Você está na página 1de 20

CUIABA E O GRANDE

TEMPLO
• O município de Cuiabá está localizado as margens do rio de mesmo nome
que separa a capital do município de Várzea Grande, está a 15º35’45” ao sul
e 56º05’49” a oeste, ocupa uma área de 3.538,167 Km2 e de acordo com o
IBGE (2011), possui 556.299 habitantes. Com clima Tropical quente e sub-úmido
a temperatura média anual é de 24º C a 43º C.
• A cidade é conhecida por ser o Centro Geodésico da América do Sul e
também por ser corredor de passagem para outras localidades como
Pantanal, Poconé, Chapada do Guimarães, Nobres etc.
• Cuiabá é famosa pelo seu calor intenso, apesar da temperatura no outono e
inverno poder baixar esporadicamente para 10°C, causadas pelas frentes frias
que vem do sul, e que pode durar apenas um dia ou até uma semana, e logo
em seguida voltar o calor habitual.
• A economia de Cuiabá, hoje, está centralizada no comercio e na indústria. No
comercio, a representatividade é varejista, constituída por casas de gêneros
alimentícios, vestuário, eletrodomésticos, de objetos e artigos diversos. O setor
industrial é representado, basicamente, pela agroindústria. Muitas indústrias,
principalmente aquelas que devem ser mantidas longe das áreas populosas,
estão instaladas no distrito de Cuiabá (DIICC), criado em 1978. Na agricultura,
cultivam-se lavouras de substância e hortifrutigranjeiros. (QUEIROZ MARTINS,
2010).
CEM ANOS DAS ASSEMBLÉIAS DE
DEUS NO BRASIL
• As informações a seguir foram retiradas na integra da Revista Grande
Templo – 15 anos de José San Martin Neto, 2011.
• Os 100 anos da Igreja Evangélica Assembléia de Deus foram precedido por
eventos designados desde épocas remotas. O Movimento pentecostal é
conseqüência da estratégia de cristo que, após ascender ao céu, enviou á
igreja o Espírito santo.
• A manifestação e operação do Espírito Santo durante os tempos
apostólicos impulsionaram os cristãos a proclamar com diligencia e ardor, a
mensagem do Evangelho a todos os povos.
• Pode-se dizer que tudo começou no dia 10 de março de 1557 na Ilha de
Villegagnon (Interior da Baia de Guanabara - Rio de Janeiro) quando foi
realizado o primeiro culto evangélico em solo brasileiro. No ano de 1810 a Igreja
Angelicana começou a celebrar cultos de adoração a Deus, sendo imitada por
várias outras igrejas evangélicas.
• A partir de 1820 começou a haver um grande movimento espiritual em diversas
partes dos Estados Unidos da América, o que levou muitos pastores, teólogos e
cristãos de um modo geral a buscar e experimentar o poder do Espírito Santo.
Despertado por essa nova experiência, Gunnar Vingren emigrou da Suécia para
cidade de Chicago onde passou pela experiência do revestimento com o
Espírito santo. Tendo reencontrado Daniel Berg, seu amigo de infância, sentiram
a chamada de Deus para o estado do Pará no Brasil. Após muitas provas e
confirmações, embarcaram em Frigida, Nova Iorque, no dia 05 de novembro de
1910 em direção ao Brasil, aportando na cidade de Belém no dia 19 de
novembro do mesmo ano.
• Incompreendidos e expulsos da Igreja Batista por causa da mensagem pentecostal
os missionários fundaram no dia 18 de junho de 1911 a “Igreja Missão da Fé”
juntamente com mais 17 pessoas. Neste mesmo ano a irmã Celina de Alburquerque
se tornou a primeira crente batizada com o Espírito Santo no Brasil. Muitos milagres
eram contemplados pelos crentes e incrédulos, e assim a obra de Deus se
expandia.
• No ano de 1918 Gunnar Vingren e Daniel Berg sob orientação divina adotaram um
novo nome para o movimento, que passou a se chamar “Igreja Evangélica
Assembléia de Deus”. O trabalho rapidamente se expandiu e logo em todos os
estados a mensagem do Evangelho era anunciada com diligencia, havendo
muitas conversões, curas, libertações e milagres.
• As lutas e perseguições sofridas por estes pioneiros foram árduas, porém a
expansão da obra e a salvação das almas os animavam em prosseguir.
IGREJA ASSEMBLÉIA DE DEUS EM
MATO GROSSO
• Desde o princípio do Movimento Pentecostal no Brasil, as principais
preocupações daqueles que anunciavam as boas novas era alcançar
todas as regiões, campos e cidades, a fim de tornar ao máximo conhecido
o nome de Jesus Cristo.
