Você está na página 1de 19

RESIDENCIA MEDICA DE NEUROLOGIA

“Síndromes de heminegligencia”
R1 – Omar Gurrola Arambula

Botucatu SP, marco 2017


Essa síndrome é caracterizada
por uma um estado de
indiferença em relação aos
estímulos sensoriais
provenientes do lado esquerdo
do paciente, bem como
redução nas atividades
motoras a serem executadas
nessa região.
Ha uma perdida da configuração
da entrada sensorial ao cérebro,
especialmente para o neocórtex;
tendo em conta que o lobo
parietal contem o esquema
corporal y ajuda na percepção
espacial.
 Chama-se de Síndrome de heminegligencia, síndrome de intenção ou neglent.
 Quadro mais característico da ares parietal posterior
 Por lesões do lado direito que domina os dois lados (hemisfério de processos viso-espaciais)
 Ocorre uma negligencia sensorial do mundo contralateral
 Pode ser ao próprio corpo a ao espaço exterior

Heminegligencia ao próprio corpo:


1 Perde noção de seu esquema corporal (metade esquerda de seu corpo)
Deixa de se lavar fazer a barba ou calcar sapatos de lado esquerdo,
alguns nem reconhecem a hemiplegia

Heminegligencia ao espaço peri e extra pessoal:

2 O mundo ao lado esquerdo deixa de existir


Escreve a metade direita do papel, só lê a metade direita
das sentenças, só come do lado direito
pode se provocar por lesões em
diferentes regiões cerebrais.

− córtex na união temporo-parietal


− áreas límbicas como o giro do cíngulo
− áreas subcorticais como o tálamo y a
formação reticular mesencefálica.
1. Agnosia unilateral espacial: desconhecimento da
Metade esquerda do campo visual y do lado esquerdo
do corpo. Vai realizar desenhos e não vai fazer o lado
esquerdo deles.
2. Desatenção do lado esquerdo:
se comprova quando examinando y tocando partes simétricas opostas do cuerpo
com os olhos fechados, se comporta indiferente ao tocar a parte esquerda do seu
corpo.
3. Anosognosia: o paciente é incapaz de reconhecer
seus erros.
4. Parognosia: não reconhece objetos pessoais como seus
5. Apraxia al vestirse.
6. Agnosia para as faces: reconhece por a voz e não pela face
7. hemianopsia homónima.
1. Heminegligencia sensorial o atencional
-Extinción sensorial
- Hemi-inatención sensorial
- Heminegligencia sensorial
- espacial extrapersonal
- espacial personal
- Hemidespersonalización

2.Heminegligencia motora o intencional

-Hemiakinesia
- Extinción motora
- Impersistencia

3.Heminegligencia afectiva
-Anosodiasforia

Misoplejía
4.Heminegligencia representacional
Dificultad al responder a un estímulo que está
presente en el lado opuesto a la lesión cerebral.
A extinção sensorial do estímulo contralateral á lesão ante um
estímulo simultâneo bilateral e é frequentemente uma modalidade
mínima evolutiva da hemi-inatenção. Esta é sempre multimodal (visual,
táctil o auditiva).

Este defeito pede-se detectar na conduta do paciente (só come do


meio platô, só lê a metade de um paragrafo ou escreve na metade da
folha).
 quando tem um falho para
atender a um estímulo no
espaço extra corporal, e
afeta ademais o conjunto
de atividades do paciente
como: vestir-se, a leitura,
a escritura, etc.

Exemplo:

Se pede para o paciente


desenhar um relógio analógico.
 Teste de bissecção de
linhas
desordem viso - construtivo

Se pede para desenhar:

 um círculo
 uma margarida
 uma casa
Está relacionado ao próprio corpo.

Para explora-lo se solicita ao paciente que toque com o


hemicorpo sano alguma parte do hemicuerpo lesado. E
a conduta frequentemente se acompanha de
anosognosia (negação de da doença)
pese a estar conscientes do estímulo, não responde sem que
exista una paresia que o justifique.
 Hemi-akinesia. trata-se de um retardo na iniciação dos movimentos ou da
ausência de movimentos.

 Akinesia: é um falho na iniciação do movimento que no pode ser atribuído a


uma disfunção no sistema motor, e sim uma alteração dos sistemas necessários
para ativar os moto neurônios. pode ser de evocação do exterior (estímulo
externo) o endógena (estimulo interno).

 Extinção motora: só aparece a akinesia contraria a lesão quando se movem


simultaneamente ambos membros.

 Hipokinesia: pacientes com defeitos leves no sistema intencional, pedem não


falhar em iniciar as respostas mas as iniciam despois de um lapso anormalmente
longo.
E a falta de capacidade para manter uma ação.

É a impossibilidade de manter uma posição comandada pelo


examinador mais de 10 segundos.

Este fenómeno que está ligado a um mecanismo de atenção


para manter toda atividade motriz.

Clinicamente pede manifestar-se nos membros, ao nivel


axial como nos parpados.

As lesões são frequentemente parietais a direita


É comum:
anosognosia (inconsciência o incluso negacao
da hemiparesia contralesional)

Ou estão cientes do déficit neurológico, parece


no importar-lhes, não sentem-se preocupados
pelo déficit.
 É a negligencia a una metade da imagem mental.

 Para avaliar a negligencia representacional, se solicita ao


paciente que imagine um lugar conhecido (pode ser o
quarto) y que descreva o que vê.

 Eles descrevem menor quantidade de objetos do lado


contralateral a lesão. é á negligencia a metade da imagem
men.al
Referencias bibliográficas:

Hemineglect and Hemianopia. A Case Report (PDF Download Available). Available from:
https://www.researchgate.net/publication/305398321_Hemineglect_and_Hemianopia_A_Case_
Report [accessed Mar 29, 2017].

 Neuroanatomia funcional de Machado


 Infomed – rede de saude de Cuba, HEMINEGLIGENCIAS Autor: María Luisa García de la Rocha
http://www.sld.cu/galerias/pdf/sitios/rehabilitacion-logo/10_heminegligencias.pdf
 Revista Electrónica de las Ciencias Médicas en Cienfuegos ISSN:1727-897X Medisur 2012;
10(4) PRESENTACION DE CASO Heminegligencia y hemianopsia. Presentación de un caso