Você está na página 1de 34

Mecânica dos Fluidos

PROF. RICARDO CASTRO


Hidroestática

 Estuda as características dos fluidos em repouso, estabelecendo relações


com a pressão exercida sobre corpos imersos em fluidos.

 Sistemas em equilíbrio estático.

 Sem diferença de cargas hidráulicas entre pontos equipotenciais.


Hidroestática

 Observações de Bernoulli
 A carga total em qualquer ponto de uma linha de fluxo é constante.
 Cargas como alturas de colunas d’água.

Carga Total = Carga Altimétrica + Carga Piezométrica + Carga Cinética

 Onde, as baixas velocidades do fluxodominam, podemos dizer que:

Carga Cinética ≈ 0
Hidroestática

 Carga Altimétrica

 Diferença entre a cota considerada e uma cota definida como referência.

 Carga Piezométrica

 Pressão neutra em um ponto.


 Altura da coluna d’água.
Hidroestática

 Fluxos ocorrem quando existe diferença de carga total, fluindo do ponto de


maior carga para o de menor carga.

 A diferença de cargas totais é a carga usada para o cálculo do


gradiente hidráulico (i), que pela Lei de Darcy indica a vazão. Q=K.A.i
Hidroestática

 Pressão

P=F/A
a

 Dado pelo SI em N/m² ( Pa)


b c

Pa < Pb = Pc
O Paradoxo Hidrostático

 O paradoxo hidrostático é o fato da pressão e da força não depender da


quantidade de líquido nem da forma do recipiente adotado.
Lei de Stevin

 Sabemos que:  Logo:

P=F/A P=ρ.h.G

F = m. G Sendo:
G ~ 9,8 m/s²
ρ = m / vol ρ ~ cte para um determinado
líquido incompressível
Lei de Stevin

 Para um sistema em condições naturais, podemos observar a presença de uma


pressão constante numa dada localidade, chamada pressão atmosférica.

Pabs = Pmano + Patm

 Patm equivale à aproximadamente 1 atm ao nível do mar.

 Igual à 10e5 N/m², 760mmHg ou 10mca.


Lei de Stevin

 Nos gases, como o peso específico é pequeno, se a diferença de cota entre dois pontos
não é muito grande, pode-se desprezar a diferença de pressão entre eles:
Experimento de Torricelli

 Utilizado pela primeira vez para estimar o valor da Patm.

 Sobre o Hg

 Força adesiva vs Coesiva


 Densidade
 Pressão de vapor
O Princípio de Pascal

 Presente em aplicações cotidianas como elevadores hidráulicos, macacos


hidráulicos, Prensas hidráulicas etc...

 Diz que:

''Todo acréscimo de pressão produzido num líquido, transmite-se integralmente por


todos os pontos do mesmo.''
O Princípio de Pascal

 Portanto:

Pa = Pb

Fa / Aa = Fb / Ab
Pa Pb
Hidrodinâmica
Hidrodinâmica

 Tipos de fluxo num líquido:

 Laminar

 Turbulento
Hidrodinâmica
Regimes de Fluxo

 O número de Reynolds:
Re < 2000
Re = ( ρ .v . D ) / μ

Aunitário!
Re > 2000
Limites variam um pouco,
não há um consenso geral.
Regime de Transição
2000 > Re > 4000
Ponderações sobre tensões superficiais

 O que é a tensão superficial?

 Mecanismos de funcionamento.

 Capilaridade.

 Forças adesivas e coesivas dos líquidos.

 https://www.youtube.com/watch?v=OmVAUHSoU-o
Tensão superficial e Capilaridade

 Peso da água na coluna capilar:

P = πr2 . hc . ϒw

 Força resultante na interface água-tubo.


hc
 Logo, surge um equilíbrio entre as forças
adesivas do líquido com as paredes do
conduto e a Força Peso gerada pela
coluna d'água.
20
Tensão superficial e Capilaridade

= atm
ΔP

hc = atm + (ϒw . hp)


N
a
= atm - (ϒw . hc)
hp

1 atm ≈ 100 KPa 18:34


21
Tensões em meniscos capilares

 A água desta forma, devido a suas propriedades relacionadas as tensões superficiais,


tende a unir partículas.

