Você está na página 1de 14

Curso Informática de gestão

FRANCO B. SIMBINE
Sumario da aula
• Enquadramento
• Arquitectura e Características de um Sistema de BI
• Propostas de valor e vantagens competitivas de um projecto de BI
• Panorama Actual dos Sistemas de Informação e da GestãoTipos de e-Learning
ENQUADRAMENTO

As suas metas fundamentais são, genericamente, recolher dados, transformá-los em


informação (através de descoberta de padrões e tendências) e, sequencialmente,
informação em conhecimento útil e oportuno para a tomada de decisão.

Intelligence remete imediatamente para a noção de informação


privilegiada enquanto vantagem competitiva sobre um oponente e
determinante para o sucesso de qualquer estratégia.

Antes do advento da automatização e informatização do processamento, a


informação era tratada de forma avulsa e não estruturada, pelo que as
decisões tomadas a jusante tinham sempre um elevado componente de
intuição.
Com os primeiros computadores (os enormes e célebres mainframes, na década de
1960), iniciaram-se as primeiras tarefas a nível de automatização e armazenamento.

Simples reportings baseados nesses dados poderiam demorar semanas ou mesmo


meses a ser elaborados.

Várias tendências têm sido evidentes:

• Grande intensidade concorrencial da maior parte dos mercados;


• Exigência de padrões de qualidade cada vez mais elevados dos produtos/serviços de
cada oferta;
• Necessidade de conhecer mercados e clientes cada vez mais segmentados e específicos;
•Necessidade de racionalizar processos internos e reduzir custos
operacionais;
•Imperativo de avaliar, em tempo real, a performance das organizações,
de forma a ter capacidade de decidir em tempo útil;
•Necessidade de conhecer, controlar e minorar os riscos de negócio
associados a cada actividade.

Os sistemas ERP (enterprise resource planning), CRM (customer relationship


management), SCM (supply chain management), data warehouses e Internet
estão constantemente a oferecer informações aos gestores; é, pois, necessário
transformar dados em conhecimento.
Business intelligence – conceito que engloba um vasto conjunto de aplicações de
apoio à tomada de decisão que possibilitam um acesso rápido, partilhado e
interactivo das informações, bem com a sua análise e manipulação; através destas
ferramentas, os utilizadores podem descobrir relações e tendências e transformar
grandes quantidades de informação em conhecimento útil.
objectivos fundamentais:

•Acesso a dados fiáveis – a fiabilidade dos dados, a sua fácil integração e compreensão
entre áreas é essencial para um exercício consciente da gestão;

•Aumento da transparência e compreensão do negócio – a disponibilização de


conhecimento em tempo real (o «quê», o «quanto», o «quando », o «onde» e o «como»)
permite aos gestores e decisores ter uma perspectiva das áreas que devem controlar
com total transparência e aumentar a sua capacidade de compreensão (o «porquê»);

•Suporte para a tomada de decisão – só uma compreensão oportuna da realidade pode


permitir tomadas de decisão eficazes; como tal, o conhecimento produzido pelos sistemas
de BI, potenciados pelas tecnologias de comunicação actuais, deve suportar e justificar as
medidas tomadas pelos vários intervenientes no processo de gestão.
ARQUITECTURA E CARACTERÍSTICAS DE UM SISTEMA
DE BI
Um sistema de business intelligence, encarado na perspectiva da sua vertente
tecnológica, deve ser enquadrado na infra-estrutura global dos sistemas de
informação da organização.

É necessário perceber a interacção entre o conhecimento produzido e os seus


destinatários (utilizadores finais), que, através dos vários interfaces e ferramentas de
visualização tiram, partido do que foi produzido, filtrado e sintetizado

Um sistema-padrão de business intelligence é, portanto, composto pelos


seguintes elementos:
Módulo de ETL (extraction, transformation and loading) – Componente dedicado à
extracção, ao carregamento e à transformação de dados. É a parte responsável
pela recolha das informações nas mais diversas fontes (sistemas ERP, arquivos
TXT ou ficheiros Excel);

• Data warehouse/Data marts – Locais onde ficam concentrados todos os dados


extraídos dos sistemas operacionais. A grande vantagem de ter um repositório de
dados separado consiste na possibilidade de armazenar informações históricas e
agregadas, construindo assim um melhor suporte para as análises efectuadas a
posteriori;

• Front-end – Parte de um projecto de BI visível ao usuário. Pode consubstanciar-


se em forma de relatórios padronizados e ad hoc, portal de
intranet/Internet/Extranet, análise OLAP e funções diversas como data mining ou
forecasting (projecções de cenários futuros baseados em determinadas
premissas).
PROPOSTAS DE VALOR E VANTAGENS COMPETITIVAS DE UM PROJECTO DE BI
Estas vantagens devem ser objecto de uma visão incremental:
devem ser aprimoradas gradualmente com vista a conceder aos
decisores novas capacidades de análise e um valor crescente em
termos da obtenção de «matéria-prima» de suporte à tomada de
decisão.
Em síntese, cumprir a promessa essencial das implementações de
business intelligence: entregar a informação certa, à pessoa certa,
no tempo certo – potenciando as melhores decisões com a melhor
relação custo-benefício

Primeira evidência – Um projecto de BI permite a aquisição de competências


distintivas ao nível da modelização da informação
Os projectos de business intelligence permitem a definição de modelos e
princípios de definição, inventário, conversão e distribuição da informação, com
vista a assegurar a coerência e a pertinência do conhecimento criado

Segunda evidência – Os projectos de BI graduais constituem benchmarks para


optimizar a informação organizacional.
Cada patamar ou benchmark reflecte um valor básico (core value) e um valor
avançado (advanced value) relativamente ao valor acrescentado para o
negócio de cada projecto implementado.

Terceira evidência – Um projecto de BI por clusters (nichos) assegura uma


simbiose integrada e duradoura entre a visão de negócio e a visão tecnológica
da organização
TESTEOSSEUSCONHECIMENTOS

1. Quais as principais vantagens competitivas que um projecto de business


intelligence pode trazer a uma organização?

2. Enumere quatro aplicações funcionais a nível da gestão das ferramentas de


business intelligence.

3. Descreva e caracterize os principais componentes de um sistema de


business intelligence.