Você está na página 1de 20

LIDERANÇA E

MOTIVAÇÃO

Alison, Antônio, Fernanda, Thiarles,


Itamar, Mauri
Liderança
É o ato de comandar, orientar e
incentivar um grupo de pessoas
visando o atingimento de uma meta ou
um objetivo comum.

2
Liderança Motivadora
Os líderes servem de espelho e motivação na mesma medida
em que se tornam símbolo de sucesso. Sendo assim, têm a
responsabilidade de formar novos líderes em suas equipes,
para que o relacionamento entre a organização e seus
colaboradores seja fortalecido cada vez mais.
Cada indivíduo possui um fator que o motiva, sendo que
esse impulso interior pode ser completamente diferente de
pessoa para pessoa. Por isso, um bom líder deve entender
cada um dos colaboradores e conduzir o trabalho de
motivação de forma individual.

3
A liderança nem sempre é nata,
ela pode ser desenvolvida
durante o desenvolvimento do
ser humano se este for
estimulado orientado e se tiver
exemplos que se tranforme em
cultura individual.
Tipos de liderança :

Autocrata
Democrata
Liberal
Situacional
Coaching
Características de cada perfil de líder
AUTOCRÁTICA:
• Apenas o líder fixa as diretrizes, sem qualquer participação do grupo;
• O líder é Dominador e é "pessoal" nos elogios e nas críticas ao trabalho de
cada membro e com isso, é temido pelo grupo que só trabalha quando ele se
encontra presente. Por isso, é mais conhecido como um chefe do que
propriamente um líder.
 DEMOCRÁTICA
 A liderança democrática é um dos tipos de liderança
onde possibilita que todos os liderados façam parte
das decisões importantes do grupo, aceitando ideias,
sugestões e críticas visando construir um
aperfeiçoamento das atividades e da organização
como um todo. Na liderança democrática, o líder
encoraja a participação de todos, preocupando-se
igualmente com o trabalho e com o grupo como um
todo.
 LIBERAL
 Há liberdade completa para as decisões grupais ou
individuais, com participação mínima do líder;
 O líder não faz nenhuma tentativa de avaliar ou de
regular o curso dos acontecimentos;
 Como o nome sugere, costuma ser mais liberal por
deixar os colaboradores mais livres para exercerem
suas funções e tomarem suas próprias decisões. Isto
deixa os colaboradores mais motivados a trabalharem
da forma que mais for conveniente para eles.
 Situacional
 A ideia é adaptar a melhor escolha de acordo com o
tipo de situação.
 Os líderes conseguem adaptar seu comportamento
de acordo com as necessidades de seus liderados.
 Não tem padronização em determinados processos.
 Coaching
 A ideia desta liderança é estimular o
desenvolvimento de novas habilidades e aprimorar
aos poucos as capacidades e competências
identificadas de cada um, como comunicação, foco,
liderança, para potencializar seus resultados.
 Foco em desenvolver as capacidades de cada um.
Acreditar que liderança é posição,
quando na verdade é influenciar, é
um dos mitos que precisam ser
banidos do mundo corporativo.
Características gerais de um bom
líder:
 Ser visionário;
 Ter força e equilíbrio interno;
 Ótima capacidade de ouvir;
 Bom comunicador de suas próprias ideias;
 Possui entusiasmo contagiante;
 Flexibilidade de alternar táticas e estratégias;
 É capaz de influenciar sua equipe pelo exemplo;
 Inspira, cria, desenvolve, delega e orienta;
Visão

“O líder deve parar de olhar para sua


mesa, e olhar para o mundo,
percebendo as tendências e
oportunidades”
Estar preparado para todas as
ameaças
 Deve-se viver o futuro com todas as suas
possibilidades. O sucesso de hoje não garante o
sucesso de amanhã. A melhor maneira de prever o
futuro é cria-lo, e para cria-lo, o líder deve ter
informações, contar com a possiblidade de um
futuro catastrófico e com mudanças vertiginosas.
Compartilhar Estratégias
 As estratégias devem ser colocadas no papel e
compartilhadas, para que todos os colaboradores
estejam alinhados e sabendo qual é o objetivo maior
do seu trabalho na empresa.
Contagiar a todos os envolvidos
 Não basta compartilhar, o líder deve envolver e
contagiar a todos na organização. Esta estratégia
funciona como uma alavanca, que impulsiona o
sucesso das metas organizacionais.
“Nem sempre um chefe é um bom
líder”
Agradecemos pela
atenção!

Você também pode gostar