Você está na página 1de 58

O Olho Humano

Erros de refração (ametropias)

• Miopia
• Hipermetropia
• Astigmatismo
• Presbiopia (*)
– (*) alguns livros não consideram a presbiopia como
ametropia pois ela é condição decorrente do
envelhecimento do ser humano
Olho emétrope
• No olho normal a
imagem dos objetos
próximos ou distantes
forma-se sobre a
retina.
• O cristalino muda sua
forma a fim de
reproduzir uma
imagem nítida quando
os objetos estão
próximos: é o
chamado poder de
acomodação.
Miopia: como acontece
A imagem forma-se
antes da retina,
geralmente devido ao
maior comprimento do
olho ou à curvatura
mais acentuada da
córnea
O míope vê mal para
longe, mas enxerga
bem de perto pois a
sua acomodação é
forte.(cristalino)
Miopia: sintomas
Franzir os olhos para
enxergar bem de
longe ou aproximar
muito os objetos para
enxergar.
A criança que escreve
com o nariz colado no
caderno pode ser
míope.
Miopia: correção

A correção da miopia é
feita com lentes negativas
- também chamadas de
divergentes ou côncavas
Estas lentes são finas no
centro e espessas nas
bordas – a espessura da
borda será tanto maior
quanto mais forte for a
miopia e o diâmetro da
lente.
Hipermetropia: como acontece

A imagem forma-se após a


retina, geralmente devido
ao menor comprimento do
olho ou à curvatura mais
plana da córnea
O hipermétrope vê mal para
longe mas através do
esforço de acomodação ele
consegue enxergar. A
acomodação não é
suficiente para enxergar de
perto
Hipermetropia: sintomas

Fadiga ocular e dores


de cabeça, provocadas
pelo esforço de
acomodação constante
Na criança, quando a
hipermetropia é forte,
geralmente está
acompanhada de
estrabismo
Hipermetropia: correção
A correção da
hipermetropia é feita
com lentes positivas -
também chamadas de
convergentes ou
convexas

Estas lentes são


espessas no centro e
finas nas bordas – a
espessura central será
tanto maior quanto
mais forte for a
hipermetropia e o
diâmetro da lente.
Astigmatismo: como acontece
Dupla formação de
imagens na retina.
No astigmatismo, os
eixos visuais não se
formam corretamente
sobre a retina,
geralmente devido à
cornea ser mais
ovalada que redonda
O astigmata tem visão
imperfeita para longe e
perto, não tendo
percepção nítida dos
contrastes entre linhas
horizontais, verticais e
obliquas
Astigmatismo: sintomas

O astigmata confunde
símbolos próximos, como
o H, o M e o N ou ainda 8
e 0. É também comum a
dificuldade de seguir
uma linha de um texto

Combinado com miopia ou


hipermetropia, pode
provocar fadiga ocular e
dor de cabeça
Confunde as linhas de
leitura de um texto.
Astigmatismo: correção
A correção do
astigmatismo é feita
com lentes cilindricas
(ou tóricas) – possuem
3 curvas distintas,
duas delas do mesmo
lado da lente

A espessura da lente
não é igual em toda a
superfície. Esta
diferença de espessura
é tanto maior quanto
maior for o
astigmatismo
Presbiopia

• Caracteriza a falta de acomodação do


cristalino devido à seu envelhecimento.
• Ocorre à partir dos 40 anos e gera
dificuldade na visão de perto.
• Pode estar acompanhada das outras
ametropias visuais.
Presbiopia
Lentes oftálmicas
• Tipos de lentes
– Visão simples (monofocal / unifocal)
– Bifocais:
• Topo Reto (flat top)
• Balux (ultex)
• kriptok (Segmento Circular)
• Solex
• Executive
– Progressivas (multifocais)
Visão simples ou monofocais

