Você está na página 1de 24

Posse

responsável

Projeto de Extensão: Aplicação dos conceitos básicos sobre


posse responsável de animais e principais zoonose urbanas
para educação em saúde
FMVA- UNESP- 2014

Imagem pública
O que é
posse
responsável
Quando você ama alguém, faz de tudo para
garantir a felicidade dela, certo?
A posse responsável é exatamente isso!
Cuidar do seu animalzinho para que ele esteja
sempre saudável e feliz!

Imagem pública Imagem pública


Os 10 mandamentos da posse responsável
Os 10 mandamentos da posse responsável
Os 10 mandamentos da posse responsável
Os 10 mandamentos da posse responsável
Os 10 mandamentos da posse
responsável
Os 10 mandamentos da posse
responsável
Os 10 mandamentos da posse
responsável
Os 10 mandamentos da posse
responsável
Os 10 mandamentos da posse
responsável
Os 10 mandamentos da posse
responsável
Banho
Nós, seres humanos, tomamos banho todos
os dias! Você sabe por quê?
Porque a sujeira e o mal cheiro atrai bichos
indesejados como por exemplo a mosca, e
nos deixa predispostos a contrair muitas
doenças!
Com o nosso animalzinho acontece a mesma
coisa, portanto eles devem tomar banho
também!

Obs: os gatos não necessitam de banhos com


tanta frequência, pois eles realizam a auto
limpeza.

Imagem pública
Vacinação
Assim como nós temos a carteira
de vacinação, é muito importante
que seu animalzinho tenham uma
também, pois assim podemos ter
um controle.
Além da vacinação anti-rábica,
existem outras vacinas que são
essenciais para garantir uma vida
saudável. Pergunte a seu
veterinário!
Sendo assim, cuide da saúde dos
seus animais, e visite um médico
veterinário, para manter em dia as
vacinas e a vermifugação!
Obs: a vermifugação deve ser feita
desde filhote ( aos 1-2 meses de
vida) Imagem pública
Cuidados
Reserve um tempo do seu dia e brinque com seu animal. Eles
ficam tristes por ficarem sozinhos e sem atenção. Ensine
coisas para ele como sentar, deitar, buscar coisas quando
você pedir! É muito gostoso e divertido ter um amigo fiel e
educado na sua casa!
Obs: ele não vai aprender sozinho as regras da casa, portanto
você deve ensiná-lo!
Imagem pública

Imagem pública
Alimentação
É nosso dever garantir uma alimentação
adequada e saudável para nosso animalzinho!
Devemos tomar cuidado ao alimentá-los com a
nossa comida. Assim como algumas frutas
podem fazer bem, os chocolates podem ter
efeito tóxico. Fique ligado!
Confira no próximo slide, alguns alimentos
vilões para os cães:
-Chocolate: se você suspeitar que seu cão comeu uma quantidade excessiva
de chocolate, procure um veterinário pois ele pode até morrer com a
overdose de chocolate.
-Abacate: pode causar desarranjo gastro-intestinal.
-Café: pode causar danos ao sistema nervoso e sistema urinário, além de ser
um estimulante cardíaco.
-Uva e uvas passas: existem casos registrados de apenas 6 (seis) uvas ou
passas causando insuficiência renal aguda.
-Macadâmia: contem uma toxina desconhecida que pode afetar os músculos,
o sistema digestivo e o sistema nervoso dos cães. Já foram registrados casos
de paralisia
-Cebola: cães sensiveis podem adquirir anemia se ingerir cebola em excesso e
com frequência.
-Massa de pão e bolo crua: O fermento contido na massa crua pode se
expandir no estômago do animal e causar dor ou ruptura intestinal.
-Alho: Jamais dê alimentos temperados com alho para o seu cão, apesar de
saudável para os seres humanos o alho destrói as células vermelhas do
sangue dos cães e pode causar anemia e, em casos mais graves, falência renal
por perda de hemoglobina.
-Bebidas alcoólicas:Descordenação, Excitação, Depressão, Urinar
excessivamente, Respiração lenta, Ataque cardíaco e morte.
Castração
-As cadelas entram no cio duas vezes por ano
-As gatas entram no cio logo depois que cria
Dessa forma é necessário alguns cuidados, para que a
população de animais nas ruas diminua.

Vejam a seguir:

Imagem pública
Imagem pública
Leishmaniose visceral canina
A Leishmaniose visceral é um zoonoze como
vocês já devem saber. É uma doença grave que
não possui tratamento, e que tem como alguns
sintomas: emagrecimento, febre, aumento das
unhas, apatia, anemia, fraqueza, descamações
na pele.

Imagem pública
Imagem pública

Mosquito palha
sintomas
Vamos evitar que o seu cãozinho adquira
leishmaniose?!
Para isso é muito importante o uso da coleira
repelente que libera seu principio ativo,
a Deltametrina, e se espalha de forma rápida e
uniforme pela pele do cão até atingir todo o corpo
formando uma espécie de “capa protetora”, com
duração de mais ou menos seis meses. Lembre-se
de retirar a coleira durante o banho.
Outros produtos repelentes (“pour on”) também
são úteis, além de evitar que o cão durma próximo
de galinheiros, e evitar que ele fique na rua.