Você está na página 1de 17

z

BANCO DE
DADOSCADERNO 3
Mafalda Teixeira
z

 - Factual

 - Bibliográfico

 - Documental
z
O que é um Banco de Dados?

 Um Banco de Dados é uma estrutura organizada na qual se


pode armazenar dados, de uma forma estruturada, podendo ser
facilmente consultada a qualquer momento, por um programa,
pessoa, permitindo extrair a informação.
z
Definição de Banco de Dados

 Um Banco de Dados é projetado, construído e composto por um


conjunto de dados para um propósito específico.

 Existe um grupo de usuários ou algumas aplicações pré-


concebidas onde estes dados serão utilizados.
z

 Um Banco de Dados representa aspectos de uma parte restrita


do mundo real, denominado de mini-mundo.

 Alterações que ocorra no mini-mundo são refletidas no Banco


de Dados.
z

 Para exemplificar a utilização de um BD, imagine uma


concessionaria e a sua coleção de carros que estão a venda no
pátio. Poderia se dizer que esta empresa tem um sistema de
revendas de veículos e naturalmente seu BD vai ter os registros
de cada um deles.

 Quando um cliente entrar na loja para comprar um carro, o


vendedor consulta as informações a respeito daquele veiculo
em seu sistema. Essa consulta utiliza a interface do sistema
para acessar o BD e retornar essas informações organizadas
em forma de lista .
z

 Segundo [Date ], o sistema de banco de dados consiste em um


sistema de manutenção de informações por computador que
tem por objetivo manter as informações e disponibilizá-las aos
seus usuários quando solicitadas.
z

 De acordo com DATE (2004,p.9) existem três classes gerais de


usuários.

 1. Primeiro, a os programadores de aplicações, responsáveis


pela escrita de programas de aplicações de banco de dados em
alguma linguagem de programação.

 2. Em seguida os usuários finais, que acessão ao banco de


dados interactivamente.

 3. O administrador de Banco de Dados, ou DBA (de DATA


BASE ADMINISTRATOR).
z

 Segundo [Palmer], um banco de dados é uma coleção de


dados, organizados e integrados, que constituem uma
representação natural de dados, sem imposição de restrições
ou modificações para todas as aplicações relevantes sem
duplicação de dados.
z

 Segundo [Korth], é constituído por um conjunto de dados


associados a um programas para acesso a esses dados.

 Contém informações sobre uma empresa em particular. O


principal objetivo é proporcionar um ambiente tanto conveniente
quanto eficiente para a recuperação e armazenamento da
informações do BD.
z
SISTEMA GERENCIADOR DE BANCO DE
DADOS (SGBD).

 Definição: Sistema Gerenciador de Banco de Dados é uma


coleção de programas que permitem aos usuários definirem,
construírem e manipularem uma base de dados para o uso das
diversas aplicações.

 Microsoft; Oracle; SQL…IBM


z
Profissionais e atividades de um SGBD

 Administradores de BD : responsáveis pelo controle ao acesso


aos dados e pela coordenação da utilização do BD;

 Projetistas de BD: são analistas que identificam os dados a


serem armazenados e a forma como estes serão
representados.

 Analistas de sistemas e Programadores de Desenvolvimento:


criam sistemas que acessam os dados da forma necessária ao
usuário final
z

 Usuários Finais: existem profissionais que precisam ter acesso


à base de dados para consultar, modificar e gerar relatórios.
z
Problemas das Bases de Dados

 Redundância e inconsistência de dados. Arquivos com formatos diferentes,


diferentes linguagens de programação, elementos de informação duplicados em
diversos arquivos;

 Dificuldade no acesso aos dados. Dados recuperados de forma inconveniente e


ineficiente;

 Isolamento de dados.

 Anomalias de acesso concorrente. dados acedidos por diferentes programas


aplicativos à supervisão difícil;

 Problemas de segurança. Difícil definição de visibilidade para usuários;

 Problemas de integridade. Restrição de integridade nos valores dos atributos.


z
Estudo aponta falhas graves de segurança
ao WhatsApp
Investigadores tiveram acesso a dados de 45 mil utilizadores de grupos públicos da aplicação
2018-04-04 18:39 / AA

WhatsApp. [Foto: Thomas White/REUTERS]


z

 Um grupo de investigadores da Suíça e do Reino Unido provou


que o WhatsApp é mais inseguro do que se imagina, uma vez
que é possível aceder às mensagens trocadas entre um grupo
na aplicação, bem como às informações que estão subjacentes
a cada utilizador, de uma forma bem simples.

 Ao longo do estudo, é explicado como os investigadores


conseguiram dados de quase meio milhão de mensagens
trocadas entre 45.794 de utilizadores do WhatsApp, em 178
grupos públicos, durante seis meses. Dados esses que incluem
números de telemóvel, imagens, vídeos, links e todo o tipo de
informação partilhada pelos utilizadores.
z