18:34
Exercícios

 1) Em escoamento livre através de furos num tanque, qual dos modelos


abaixo melhor representa o comportamento real dos fluidos
newtonianos?
Exercícios

 2) Dois sistemas hidroestáticos são pressionados com uma força de 100N


determine a diferença de Pressão Manométrica entre eles.

11 m² 7 m²
Exercícios

 3) Dada uma região captadora de águas pluviométricas, temos que um evento registrou
35mm de chuva num período de 12h. Levando em consideração que a precipitação e
a vazão escoada pela drenagem são equivalentes, determine a vazão esperada nesta
drenagem. Considere a vazão uniforme ao longo do tempo, e que exista apenas um
ponto de drenagem. A área da região de captação é de 100km².
Exercícios

 4) A fossa das Marianas é o ponto mais profundo dos oceanos. Calcule a pressão em
KPa exercida pela água neste ponto que está a aproximadamente 11km de
profundidade. Tenha que a massa específica da água é de 1,03 g/cm³. A quantas vezes
isto corresponde a pressão atmosférica? Considere 1 atm = 101325 Pa.
Exercícios

 5)
Exercícios

 6) A figura mostra, esquematicamente, uma prensa hidráulica. Os dois êmbolos tem,


respectivamente, as áreas A1 = 12cm² e A2 = 88cm². Se for aplicada uma força
de 175N no êmbolo 1, qual será a força transmitida em 2?
Escalas de Pressão

 Pressão Absoluta - Quando é medida em relação ao vácuo ou zero absoluto (é


sempre positiva). É a pressão utilizada na lei dos gases ideais .

 Uma pressão (relativa) que está acima da pressão atmosférica (Patm) é positiva sendo
medida por manômetros (Pman).

 Uma pressão (relativa) que está por baixo da pressão atmosférica (patm) é
negativa sendo medida por vacuômetros (Pvac).

 Manômetros e vacuômetros medem pressões relativas.

 1 atm = 760 mmHg = 101325 Pa = 14,7 psi = 1,033 Kgf/cm²


Equação Manométrica

 A equação relaciona para sistemas abertos ou


fechados, as pressão exercidas pelos fluidos
presentes num sistema em equilíbrio.

 Relaciona Pressões Efetivas, portanto podemos


tomas a Patm como zero.

Pa = Pb
* no mesmo nível.
Equação Manométrica

 Exemplo:
Determinar a pressão manométrica em B no sistema ao
lado, onde temos Mercúrio e água. γHg = 136000 N/m³, γh2o =
10000 N/m³. Ha = 121 cm, Hb = 43 cm e Hc = 112 cm. Sabe-se
que a pressão em A é de 100KPa.
Hb

Ha

Hc
Exercícios

 1) Qual a altura de coluna d'água necessária para se produzir a mesma pressão que
uma coluna de 3 metros de gasolina? Considere o peso específico da gasolina
como 7200 N/m³.
Exercícios

 2) Dado o sistema aberto ao lado, determine qual é o líquido D1, sabendo que o
líquido D2 tem peso específico de 12540 N/m³.
 H1 = 23 cm, H2 = 15 cm

Peso Específico Aprox.


Líquido
(N/m³)
Benzeno 8790
Gasolina 7200
Óleo Lubrificante 8800
Querozene 8200
Petróleo Bruto 8500
Exercícios

 3) O equipamento laboratorial representado pelo esquema abaixo, possui 3 líquidos


distintos, benzeno (8790 N/m³), mercúrio (136000 N/m³) e acetona (7910 N/m³).
 H1 = 92 cm, H2 = 36 cm, H3 = 57 cm e H4 = 19 cm.

 Calcule a diferença de pressão do sistema.


Exercícios

 4) Calcule a pressão no Gás (Pb) sabendo que Pa é aproximadamente 106kPa.

Altura Cm Peso Esp. N/m³


h1 79 γ1 7500
h2 8 γ2 10350
h3 61 γ3 8800
h4 46 γ4 10000
h5 21 γ5 136000
h6 22 γ6 12,5