visão simples/monofocais
• Possuem apenas um
campo visual em toda a
sua área
• Podem ser usadas para
corrigir todos os defeitos
de refração
• Disponíveis em
acabadas e semi-
acabadas (bloco)
MATERIAIS
Cr-39
Policarbonato
Minerais
Resinas de alto Indice
Indice de refração
• Finalite = 1.600
• Poly = 1.586
• É um dos fatores
determinantes para a • SOLALight = 1.670
espessura final das • SOLALight = 1.600
lentes tanto negativas • SOLALight = 1.560
quanto positivas. Quanto
maior o índice, menor • CR-39 = 1.499
será a espessura final. • Cristal = 1.530
• Lembre-se da escolha • Hi -índex=1.700
correta do tamanho do • Hi -índex= 1.800
aro.
• DPA = DP • Hi -índex=1.900
Comparativos
Comparativos
RESINA ALTO INDICE LENTES COMUNS
Comparativo
RESINAS ALTO INDICE LENTES COMUNS
Valor Abbe
• É a medida da
eficiência refrativa de
um material, ou seja,
quanto esse material
separa a luz nas cores
que a compõem
quando é atravessado
por ela, criando o
efeito de dispersão
cromática
Valor Abbe
EXEMPLOS VALOR ÍNDICE DE
DE LENTES ABBE REFRAÇÃO
Cr 39 58 n= 1.499

Sola Light 41 n= 1.600


Sola Light 32 n= 1.670
Spectralite 47 n= 1.537
Policarbonato 29.5 n= 1.586
Cristal 59 n= 1.530
Trivex 43 n= 1.530
H. Lite 1.7 (Tital) 39.3 n= 1.700
H. Lite 1.8 ( Lantal ) 35.4 n= 1.800
H. Lite 1.9 ( Lantal) 30.3 n= 1.900
Cristal 1.6 42.8 n= 1.600
Fotossensível 57 n= 1.502
Sun sensors 38 n = 1.560
Radiação Ultravioleta

Camada de
ozonio
UV-C

UV-B
Cristallino

UV-A
Cornea
Proteção UV

• Consideram-se duas
• Característica importante faixas de radiação
dos materiais para lentes UV:
oftálmicas pois a radiação
– UVB – 290/315nm
UV (ultravioleta) pode
provocar ou ajudar no – UVA – 315/380nm
surgimento de doenças – uvc- é filtrada
graves no olho, como
catarata e câncer de
pálpebra
Bifocais: tipos de desenho

Topo reto/Flat Top


• Usado principalmente em
miopias
• Recomendação:
– Para usuários miopes;
– Quando a adição for maior
que a dioptria de longe.
– Salto de imagem=7mm
Bifocais: tipos de desenho

Balux/Ultex
• Usado principalmente em
hipermétropias
• Recomendação:
– Para usuários
hipermetropes;
– Quando a dioptria de longe
for maior que a adição.
– Salto de imagem= 22mm
Bifocais: tipos de desenho

E-Line / Executive
• Usado principalmente
na correção de
estrabismo em crianças
e adultos, ou para
hipermétropes
• Recomendação:
– Para usuários
hipermetropes;
– Salto de
imagem=0mm
Bifocais: tipos de desenho

Seg. Circular / Kriptok


Solex / Seg. Invisível • Usado para miopias ou
hipermetropias quando
a potência da lente não
é muito forte

– Salto de
imagem=14mm
Progressivas
• Usadas na correção da presbiopia
• Caracterizam-se por terem um campo
visual progressivo entre a visão para
longe e para perto, possibilitando visão
intermediária
• Disponíveis com vários tipos de desenho
• Lap (lente de adição progressiva)
Progressivas

Progressivas
• As diferenças de
desenho à serem
observadas entre as
lentes progressivas,
referem-se ao tamanho e
formato aparente de cada
uma das áreas marcadas
ao lado, sabendo-se que
aumentando uma delas
as outras diminuirão.

397137-525/200
Multifocal = Lente de adição progressiva
Desenho Duro Desenho Suave

Indicado para Indicado para


Hipermétropes Míopes
Multifocal = Lente de adição progressiva
Desenho por
prescrição/Multi Design

O desenho progressivo
se mantém o mesmo em
adições altas.

Equilíbrio entre as três áreas

Reserva de acomodação
Indicado para
todos os casos
D.N.P.