• O início dessa obra em Mato Grosso exigiu abnegação, disposição e até
sacrifícios físicos por parte daqueles que se dispôs em anunciar o Evangelho
a esse Estado. No ano de 1944, o pastor Juvenal Roque de Andrade e sua
esposa chegaram à cidade de Cuiabá, provavelmente do Pará, após uma
viagem de três meses. O seu trabalho foi agregar aos poucos crentes
daquela época e organizar juridicamente a Igreja Assembléia de Deus.
• Isso ocorreu no dia 7 de maio de 1944. A sede própria estava situada na Rua
Comandante Costa, nº 48, atual 1728. No registro da Ata da fundação consta a
organização da primeira diretoria da Igreja, composta pelo pastor Juvenal
Roque de Andrade, presidente, Eduardo Pablo Joerk, secretário e Paulo
Fernandes Brentha, tesoureiro. Nesse mesmo ano foi efetuado um batismo em
águas de oito pessoas.
• Depois do pastor Juvenal seguiram na direção da Assembléia de Deus em
Cuiabá os pastores Joaquim Honório Fortes, Delfim Brunelli e Oscar Castelo.
• No ano de 1974, durante a Escola Bíblica de Obreiros na sede de São Paulo,
liderada pelo pastor Cícero Canuto de Lima, ficou decidida uma permuta de
obreiros, indo o pastor Eduardo para Votuporanga/SP e indo para Cuiabá o
pastor Sebastião Rodrigues de Souza.
• Com apenas 16 meses de trabalho do pastor Sebastião Rodrigues, construiu-se
um novo templo sede, medindo 16x45, com capacidade para abrigar 2.500
pessoas. Inaugurado no dia 26 de junho de 1976. A partir de então todos os
templos foram ampliados e remodelados de acordo com um novo estilo
arquitetônico. Em cada bairro que surgia, um novo templo da Assembléia de
Deus era erguido.
• No ano de 1985 uma grande vitória confirmou a aprovação de Deus ao
projeto. Foi da doação de uma área de 30.100 m² no Centro Político
Administrativo, por intermédio do então governador do Estado, Sr. Júlio
Campos, destinada à construção do Grande Templo.
• Foram 11 anos de construção, nos quais, dia após dia, apesar de muitas
dificuldades, a obra não parou um único sequer dia por falta de recursos.
Quando estes se tornavam parcos, o Senhor reabastecia o celeiro de bênçãos,
suprindo todas as necessidades.
• No dia 7 de julho de 1996 o Grande Templo foi inaugurado e os fiéis
comemoraram com muita gratidão e louvor.
GRANDE TEMPLO
• Uma das maiores celebrações da igreja brasileira foi à inauguração do
Centro de Evangelismo das igrejas Assembléias de Deus de Cuiabá e
estado do Mato Grosso, o Grande Templo. Estiveram presentes na
inauguração pessoas eminentes, entre as quais o presidente da Convenção
Geral das Assembléias de Deus no Brasil (CGADB), pastor José Wellington
Bezerra da Costa e muitos outros renomados pastores, o então governador
de Mato Grosso Dante de Oliveira, prefeito de Cuiabá José Meireles, além
de representantes do Legislativo das mais distantes regiões do Estado e do
Brasil.
• Mais de 30 mil pessoas lotaram as dependências do Grande Templo. A
inauguração do Grande Templo na Avenida Historiador Rubens de Mendonça,
foi um grande marco na história de Cuiabá. Toda imprensa de Mato Grosso
deu ampla cobertura ao acontecimento com flashes ao vivo, de forma que o
nome de Jesus foi glorificado na presença de todos, cumprindo-se na íntegra o
lema que norteou a visão e perseverança do pastor Sebastião Rodrigues de
Souza: “Para que todos vejam, e saibam, e considerem, e juntamente
entendam que a mão do Senhor fez isso, e o Santo de Israel o criou” Isaias
41:20.
LOCALIZAÇÃO
O Grande Templo está localizado na
Avenida Historiador Rubens de
Mendonça, n°3500. Bosque da Saúde.
O Grande Templo é o maior marco da
Igreja Assembléia de Deus no Estado e
até o momento o maior templo
religioso da América Latina, em termos
de capacidade em comportar
pessoas sentadas no templo. Possui
amplo espaço, com auditórios e salas,
tem capacidade para 35 mil pessoas,
sendo 22 mil sentadas. Foi inaugurado
em julho de 1996.
