Você está na página 1de 22

Psicosfera e Carnaval

Pensamentos

“Orai e vigiai para não cairdes em tentação. O espírito está


pronto, mas a carne é fraca” (Mateus, 26:41)
Psicosfera

Diversidade dos Carismas (Hermínio Miranda): “...a palavra


psicosfera acabou introduzida na terminologia doutrinária
precisamente para expressar o conceito de uma atmosfera
ou zona psíquica resultante de uma concentração de energia
mental harmoniosa, num extremo do espectro, ou
perturbada e perturbadora, no extremo oposto” (cap. 12)
A Gênese (cap. 14)

 “O Espírito, encarnado, conserva, com as qualidades que lhe são


próprias, o seu perispírito que, como se sabe, não fica
circunscrito pelo corpo, mas irradia ao seu derredor e o envolve
como que de uma atmosfera fluídica...”
 “O pensamento do encarnado
atua sobre os fluidos
espirituais, como o dos
desencarnados, e se transmite
de Espírito a Espírito pelas
mesmas vias e, conforme seja
bom ou mau, saneia ou vicia
os fluidos ambientes...”
A Gênese (cap. 14)

 “Os meios onde superabundam os maus Espíritos são,


pois, impregnados de maus fluidos que o encarnado
absorve pelos poros perispiríticos...”
 “Se os eflúvios são de boa natureza, o corpo ressente uma
impressão salutar; se são maus, a impressão é penosa. Se
são permanentes e
enérgicos, os
eflúvios maus
podem ocasionar
desordens físicas...”
Psicosfera: Aplicações

Diversidade dos Carismas (Hermínio Miranda): “Em


épocas que precedem às festas de Natal, dias das Mães
etc, durante as quais muitas pessoas saem à rua e
povoam lojas em busca de presentes, a situação é
particularmente aguda. É como se ela “ouvisse” o
pensamento das pessoas, muitas vezes agoniadas por
não disporem de dinheiro suficiente para comprar aquele
mínimo de coisas que desejam...Parece perceber,
também, vibrações outras, suscitadas pela ganância dos
que estão apenas interessados em vender, bem como
pensamentos de impaciência, irritação, competição e
rivalidade entre compradores e vendedores”.
Psicosfera: Aplicações

A Vida Além da Sepultura (Hercílio Maes): “Esse


prematuro desejo do moço ou moça moderna, de se
emancipar intelectivamente sem alcançar o equilíbrio
moral..., adapta-se perfeitamente ao perigoso atomismo do
século científico e à atmosfera subvertida por inúmeras
contradições, exotismos e rebeldia aos princípios pacíficos
expostos por Jesus no seu admirável Evangelho. Os
delinquentes das sombras trabalham na esfera mental
desses jovens de grilhões rompidos, insinuando-lhes que o
trabalho do Cordeiro-Jesus é tão somente um passadismo
piegas, próprio de uma época supersticiosa ...”
Psicosfera e o carnaval

“Atrás do trio elétrico só não vai quem já morreu” ....


“Atrás do trio elétrico também vai quem já “morreu”
CASO FREI ARNALDO: NAS FRONTEIRAS DA LOUCURA
(CAP. 23 – TRAMA NA TREVA)

 Casais: Júlia e Otávio / Marcondes e Raulinda

 Cenário: Carnaval no Rio de Janeiro

 Situação: “Não se tratava de um grupo viciado sob


dependência cruel de erros morais. Pais dedicados,
que juntos interessaram-se pela Doutrina Espírita”
 Diálogo entre Júlia e Otávio:
- “Divirtamo-nos a valer. Será nossa despedida do Carnaval,
já que iremos iniciar uma nova vida, a fim de não ficarmos,
no futuro, frustrados”
- “Desde que não nos excedamos...”
Descrição do ambiente:
“Milhares de pessoas imprevidentes, estimuladas pela música
frenética, pretendendo extravasar as ansiedades represadas,
cediam ao império dos desejos...As mentes em torpe comércio de
interesses subalternos, haviam produzido uma psicosfera
pestilenta, na qual se nutriam vibriões psíquicos, formas-
pensamento de mistura com entidades perversas, viciadas e
dependentes, em espetáculo pandemônico, deprimente”
Os bastidores:
- Preparativo: Indução de Júlia
- Local: “seis espíritos de terrível catadura...reuniam-se em casa
dedicada à jogatina e ao comércio carnal”
Plano: induzir um maníaco sexual embriagado a atacar Júlia,
criando confusão e a reação de Otávio. Diminuir as defesas
psíquicas pelo consumo de bebidas e lança-perfume.
Resultado: briga ou fuga em carro, com morte de todos
Intercessão:
- Quem: mãe de um dos obsessores
- Equipe espiritual: Bezerra de Menezes, Manoel Philomeno de
Miranda e Frei Arnaldo
INDUÇÃO ESPIRITUAL
Livro Sexo e Destino – André Luiz. Simbiose fluídica de Cláudio Nogueira

Parceria consentida- não há constrangimento do hospedeiro


Caso Cecília do Livro Missionários
da Luz – Cap. 6 - Oração
História:
- Casal: Cecília e seu esposo
- Situação: esposo apresenta parasitas (vampirização)
- Causas: incontinência das emoções, experiências
sexuais extraconjugais, sintonia com entidades
grosseiras
- Região afetada: área do sexo
Dentro do Lar:
- Tranquilidade, vibração de paz
- Cecília desdobrada pelo sono – leito com luminosidade
- Cecília acaricia cabeça esposo: prece fervorosa
- Coração de Cecília: foco ardente de luz atingia o esposo,
destruindo as formas escuras
"Tudo me é permitido", mas nem tudo convém. "Tudo me é
permitido", mas eu não deixarei que nada domine.
1 Coríntios 6:12
“Os raios divinos, expedidos pela oração santificadora, convertem-se
em fatores adiantados de cooperação eficiente e definitiva na cura
do corpo, na renovação da alma e iluminação da consciência.”
Missionários da Luz
• Não subestimar as forças do mal
• Vigilância
• Oração
• Alimentação espiritual – PARÁBOLA DA
MOSTARDA
• Trabalhar sem cessar
• Disciplina

Você também pode gostar