Você está na página 1de 34

Logística

O QUE É LOGÍSTICA?

 Logística ≠ Somente transporte de mercadoria.


 processo de planejar, executar e controlar de
forma eficiente o transporte, a movimentação e o
armazenamento de mercadorias dentro e fora das
empresas.
ATIVIDADES DA LOGÍSTICA

 Atividades Primarias x Atividades de Apoio


ATIVIDADES PRIMÁRIAS DA LOGÍSTICA :

 -Transporte ·
 -Gestão de Estoque ·

 -Processamento de Pedidos
ATIVIDADES DE APOIO DA LOGÍSTICA :

 -Armazenagem ·
 -Manuseio de Materiais ·

 -Embalagem ·

 -Obtenção ·

 -Administração de Informações
INDICADORES DE DESEMPENHO DA
LOGÍSTICA

 Tempo do ciclo do pedido


 Média de pedidos e valor faturado

 Porcentagem de pedidos de produção não


realizados a tempo
 Número de atrasos na produção
ÁREAS DE ATUAÇÃO DA LOGÍSTICA NAS
EMPRESAS:

 Administração de materiais
 Compras / Suprimentos

 Transporte

 Armazenagem

 Movimentação

 Distribuição
1-ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS
1- ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS

 Objetivo

ESTOQUE CONSUMO
2- SUPRIMENTO/COMPRA: CONCEITO
2- SUPRIMENTOS/COMPRA :OBJETIVO
 Obter mercadorias e serviços na quantidade e
qualidade necessárias.
 Obter mercadorias e serviços ao menor custo

 Manter boas relações com fornecedores,


garantindo a pronta entrega e o melhor serviço
possível
3 - TRANSPORTE
3- TRANSPORTE :
 Deve ser estratégico , por ser o maior custo
logístico.
 Possui grande importância através dos custos e
prazos no relacionamento com fornecedores e
clientes.
 Encontrar a melhor relação custo benefício do
tempo com o preço assim como em alguns casos
melhor aplicação do uso dos modais de
transporte.
 Cuidados com o transporte interno nas empresas
buscando maiores eficiências.
4 – ARMAZENAMENTO :
4 -ARMAZENAMENTO :
 Redução dos custos.
 Padronização ,para auxiliar na redução de
estoques e na velocidade de entrada e saída de
materiais.
 Desenvolver técnicas, equipamentos e
embalagens aumentam a eficiência na redução de
custos.
5 –MOVIMENTAÇÃO :
5- MOVIMENTAÇÃO :
 Eficiência e segurança na movimentação dos
materiais.
 Transporte dos materiais em tempo útil, com a
quantidade exacta, para o local desejado;
 Armazenamento de materiais, otimizando a
capacidade espacial fornecida pela empresa;
 Soluções de baixo custo para as atividades de
movimentação de materiais
6 - DISTRIBUIÇÃO
6- DISTRIBUIÇÃO
 Preciso que seja distribuído por um atacadista?
 Preciso de quantos níveis no meu canal de
distribuição?
 Qual o comprimento do meu canal (quantos
intermediários)?
 Onde e quando meu produto precisa estar
disponível?
 Como será minha distribuição? (exclusiva,
seletiva ou generalista)
SUPPLY CHAIN MANAGEMENT :
 Conceito
 Logística ≠ Supply Chain
SUPPLY CHAIN MANAGEMENT
SUPPLY CHAIN MANAGEMENT
LOGÍSTICA REVERSA
FERRAMENTAS QUE AUXILIAM NA
LOGÍSTICA
 WMS – Warehouse Management System ou Sistema de
Administração de Armazém
 TMS – Transportation Management System ou Sistema de
Administração de Transporte
TMS X WMS

-Cálculos de fretes;
-Controle e atualização
-Simulação de cenários
do armazém;
com fretes e rotas ideais;
-Gestão de inventário;
-Rastreamento de
-Análise de
cargas;
necessidade de compra
-Automatização de
do armazém;
informação da carga;
-Análise de pedidos
-Agendamento de
recebidos;
entregas;
-Exatidão em
-Organização para
informações de itens;
entregas;
-Giro de
-Emissão eletrônica de
estoque/produtos.
romaneio (relatório de
controle);
RESUMO : 7 C’S
ESTUDO DE CASO
 Aplicação do conceito de logística em uma empresa
da área têxtil.

Apresentação da empresa

 - Atua na área de confecção e tem o foco no


gerenciamento das atividades administrativas e logísticas
APRESENTAÇÃO DA EMPRESA

- Atua na área de confecção e tem o foco no gerenciamento das


atividades administrativas e logísticas.
DIAGNÓSTICO DE NECESSIDADES

- Mapeamento do Fluxo de Valor (MFV)


DIAGNÓSTICO DE NECESSIDADES

 - Layout fabril
DIAGNÓSTICO DE NECESSIDADES

 - Necessidades de otimização:

o Distribuição e preparação dos caminhões para realizar a rota de


processamento
o Ajuste no layout fabril para se otimizar a entrada e saída de materiais
AJUSTES LOGÍSTICOS
- ROTEIRIZAÇÃO - MILK RUN

Tabela 2: Fornecedores

Tabela 3:
Frequência estima
de coleta entre
parceiros
AJUSTES LOGÍSTICOS
- ROTEIRIZAÇÃO - MILK RUN
 - Sistema de caixa padrão - Projeto de layout
RESULTADOS

Tabela 4: Análise dos resultados