• A igreja Universal está construindo a réplica do templo de Salomão com bases
nas orientações bíblicas. Com 126 metros de comprimento e 104 metros de
largura, com previsão de inauguração em 2014.
• O Templo de Salomão tem uma estrutura maior do que o Grande Templo, em
termos de altura, diâmetro e etc; Porém, tem uma capacidade menor em
comportar pessoas sentadas. Sendo que ao todo comportará 10 mil pessoas
sentadas e o Grande Templo comporta 22 mil pessoas sentadas.
HISTÓRIA DA COBERTURA
• Dado a grandiosa obra do Grande Templo, a cobertura sempre
representou um grande desafio, tanto financeiro para a igreja, como
também para a engenharia da época.
• Chegando o momento de decidir sobre o tipo de projeto a ser
executado, surgiram diversas propostas e idéias, que eram analisadas pela
diretoria da igreja ao mesmo tempo em que buscavam orientação divina,
uma forte característica do pastor Sebastião Rodrigues de Souza que nada
fazia sem antes obter orientação do senhor.
• Nesse tempo foi apresentada a proposta da empresa Metalinos, de Brasília
– um projeto de concepção moderna, belo e que se projetava dentro das
possibilidades financeiras da igreja. Discutido com exaustão, fechou-se o
negócio. No desenrolar da execução da obra muitas dificuldades
apareceram, mas enfim a cobertura ficou pronta.
• Aproximava-se a realização da XXXI Convenção Geral das Assembléias de
Deus no Brasil no ano de 1993 quando, num desses acontecimentos normais na
vida de qualquer um (por mais que se tente explicar, não se chegará a uma
conclusão satisfatória), a referida cobertura, no dia 14 de outubro, às 15 horas,
foi atingida por um forte vendaval que provocou seu total desabamento.
• Uma nova fase de negociação entre a igreja foi iniciada, a Companhia de
seguros Bamerindus e as empresas construtoras interessadas na execução da
obra. Após um trabalho bastante exaustivo concluiu-se pela Ingeriu, empresa
sediada em Curitiba - PR.
• Na segunda obra da cobertura, foram tomadas todas as providências
cabíveis, inclusive com execução de testes em túnel de vento, realizadas pela
Universidade Federal do Rio Grande do Sul através do professor Blesman. As
exigências técnicas foram rigorosamente obedecidas e, hoje, a cobertura
concluída é admirada por todos.
O EX PRESIDENTE FERNANDO HENRIQUE CARDOSO
• Por ocasião da XXI Escola Bíblica da Assembléia de Deus, na cidade de Cuiabá, de 5 a
11 de julho de 1996, aconteceu um fato inédito. O então presidente Fernando Henrique
Cardoso, que na oportunidade fazia uma peregrinação por Mato Grosso, buscava a sua
reeleição à presidência da República, adentrou ao grande Templo e assistiu ao culto.
• Na oportunidade, dois fatos inusitados aconteceram. O primeiro partindo de um irmão
simples, num gesto de apoiar, de agradar ao ilustre visitante, ao vê-lo passar bem perto
gritou ‘queima ele, Jeová’. O presidente, sem entender o sentido da palavra, olhou
carrancudo para o irmão, que se espremeu e ajeitou-se no banco ao notar vários pares
de olhos hostis o fitando. Eram os seguranças do presidente, que imaginaram tratar-se de
um possível atentado contra a vida do governante. Não sabiam que o pobre irmão
pediu ‘proteção’ para sua causa.
• Outro fato partiu do próprio presidente Fernando Henrique, que impressionado pela
beleza arquitetônica do templo, bem como pelo quilate espiritual dos crentes que
glorificavam ao Senhor disse ao pastor Sebastião: Eu vou falar igual a vocês... Aleluia!”...
Ao que o pastor Sebastião replicou “o senhor repita o que eu vou dizer: “Só o Senhor
Jesus salva. Aleluia”. E o presidente solenemente proferiu: “Só Jesus salva. Aleluia”.
O GRANDE TEMPLO EM NÚMEROS
• O Grande Templo em sua arquitetura possui cinco pisos, veja a seguir dados numéricos
e descritivos que revelam o aspecto grandioso da obra:
• 1° Piso: Três refeitórios, sendo: um para crianças, um para obreiros e outro geral, a
grande cozinha com seus equipamentos, despensa e câmara fria para dezenas de
toneladas de carne, e ainda alojamento feminino e masculino para os funcionários
que trabalham na cozinha (geralmente são voluntários).
