Você está na página 1de 44

Sistemas Contemporânios de

Mensuração de Performance
Processos e Estruturas Organizacionais
Professor: José Carlos Tiomatsu Oyadomari

Mestrado Profissional em Controladoria Empresarial


Alunos:
Andrea Bozzo
Mariana B. Nascimento
Magno Diogenes
Roberta A. Bittencourt
Agenda
1. Introdução

2./3. Definindo e Classificando Sistemas de Mensuramento Contemporâneos de Desempenho

4. Métodos

5. Constatações: 5.1 Consequências para o comportamento das pessoas

5.2 Consequências para as capacidades organizacionais

5.3 Consequências para o desempenho

5.4 Resumo do Estudo de Teorias sobre os efeitos do CPM

5.5 Exemplos de Mercado

6. Discussão e Conclusão
Separação do Artigo
Módulo I – Mariana Nascimento

1. Introdução; 2. Definindo; e 3. Classificando Sistemas de Mensuramento Contemporâneos de


Desempenho ; 4. Métodos

Módulo II – Magno Diogenes

5. Constatações; 5.1 Consequências para o comportamento das pessoas

Módulo III – Andrea Bozzo

5.2 Consequências para as capacidades organizacionais; 5.3 Consequências para o desempenho

Módulo IV – Roberta A. Bittencourt

5.4 Resumo do Estudo de Teorias sobre os efeitos do CPM; 6. Discussão e Conclusão


Módulo 1 – Mariana B. Nascimento
1. Introdução

1.1 - Sistemas de medição de desempenho

2 e 3 Definindo e Classificando os Sistemas de Mensuramento Contemporâneos de Desempenho

2 – Sistemas CPM

3 – Três versões diferentes do Balanced Scorecards

4 Método

4.1 -Escopo do estudo e seleção de literatura relevante

4.2 - Marco conceitual e classificação das conseqüências


1. Introdução

1.1 - Sistemas de medição de desempenho

Inserir texto ou tabela


2. Definindo os Sistemas de Mensuramento Contemporâneos de Desempenho

2.1 – Sistemas CPM

Inserir texto ou tabela


3. Classificando os Sistemas de Mensuramento Contemporâneos de Desempenho

3.1 – Três versões diferentes do Balanced Scorecards:


BSC I

É um scorecard que contém medidas de desempenho estratégico financeiros e não-


financeiros agrupadas em perspectivas.

BSC II

É um tipo de scorecard que emprega uma abordagem específica para descrever a estratégia
da organização através de um seqüencial de causa e efeito lógica de vincular os ativos
tangíveis e intangíveis.

BSC III

É um tipo scorecard II com um recurso adicional que faz com pagamento de incentivos
dependente dos resultados das medidas tabela de indicadores de desempenho.
4. Método

4.1 -Escopo do estudo e seleção de literatura relevante

Inserir texto ou tabela

4.2 - Marco conceitual e classificação das conseqüências

Inserir texto ou tabela


4. Método

4.1 -Escopo do estudo e seleção de literatura relevante

Inserir texto ou tabela


4. Método

4.2 - Marco conceitual e classificação das conseqüências

Contexto Interno ou Externo (Mudar a tabela a seguir para Português)


4. Método

4.2 - Marco conceitual e classificação das conseqüências


Inserir texto ou tabela
Módulo 2 – Magno Diogenes
5. Constatações

5.1 Consequências para o comportamento das pessoas

5.1.1 O enfoque estratégico

5.1.2 Cooperação, coordenação e participação

5.1.3 Motivação

5.1.4 Comportamentos de cidadania

5.1.5 Compreender o papel e a satisfação no trabalho

5.1.6 A tomada de decisão, aprendizagem e auto-monitorização


Módulo 2 – Magno Diogenes

5.1.7 Liderança e cultura

5.1.8 Satisfação

5.1.9 Percepções de subjetividade, justiça e confiança

5.1.10 preconceitos

5.1.11 Os conflitos e tensões


5. Constatações

Inserir texto ou tabela


5.1 Consequências para o comportamento das pessoas

5.1 -

Inserir texto ou tabela

5.2 -

Inserir texto ou tabela


5.1 Consequências para o comportamento das pessoas
5.1 Consequências para o comportamento das pessoas
5.1 Consequências para o comportamento das pessoas
5.1 Consequências para o comportamento das pessoas
Módulo 3 – Andrea Bozzo
5.2. Consequências para as capacidades organizacionais

5.2.1 Processos de estratégia: alinhamento, desenvolvimento, implementação e revisão

5.2.3 Comunicação

5.2.4 Capacidades estratégicas

5.2.5 As práticas de gestão

5.2.6 Controle corporativo


Módulo 3 – Andrea Bozzo
5.3 Consequências para o desempenho

5.3.1 Desempenho da unidade organizacional e de negócios

5.3.2 O desempenho da equipe

5.3.3 O desempenho gerencial

5.3.4 Desempenho entre as empresas


5.2 Consequências para as capacidades organizacionais

5.2.1 -

Inserir texto ou tabela

5.2.2 -

Inserir texto ou tabela


5.2 Consequências para as capacidades organizacionais
5.2 Consequências para as capacidades organizacionais
5.3 Consequências para o desempenho

5.3.1 -

Inserir texto ou tabela


5.3 Consequências para o desempenho
5.3 Consequências para o desempenho
5.3 Consequências para o desempenho
Módulo 4 – Roberta A. Bittencourt
6. Resumo dos Estudos Selecionados

7. Exemplos de Mercado

7.1 – Teoria da Agência

7.2 – Teoria da Contingência

7.3 – Visão baseada em recursos da empresa

7.4 – As teorias cognitivas e de processamento de informações

7.5 – Teoria de definição de metas

7.6 – Equidade, distributivas e de justiça processual teorias

8. Discussão e Conclusão
6. Resumo dos Estudos Selecionados
7. Exemplos de Mercado

7.1 –Teoria da Agência

Inserir texto ou tabela


7. Exemplos de Mercado

7.2 –Teoria da Contingência

Inserir texto ou tabela


7. Exemplos de Mercado

7.3 –Visão baseada em recursos da empresa

Inserir texto ou tabela


7. Exemplos de Mercado

7.4 –As teorias cognitivas e de processamento de informações

Inserir texto ou tabela


7. Exemplos de Mercado

7.5 –Teoria de definição de metas

Inserir texto ou tabela


7. Exemplos de Mercado

7.6 – Equidade, distributivas e de justiça processual teorias

Inserir texto ou tabela


8. Discussão e Conclusão

8.1 -

Inserir texto ou tabela


Muito Obrigado!
GRUPO 5 – Sistemas Contemporânios de Mensuração de Performance
“Contemporary Performance Measurement Systems”

E-mails para contato:


Andrea Bozzo - andrea.bozzo@uol.com.br
Mariana B. Nascimento - mariana.bnascimento@gmail.com
Magno Diogenes - magno.diogenes@wal-mart.com
Roberta A. Bittencourt - roberta.a.bittencourt@rrd.com