Você está na página 1de 21

DERMATO-FUNCIONAL

PROF.ª SHIRLEY MERGULÃO


Acadêmicos:

• Andresa Mirella

• Edgar Júnior

• José Aurélio

• José Ricardo

• Mônica Queiroz

• Vanessa Oliveira
Conceito

A corrente russa é uma forma

Fonte: http://esteticapriscila.no.comunidades.net/index
de eletroterapia, associada a
contrações musculares.

É uma corrente alternada de


média freqüência (2.500 Hz),
retangular, simétrica,
balanceada, despolarizada e
modulada;

Utilizada para fins


excitomotores.
Histórico

http://mauriciooliveirapxmarlboro.
blogspot.com/2011/08/hoje-uma-
Desenvolvida por

materia-divulgada-078-no-
médicos russos na
década de 80.

Verificaram que os

site.html
Fonte:
astronautas russos
que voltavam as
missões, sofriam de A partir daí, o professor de
flacidez, fadiga medicina esportiva de Moscou,
muscular, atrofia Yakov Kots apresentou este tipo
muscular devido à de corrente, para resolver de
falta de gravidade. forma mais rápida estes
problemas.
Atuação Fisioterapêutica

Hoje é muito

http://www.esteticaesaudemanaus.
com.br/2010_02_01_archive.html
utilizada para os
tratamentos de
Fisioterapia
desportiva e
Dermato-funcional;

Fonte:
Atuando na Pode ser feito no pós-parto,
flacidez muscular, após emagrecimento, antes e
modelagem depois de cirurgias plásticas.
corporal na
Em atletas recupera a força
recuperação de
muscular, além de estimular o
fibras musculares;
fluxo sangüíneo e linfático.
Mecanismos de ação
Funciona trabalhando as:
Fonte: http://daybiancostudio.blogspot.com/2010/05/pedofilia.html

 Fibras Vermelhas – São fibras


musculares lentas e resistente à fadiga
(tonicidades) , deve-se utilizar
freqüências mais baixas.

 Fibras Brancas – São fibras


musculares rápidas e menos
resistentes à fadiga (velocidades) ,
sendo utilizado freqüências mais altas.

 Fibras Mistas - São fibras resistentes,


porém nem tanto quanto as vermelhas,
e nem tão rápidas quanto as brancas.
Parâmetros
Forma da onda (retangular ou
senoidal).

Intensidade da corrente.
 De acordo com o limiar de dor
do paciente.

Freqüência dos pulsos em Hz.


 (de 20 e 30 Hz): musculatura
profunda (fibras vermelhas). Fonte:
http://paulafisiodermato.blogspot.com/2009/02/
corrente-russa-eletroestimulacao.html

 (de 50 a 150 Hz): musculatura


superficial (fibras brancas).
Parâmetros

http://rtufvjm.blogspot.com/2009/06/c
Duração de pulso.

orrente-russa-alunos-livia-e-
 Tempo ON: É o período

mateus.html
que a correte circula pelos

Fonte:
eletrodos durante cada
ciclo de estimulação.

- Utiliza o tempo  Tempo OFF: ajuste do período


suficiente para que de tempo que a corrente não
haja contração, + ou – circula pelos eletrodos.
6 segundos.
- Utiliza o dobro do tempo
ON + ou – 12 segundos.
Parâmetros

Fonte: http://gifs-animados.lwam.com.br/gif-animado-do-relogio-
Tempo
 Para iniciantes entre
10 a 20 minutos.

 Para um maior
condicionamento entre
30 a 40 minutos.

do-homer-simpson/
Parâmetros
Disposição dos
eletrodos:
 Ponto motor;

Fonte: Tonederm – Manual de uso


Formas de estimulação
Seqüencial:

 Tempo ON-OFF iguais, utilizado pra drenagem


linfática.

http://silhuarte.blogspot.com/2009/
11/drenagem-linfatica-
eletronica.html
Fonte:
Formas de estimulação
Recíproco:

 Canais alternados com ajuste de ON-OFF, promove


recrutamento de músculos agonistas e antagonistas de um
membro;

Fonte: http://www.irepublica.com.br/?pg=noticias-
conteudo&id=179&id_cat=1
OFF, estimulação de
ou
ON-

musculares isolados;
Formas de estimulação

 Estabelecidos
Sincrônico:

grupamentos
músculos
Fonte: http://www.hotfrog.com.br/Empresas/Belle-Skin-Fisioterapia-
Est%C3%A9tica/Estimula%C3%A7%C3%A3o-Russa-ou-Corrente-
Russa-254155
Efeitos Fisiológicos
Aumento da vascularização;

Melhora do tecido conjuntivo;

Melhora do aporte de enzimas e


nutrientes na corrente
sangüínea;

Melhora da circulação linfática;

Aumento da flexibilidade
tissular;
Fonte:
http://www.clinicatonyelbert.com.br/serv-
correnterussa.php
Tonificação e fortalecimento
muscular.
Indicações
Pré e pós - operatórios;

Disfunção posturais;

Ativação circulatória;

Atrofia muscular;

Condropatias;
Fonte:
Pós - períodos de http://www.lookfordiagnosis.com/mesh_i
nfo.php?term=Atrofia+Muscular&lang=3
imobilização;

Instabilidades articulares.
Contra-Indicação

http://www.sjtresidencia.com.b
Traumas musculares –
afecções agudas nas

r/invivo/?p=27610
articulações;

Fonte:
Membro com fraturas em
fase de consolidação;
Marcapasso;
Formas de espasticidade;
Distúrbios vasculares;
Mulheres grávidas – risco
de induzir contrações Neoplasias;
uterinas;
Áreas de tecido adiposo
excessivo.
Contra-Indicações
relativas
Próteses metálicas

pr.org/prescritores/index.php
/tag/doencas-cardiacas.html
no local de
aplicação.

Fonte: http://sbc-
Doenças cardíacas
como: arritmias
severas, insuficiência
cardíaca. Perda da integridade da pele no
local da aplicação.
Encurtamento
funcional do Sensibilidade alterada.
músculo.
Fragilidade capilar e/ ou
Traumas locais. insuficiência venosa profunda.
Precauções

Acoplar corretamente
as placas ou faixas
com gel condutor,
posicionando e fixando
bem;

A colocação das placas


ou faixas condutoras
deverá ser realizada
com o equipamento
ligado, mas com as
intensidades zeradas;
Fonte:
http://casadoesteticista.blogspot.com/2011_02_01_archive.html
Considerações Finais

A corrente russa é indolor e eficiente no tratamento da


flacidez, modelagem corporal e recuperação com
aumento da força muscular.

É eficaz para homens e mulheres porque respeita a


fisiologia muscular e o seu metabolismo, trabalhando as
fibras vermelhas e brancas proporcionando resultados
rápidos e altamente satisfatórios.
Referências
Eletrotermoterapia Teoria e Prática
http://www.wgate.com.br/conteudo/medicinaesaude/fisioterapia/eletr
o/corrente_russa/corrente_russa.html
http://www.sogab.com.br/floresdias/russajoelho.htm
http://www.concursoefisioterapia.com/2010/07/aplicacoes-da-
corrente-russa.html
http://www.fisiotrauma.com.br/trabalhos/trab_correnterussa.htm
http://www.maisondarcybicalho.com.br/index.php?option=com_cont
ent&task=view&id=9
http://www.copacabanarunners.net/corrente-russa.html
“ A beleza física é
herdada pela genética,
a beleza interior é
adquirida com o passar
do tempo. ”

OBRIGADA!