• 2° Piso: Escola de Ensino Fundamental e Médio “Missionário Gunnar Vingren”, com
capacidade para 1000 alunos por turno, FEICS – Faculdades Evangélicas Integradas
Cantares de Salomão, com capacidade para 500 alunos por turno, biblioteca,
auditório, lanchonete.
• 3° Piso: Santuário em forma crescente através das arquibancadas, plataforma para os
obreiros, 4 tanques batismais, Livraria Cantares de Salomão, Radio Educativo
Evangélica Nazareno FM 107.9, Fundação Cantares de Salomão, Secretaria Estadual
de Missão – SEMAD, Convenção de ministros das Assembléias de Deus no Estado de
Mato Grosso – COMADEMAT, Capelania Hospitalar (responsável por fazer visitas em
hospitais), departamento de apoio á igreja, sala de oração e vigília, recepção e
setores administrativos.
• 4° Piso: Auditório para reuniões de obreiros, alojamentos e escritórios dos
departamentos da igreja.
• 5° Piso: Alojamentos masculinos e femininos.
• NÚMEROS DA OBRA:
• • O terreno mede 31.100 m²;
• • O estacionamento possui capacidade para 1.000 veículos;
• • Área construída, somando por piso totaliza 28.500 m²;
• • Área coberta do Santuário é de 8.500 m²;
• • Capacidade para 22.000 mil pessoas sentadas;
• • 130 banheiros;
• • 200 salões diversos;
MATERIAIS UTILIZADOS:
• • 144.000 sacos de cimento;
• • 800.000 kg de ferro;
• • 50.000 m³ de cascalho;
• • 150.000 m³ de areia;
• • 1.000.000 unidades de tijolos/lajotas;
• • 2.000 m³ de madeiras;
• • 10.000 dúzias de madeira de escoramento;
• • 30.000 m de cabos e fios elétricos;
• • 7.000 m de material hidráulico;
• • 10.000 latas de tinta (entre massa de parede e piso);
• • 3.000 m² de azulejos;
• • 10.000 m de telhas;
• • 240.000 refeições;
• • A obra possui dois poços artesianos sendo: o mais antigo atingindo 127 m de profundidade
e uma vazão/hora de 12 mil litros e o mais recente com 106m de profundidade e vasão/hora 17
mil litros.
• • Com os poços, todo o Grande Templo é servido com água potável em qualquer torneira,
sem que isso represente mais gastos mensais para a igreja.
FUNCIONAMENTO
• O Grande Templo fica aberto todos os dias e tem uma programação todo mês
para comemorar as datas importantes. O culto começa a partir das 14:00 horas,
então o melhor horário para receber turistas e visitantes é das 08:00 as 13:00
horas para que não atrapalhe os cultos e a concentração dos fiéis.
• Programação dos cultos:
• • Segunda-feira e Quarta-feira: Curas e libertações, das 18:00 as 21:00 horas;
• • Terça-feira, Quinta-feira, Sexta-feira e Sábado: Curas e libertações, das
14:00 as 17:00 horas;
• • Domingo: Culto evangelístico, das 19:30 as 21:30 horas.
• Programação dos Eventos:
• • Fevereiro: A Festa da Umadecre (União de Mocidade das Assembléias de Deus de
Cuiabá e Região) é realizada no período do carnaval, onde há estudos bíblicos,
mensagens e culto de avivamento espiritual;
• • Maio e Novembro: Convenção Estadual que reúne os pastores do Estado de Mato
Grosso;
• • Julho: é realizada a Festa da Usadecre (União de Senhoras das Assembléias de Deus
de Cuiabá e Região), onde são realizados estudos bíblicos e conferências. Também neste
período, é feito reuniões para obreiros de Cuiabá. Após as reuniões de obreiros é realizado
a Escola Bíblica com todos os membros e visitantes (sendo eles evangélicos ou não);
• • Agosto: é comemorado o Aniversário do Pastor Presidente Sebastião Rodrigues de
Souza e também de sua esposa Nilda de Paula Souza;
• • Outubro: é realizado o Simpósio de Missões onde reúne todos os missionários.
Também é feito um trabalho com a UCADECRE (União de Crianças das Assembléias de
Deus de Cuiabá e Região) e UNADECRE (União de Adolescentes das Assembléias de Deus
de Cuiabá e Região), onde são realizados o estudo da palavra, histórias bíblicas e o jantar
para encerramento. Neste mesmo mês é comemorada a festa da UNCADECRE (União de
Novos Convertido das Assembléias de Deus de Cuiabá e Região);
• • Dezembro: Durante a passagem do ano e feito orações e a distribuição da Santa
ceia.