Você está na página 1de 11

UNILÚRIO

FACULDADE DE ARQUITECTURA E PLANEAMENTO FÍSICO

dOSCENTES: ALDEVINA BRITO,Arq e plan. fisico

dISCENTE: JAQUISSONE LIMA isequiel alcolete,Arq e plan. fisico

Terminal rodoviÁrio
INTRODUÇÃO
O presente trabalho constitui o Projecto de uma terminar rodoviario de tranporte de passageiro e de
cargas ,concernente a cadeira de Laboratório de Arquitectura VIII. Este edifício tem como espaço
de Implantação o Terreno da Actual IIAM(Instituto de investigacao agrario de Mocambique),
Situada no Bairro de Muahivire - Expansao, Cidade de Nampula,concretamente no lote que foi
definido para se implanter uma terminar rodoviario”classe T1”.

METODOLOGIA
- Levantamento da Situação actual da área de Intervenção (Redes, Saneamento, Vegetação,
Solos, - Topografia, Orientaão, Ventilação, Integração Urbana)
- Definição do Programa Espacial;
- Definição de premissas projectuais;
- Pesquisa de Referencias projectuais e Soluções Projectuais;
-Pesquisa de Soluções Tecnológicas para o Projecto e elaboração do mesmo.

OBJECTIVOS
-Desenvolvimento de uma solução espacial técnico-construtiva implantável no terreno da actual
IIAM;
- Criação de um projecto multi-funcional para a população da cidade da area em estudo,
doptado de condiçoes fisicas, funcionais, sustentáveis para o povo alvo.
- Elaborar um projecto de uma Terminal Rodoviária para descongestionar a Av. FPLM
concretamente o mercado do naloko.
LOCALIZAÇÃO DA ÁREA DE INTERVENÇÃO
A área de intervenção localiza-se em Moçambique,na província de Nampula,
Cidade de Nampula, bairro de Muahivire- Expansao. O espaço territorial
referido (área de intervenção) funciona actualmente como IIAM(Instituto de
Investigacao Agraria de Mocambique), onde são feitos ensaios de cultivo de
produtos alimencticios,que depois sao dadas ajuda alimentar as populações.

SITUAÇÃO ACTUAL
Segundo a Lei de Terras, a área de intervenção pertence legalmente ao município de Nampula.
Portanto, o município tem o direito de implementar qualquer plano de urbanização para essa área.
Neste caso, proponho a implantação de uma terminal rodoviária inter distrital que vai em
concordância com o plano do município, visto que, segundo o plano, está reservada uma área
especificamente para a implementação um projecto de uma terminal rodoviária,para atender as
necessidades das populacoes da area em estudo e aredores.
CONCEITO
Trago o conceito de coração humano por conta de ser um orgão responsavel pelo
percurso do sangue atraves do nosso organismo,como sendo o coração o elemento
que bombea o sangue para toda parte do nosso corpo, pretendo que a minha
terminal seja o ponto de partida dos auto carros para as regioes de Angoche,Moma
e Larte para o qual a terminal esta enclinada.

PREMISSAS E INTENçõES PROJECTUAIS


· SEGURANCA: pretendo trazer para a minha terminal rodoviario uso de cameras de seguranca em
todos os pontos estrategicos e mortos do estabelecimento,CCTV,detentores de fogo e extintores de
incendio,Guarita e cancela.
· VENTILACAO E ILUMINACAO: pretendo criar espacos interiores com ventilacao cruzada,pretendo
tambem trazer arvores de sombra que ajudam a resfriar o ar que entra no edifico e espacos coberto e
abertos.
· FLEXIBILIDADE: Pretendo criar para o edificio espacos abertos para que haja flexiblidade em termos
de acomodacao das pessoas e utentes da terminal,o edificio deve permitir ampliacoes e ate novas
disposicoes espaciais em termos de funcoes,retendo tambem criarespacos para taxis e chapas.
· SUSTENTABILIDADE : Pretendo aproveitar os recursos naturais para poder suportar o edificio falo de
captacao de energia solar e da agua das chuvas,pretendo tambem que o edificio tenha a
caacidade de celecao de residous solidos para a posterior
Reciclagem.
NUMERO DE PASSAGEIROS NA TERMINAL
Segundo dados obtidos na ASTRA- Associacao dos Transportadores de Nampula (2013), as terminais
interdistritais da cidade de Nampula, juntamente com os terminais urbanos de transporte de
passageiros receberam em média, nos últimos anos, 548.653 passageiros/ano. O ano de maior
destaque foi 2011 no qual, em relação a 2008, foi registada uma alta de 13% no número de
embarques, com 658.435 passageiros que embarcaram. Porém, em 2012 este número diminuiu para
606.016 (8% inferior).
Para os desembarques, em média 19,2% menor que o número de embarques, tem-se mantido um
movimento com pequenas oscilações nos últimos anos. Após leve queda em 2009, no ano de 2010 foi
registada a maior quantidade de desembarques do período (582.805 passageiros),
sem alterações significativas até o último ano.
Portanto, essas descidas deve-se a saída dos autocarros da estrada, muita das vezes devido as
avarias dos mesmos.
O dimensionamento do edifício terá como início, o cálculo das áreas necessárias aos diversos
processadores. Depois serão feitas as disposições dessas áreas juntamente com os demais ambientes
componentes da terminal.
O dimensionamento é feito com base nos dados fornecidos através do movimento anual de
passageiros estimados na hora do pico. Essa estimativa e outras decorrentes dela são apresentadas a
seguir.
Segundo os dados do movimento anual de passageiros, determina-se que a capacidade requerida
na terminal é de 700.000 passageiros/ano. Factor de Conversão Utilizado: 0,05% (para movimentos
anuais entre 1 e 10 milhões).
NUMERO DE PASSAGEIROS NA TERMINAL Cont.
Logo, o número estimado de passageiros na hora-pico (N) é 350. Capacidade de ocupantes
(A) de um Autocarro é de 65 lugares, Autocarro Médio é 29 lugares e Autocarro Mini 15 lugares.

Implantação
terminal
OFICINA
RESTAURANTE
RESIDENCIAL
OBRIGADO.