DP
12mm

Altura mínima
Interpretação de receitas
• DE = dioptria esférica
• DC= dioptria cilindrica
• ()= combinado
• Prisma
• BN= base nasal
• BT= base temporal
• BI= base inferior
• BS= base superior
• Ad= adição
INTERPRETAÇÃO DE RECEITAS

Ex:
ESF. CIL EIXO PRISMA

OD: -100 -0.75 20

OE -3.00 -2.00 110

Ad: 2.75
INTERPRETAÇÃO DE RECEITAS
EX:

OD: +2.00de () -1.00dc x 120


OE: +1.00de () -0.75dc x 50
Cálculos de Adição
Adição é um valor positivo que é acrescentado à dioptria de
longe, transformando-a em dioptria de perto.

Fórmula = ( Perto)-( Longe)


Ou basta contar o intervalo entre a dioptria esférica de
longe até a esférica de perto utilizando a escala dióptrica.

Cálculos para a Dioptria de Perto


Soma algébrica entre dioptria de longe e adição,
respeitando a regra de sinais e mantendo o valor da dioptria
cilíndrica.
Fórmula = (Longe)+(Adição)
Cálculos de Transposição
Utilizado para transformar o valor de cilíndrico
positivo em valores negativos, tornando possível a
interpretação correta da receita.

Ex -2,00 ()+5,00 x 50 Não é possível dizer que


este cliente é míope. Será necessário transpor.
Após o cálculo o resultado será:

+3,00 () – 5,00 x 140 ou seja, o cliente é


hipermétrope.
Etapas da transposição

1. Soma algébrica entre dioptria esférica e cilíndrica,


obtendo um novo valor de dioptria esférica.

2. Inverter o sinal positivo da dioptria cilíndrica.

3. Inverter o eixo em 90 graus, ou seja somar 90 em


eixos menores que ele ou subtrair 90 em eixos
maiores que ele.
A.R. – Benefícios

• Aumenta a transmissão de luz, melhorando a


visibilidade
– Especialmente benéfico em situações com
baixa luminosidade, como à noite;
– Indicado também para situações de trabalho
com emissores de luz, por exemplo monitores
de computador
As lentes são lavadas em máquinas de limpeza
Inicialmente, todas as lentes têm sua superfície automáticas.
analisada.
Além da limpeza da sala, as "máquinas de fluxo
laminar"
são fundamentais para o processo, pois mantêm o
ar
constantemente
Após a lavagem, as lentes passam pela
máquina de
secagem por ar quente e em seguida são
colocadas em
estufas, para se fazer uma limpeza molecular
de sua superfície.
As lentes são colocadas em anéis de acordo
com sua dimensão e posteriormente numa
campana (calota).

Em seguida, as lentes são colocadas


dentro da máquina
evaporadora, para receber as camadas
de diferentes
materiais.
Após uma hora, um dos lados das
lentes
está pronto. Então elas são retiradas,
viradas e colocadas novamente na
câmara
para aplicação do coating no outro
lado.
AR Camadas
A.R. - Benefícios

• Diminui os reflexos em torno de focos luminosos


fortes, como faróis de carro e iluminação pública
– Ideal para direção noturna, especialmente para
motoristas míopes, mais sensíveis aos reflexos
luminosos
– Diminui o stress visual em longos períodos de
uso
• Aumenta a durabilidade das lentes devido à
camada resistente à abrasão.
Semi-Progressivo

• Possui apenas campo intermediário e perto,


sem corredor progressivo.
• Ideal para atividades em ambientes fechados.
• Foco de perto 35cm e intermediário até 3
metros.
• Prescrição por dioptria de perto.( -2.00 de à
+4.00 de / até -4.00 dc )
Semi-Progressivo

A S S
AC 75
Lentes Lentes
Visão Simples Semi-Progressivas
Medidas para montagem

• Como medir a DNP e Altura de


Montagem corretamente?
– Para a DNP, utilizar preferencialmente um
pupilômetro digital;
– A Altura de Montagem deve ser tomada
marcando a posição pupilar do cliente na
própria lente de demonstração da armação
– Dica: altura vertical do aro, dividido ao meio,
acrescentar 3mm.
– Fórmula: (aro vertical / 2 )+ 3mm
Medidas em armações
Ponte 14 à 16mm Infantil
18 à 22mm Adulto
Diagonal maior do aro

Aro horizontal 34 à 54mm


Infantil / Adulto Altura do aro
Cálculo p/ tamanho da lente: ( ponte + aro - dp) + diagonal maior do aro
Cálculo para a venda Técnica: DP = DP
Armação
larga
0,9mm