Você está na página 1de 17

O SIGNIFICADO CLÁSSICO E

MODERNO DE POLÍTICA
Norberto Bobbio
A TIPOLOGIA CLÁSSICA DAS FORMAS DE PODER

Na tradição clássica,


sobretudo em Aristóteles,
eram consideradas três
formas principais de
poder: poder paterno,
poder despótico e poder
político.
O PODER POLÍTICO

 A possibilidade de recorrer à
força é o elemento que
distingue o poder político das
outras formas de poder.
 O uso da força é uma
condição necessária, mas não
suficiente para a existência do
poder político.
A RENÚNCIA AO DIREITO DE USAR A FORÇA

 Para Hobbes, a passagem do estado


natural ao estado civil, do estado
apolítico ao estado político,
acontece quando os indivíduos
renunciam ao direito de usar a
própria força que os torna iguais no
estado de natureza para colocá-lo
nas mãos de uma única pessoa ou
corpo que será o único autorizado a
usar a força.
O MONOPÓLIO DA COERÇÃO FÍSICA

 Weber define o Estado como


uma empresa em que o
aparelho administrativo é
fundamental para monopolizar
a coerção física legítima.
 Esta definição tornou-se um
lugar quase comum da
ciência política
contemporânea.
A FORÇA FÍSICA LEGÍTIMA

G. A. Almond e G. B.
Powell escrevem estarem
“de acordo com Max
Weber no fato de que a
força física legítima é o fio
condutor da ação do
sistema político”.
O PODER POLÍTICO

 Existem algumas
características que são
atribuídas ao poder político e
que o diferencia das outras
formas de poder: a
exclusividade, a
universalidade e a
inclusividade.
EXCLUSIVIDADE

Por exclusividade se
entende a tendência
em não permitir a
formação de grupos
armados
independentes.
UNIVERSALIDADE

Por universalidade se
entende a ideia de que só
os detentores do poder
político possuem a
capacidade de tomar
decisões apropriadas e
efetivas para toda a
comunidade.
INCLUSIVIDADE

Por inclusividade se
entende a possibilidade
de intervir
imperativamente em toda
a possível esfera de ação
dos membros do grupo.
O FIM DA POLÍTICA

 Não há fins de Política estabelecidos


para durarem para sempre, nem tão
pouco um fim que englobe todos os
outros e que possa ser considerado o
fim da Política.
 Os fins da Política são tantos quantas
as metas que um grupo organizado
se propõe, segundo os tempos e as
circunstâncias.
O FIM MÍNIMO DA POLÍTICA

O fim mínimo da Política é


a ordem pública em suas
relações internas e a
defesa da integridade
nacional nas relações
com outros Estados.
O FIM MÍNIMO DA POLÍTICA

Só o recurso à força


(monopólio da força para
atingir o fim, que é a
ordem) impede a
desagregação do grupo e
o retorno ao estado
natural.
A POLÍTICA COMO RELAÇÃO AMIGO-INIMIGO

 Entre as definições de Política


mais conhecidas está a de
Carl Schmitt, retomada e
aperfeiçoada por Julien
Freund: a esfera da Política
coincide com a esfera da
relação amigo/inimigo.
POLÍTICA E MORAL

A política e a moral têm


em comum o domínio da
ação ou da praxe
humana. Mas distinguem-
se entre si pelos critérios
de justificação e de
avaliação das ações.
POLÍTICA E MORAL

Enquanto o critério de
avaliação moral se apoia
no respeito a uma norma
cujo resultado da ação
não importa, o critério de
avaliação de uma ação
política é pura e
simplesmente o resultado.
POLÍTICA E MORAL

 O universo da moral e o da política


se movem no âmbito de dois
sistemas éticos diversos e até
contrários.
 Ou seja, o que conta para o primeiro
é a pureza das intenções e a
coerência da intenção até à ação;
para o segundo conta a certeza e o
resultado.

Você também pode gostar