artigo deixara de
estar publicado (conceito de expiração).
Gestão de Menus…
Um dos problemas do que sentimos
na utilização do Joomla é entender
que não existem “páginas feitas”, as
páginas são geradas conforme
seleccionamos um menu ou um link!
Um conteúdo só é mostrado no site
quando está ligado a um menu, ou
seja, são os menus que determinam
o conteúdo de um site Joomla e não
os itens de conteúdo.

Nota: É possível aparecer e desapa-


recer menus em determinados com-
textos…
Notas Importantes…
 O conteúdo é que é o factor mais importante para o sucesso de um site!
 As extensões (componentes, módulos e/ou plugins) a escolher dependem do objectivo do site, dos seus
utilizadores, etc.
 O erro mais comum é instalar extensões desnecessárias.
 Instalar e desinstalar extensões afecta a performance do seu site: faça os ensaios em site de teste
(localmente).
 Ter muitas extensões em utilização simultânea numa determinada página afecta a velocidade de
carregamento do seu site.
 A instalação de extensões que depois não vão ser utilizadas pode ser uma causa de vulnerabilidades no
site.
 A actualização das extensões é independente do Joomla e nem sempre funcionam correctamente quando
actualizar a versão do Joomla!
 Verifique se a extensão pretendida foi actualizada recentemente pois existem projectos que foram
abandonados ou não têm apoio do criador original.
 Verifique se a extensão pretendida foi desenvolvida para Joomla, pois embora as extensões criadas para
Mambo funcionem no Joomla, a evolução das dos dois sistemas acaba por criar dificuldades de
funcionamento.
Boas Práticas:
Comece sempre o seu projecto no papel, escolhendo e definindo as opções que realmente pretende em
primeiro lugar, as fundamentais, e só depois analise as necessidades secundárias. Defina prioridades e
avalie a relação custo/benefício em manter actualizadas muitas extensões.
Link's…

 www.joomla.org (Site Oficial)


 www.joomlapt.com (site português)