Você está na página 1de 9

A implantação do Marxismo-

Leninismo na Rússia
A construção do modelo soviético
Da Revolução Burguesa à Revolução Socialista
• Rússia Czarista:
- no início do século XX, a Rússia era um vasto império que se estendia do leste da Europa ao
Oceano Pacífico, governada por um Czar (imperador com poder autocrático);
- Apresentava ainda um estrutura política, económica e social típica de Antigo Regime:
 Industrialização frágil, dependente de capitais estrangeiros;
 Maioria da população constituída por camponeses (c. de 75%) e apenas 2% de operários, que
viviam miseravelmente.
Condições agravadas pela participação russa na Iª Guerra Mundial:
 Inflação e carestia de alimentos (diminuição da produção agrícola e industrial)
 Elevado número de mortos
 Restrições matérias e sofrimentos morais (derrotas militares, fome e deserção de tropas)
Da Revolução Burguesa à Revolução Socialista
• As sementes da Revolução:
- Operariado sujeito a duras condições de vida e de trabalho:
reivindicações e greves frequentes;
- Situação favorável à difusão das ideias socialistas entre os operários e
também entre a pequena e média burguesia
- 1905: O Domingo Sangrento: primeira tentativa falhada de revolução,
violentamente reprimida: ensaio geral da revolução de 1917.
- O czar empenhou-se então em dar uma aparência democrática ao
regime: Criação da Duma (parlamento russo), manipulada pelo
governo.
Da Revolução Burguesa à Revolução Socialista
• Descontentamento geral:
- Burguesia desiludida com a incapacidade do czar e do seu governo
- Operários agitados por influência da propaganda socialista
- 23 de fevereiro do calendário ortodoxo – Revolução Burguesa
- grande insurreição em Sampetersburgo: o czar foi forçado a abdicar –
Governo provisório apoiado por liberais e socialistas moderados
- A Rússia passou a ter um regime liberal parlamentar
Da Revolução Burguesa à Revolução Socialista
• Formação de sovietes: “conselhos” de operários, camponeses e
soldados que intervinham ativamente na vida local.
• O mais ativo era o Soviete de Sampetersburgo (ou Petrogrado) que
fomentava a permanente contestação ao Governo Provisório.
• Neste soviete estavam os Bolcheviques, que se opunham à
democracia liberal e exigiam uma revolução mais radical.
• Os bolcheviques inspiravam-se no marxismo e defendiam a tomada
do poder pelos trabalhadores, para impor uma sociedade socialista
que abrisse caminho ao comunismo, ou seja, a uma sociedade sem
classes.
Da Revolução Burguesa à Revolução Socialista
• Os principais chefes bolcheviques eram Vladimir Ilich Ulianov (Lenine) e
Trotsky, que procuravam adaptar à realidade russa as propostas teóricas de
Karl Marx: marxismo-leninismo (a base ideológica da revolução):
nacionalização e coletivização da economia russa e instauração de uma
ditadura do proletariado.
• Lenine acusava o Governo Provisório da desastrosa situação a que a guerra
tinha conduzido a Rússia, exigindo a retirada imediata da guerra e a
revolução socialista.
• O Governo Provisório, liderado por Kerensky, foi incapaz de conter os
acontecimentos: 25 de outubro de 1917 do calendário ortodoxo (7 de
novembro do calendário ocidental) – Revolução Socialista (Bolchevique)
O triunfo dos bolcheviques e a implantação
do marxismo-leninismo
• Lenine passou a chefiar o Conselho de Comissários do Povo, o órgão
máximo da Revolução
• Principais medidas:
 retirada imediata da Rússia da Iª Guerra Mundial (tratado de Brest-Litovsy)
 organização de eleições para Assembleia Constituinte (os bolcheviques
tiveram apenas cerca de 25% dos votos, sendo esta assembleia dissolvida e
o poder legislativo transferido para o Congresso dos Sovietes)
 abolição da propriedade privada de terras, fábricas, bancos e outros meios
de produção de riqueza (nacionalizados sem indemnizações)
• A Rússia tornou-se assim numa república soviética, não parlamentar, com o
objetivo de construir uma sociedade comunista
O triunfo dos bolcheviques e a implantação
do marxismo-leninismo
• A Contrarrevolução:
- Setores da burguesia e da aristocracia, apoiados por países que temiam a
propagação da revolução soviética (Inglaterra, França, Estados Unidos,
Japão), formavam o Exército Branco.
- Os revolucionários formaram o Exército Vermelho
- Iniciou-se uma violenta guerra civil que se prolongou por 2 anos
 A Revolução Socialista, ameaçada, tomou então um caráter ditatorial:
- Partidos políticos proibidos (o Partido Comunista era o partido único)
- Criação de uma polícia política altamente repressora
- Estabelecimento da censura
- Perseguição, prisão ou assassínio dos adversários do novo regime
O triunfo dos bolcheviques e a implantação
do marxismo-leninismo
• 1920 – Fim da guerra civil com vitória do exército vermelho (chefiado
por Trotsky)
• País arruinado, a fome e a miséria ameaçavam a maioria da
população