Você está na página 1de 16

AS RECEITAS QUE MARCAM

AS GRANDES BALADAS
Aprenda a fazer os Drinks e Coquetéis prestigiados
pelos melhores Barmans

Ebook Grátis
PDF

CHEFE DOS DRINKS BARMAN


Chefe dos Drinks Barman 1
ÍNDICE

• INTRODUÇÃO 2

• BLOODY MARY 3

•COMO FAZER UM BLOODY MARY GOSTOSO DE VERDADE


•BLOODY MARY: RECEITA PARA NINGUÉM BOTAR DEFEITO 4

• PIÑA COLADA 5

•PIÑA COLADA A DELICIA DO CARIBE


6

• MARGARITA DE MELANCIA 7

•DO TEXAS PARA HOLLYWOOD


•O SEGREDO ESTA NO NOME 8

• COQUETEL DE MORANGO SEM ÁLCOOL 9

•DRINKS SEM ÁLCOOL: UMA BOA PEDIDA PARA SEU EVENTO


•SEM RESTRIÇÃO DE IDADE 10

• CHEFE DOS DRINKS BARMAN 11

• CATALOGO DE RECEITAS 12

• 227 RECEITAS DE DRINKS, COQUETÉIS E SHOTS 12

• 100 RECEITAS DE CAIPIRINHA 13

• COMO FAZER CERVEJA EM CASA 14

2
INTRODUÇÃO
Não é clara a origem do coquetel ou drink como conhecemos hoje. A
mistura de bebidas alcoólicas com outros líquidos é feita desde a Grécia
Antiga, quando misturava-se água ou mel ao vinho. O termo em si surgiu na
Inglaterra em 1798 para se referir a alguns tipos de bebidas. Jornais e revistas
estadunidenses também começaram a usar o termo pouco tempo depois
para se referir a misturas alcoólicas.

Por volta de 1860, Jerry Thomas lançou o primeiro livro de receitas de


drinks americano. Nele, um coquetel era uma mistura que continha ao
menos um licor na composição. Algumas das receitas com cocktail no nome
também continham os bíteres como opção de ingrediente para esse tipo de
bebida, o que era inédito até então. Alguns exemplos de coquetéis populares
atualmente são o Manhattan, o Old Fashioned, Bloody Mary e o Sazerac, por
exemplo.

O termo highball apareceu pelo primeira vez durante os anos 1890 para
distinguir um coquetel composto apenas por uma bebida destilada e um
outro ingrediente (suco, refrigerante, açúcar etc.). Outros termos mais
antigos, como ponches, sours, toddies, entre outros, usados para certas
"famílias" de drinques – receitas que compartilham um mesmo tipo de
ingrediente e preparo –, foram incorporados com o tempo ao significado do
termo "coquetel".

Durante a Lei seca nos Estados Unidos (1920–1933), os coquetéis e


drinques se tornaram extremamente populares – misturar destilados a sucos,
xaropes e açúcar se tornou uma prática comum para mascarar a baixa
qualidade das bebidas alcoólicas disponíveis. Os coquetéis eram servidos em
estabelecimentos conhecidos como speakeasy, bares ilegais da época. Os
drinques eram servidos bem doces e preparados de maneira desleixada (sem
se atentar às proporções e doses, por exemplo), o que facilitava a ingestão
rápida – uma consideração importante, já que o local podia ser invadido
pelas autoridades a qualquer momento.

Chefe dos Drinks Barman 2


BLOODY MARY

O lendário Bloody Mary é o mais icônico dos coquetéis. Seus


ingredientes são conhecidos e possuem variações no mundo todo.
O drink é saboroso e, por ser salgado, surpreende os paladares
acostumados a bebidas doces.

INGREDIENTES
o 1 dose de vodka
o 120ml de suco de
tomate
o 1 colher de molho inglês
o 3 gotas de molho
tabasco
o 1 pitada de pimenta
o 1 pitada de sal de aipo
o 1 fatia de limão siciliano
o 1 talo de aipo
o Gelo a gosto

MODO DE PREPARO
1. Encha um copo alto com gelo.
2. Adicione primeiramente a dose de Smirnoff.
3. Acrescente o de suco de tomate.
4. Junte o molho inglês.
5. Adicione as gotas de tabasco.
6. Acrescente uma pitada de sal, pimenta e sal de aipo.
7. Adicione uma fatia de limão siciliano.

Chefe dos Drinks Barman 3


BLOODY MARY

COMO FAZER UM BLOODY MARY GOSTOSO DE VERDADE

Como você pode ver acima, o drink Bloody Mary tem uma preparação
relativamente simples quando você a quebra em etapas. Qual então o segredo
para uma bebida deliciosa? A resposta é simples: os ingredientes.

A maior parte do coquetel Bloody Mary é feita de tomate. Por isso, invista
em um suco de tomate de qualidade. Se possível, faça em casa jogando alguns
tomates maduros no liquidificador ou mixer. Se for comprar, leia com atenção
os rótulos. Prefira os molhos feitos com ingredientes naturais e que não
tenham aditivos químicos.

A vodka também é um ingrediente-chave do drink Bloody Mary. A Smirnoff


Red é uma boa pedida, pois ela é feita com grãos finos e é triplamente
destilada.

BLOODY MARY: RECEITA PARA NINGUÉM BOTAR DEFEITO

Além disso, a qualidade da sua receita de Bloody Mary tem muito a ver com
a maneira como você tempera o suco de tomate. A bebida pode ser tão
picante ou salgada como você preferir. Sinta-se livre para experimentar as
medidas de tabasco e molho inglês para obter os níveis que você gosta.

Outro detalhe é que a receita de Bloody Mary tradicional leva sal de aipo.
Como fazer? Existem duas maneiras, uma com as sementes outra com as
folhas secas. Na primeira versão, moa uma parte de sementes e misture com
duas de sal marinho. Para a outra, asse as folhas em uma forma no forno até
secarem, pique bem e misture com o sal.

Mas... se você não tiver sal de aipo à mão, não tem problema. Utilize sal
grosso. A mesma coisa vale para o limão siciliano, no lugar dele pode ser o
limão Taiti (verde). Já o talo usado para decorar o drink Bloody Mary deve ser
o aipo.

Chefe dos Drinks Barman 4


PIÑA COLADA

Piña Colada, a queridinha latina. Com histórias de sua origem


bem incertas há os que dizem que nasceu de uma falta de
ingrediente de um outro coquetel o Coco-Loco que era servido
dentro do Coco, como seu nome mesmo diz.

INGREDIENTES
o 3 garrafas de suco de
abacaxi concentrado
o (1,5 litro no total)
o 600 ml de rum (ou a
gosto)
o 2 latas de leite
condensado
o 600 ml de leite de coco
o 200 g de creme de leite

MODO DE PREPARO
Misture bem todos os ingredientes. Sirva bem gelada. Claro que o suco de
abacaxi de garrafa pode ser substituído por suco fresco. Bata o abacaxi no
liquidificador com pouca água, peneire e use. A quantidade de suco pode
variar dependendo da concentração do suco e acidez do abacaxi. Use a gosto.

Se preferir sua pina colada menos doce, adicione o leite condensado a


gosto. Servida dentro do próprio abacaxi em dias quentes.
Chefe dos Drinks Barman 5
PIÑA COLADA

PIÑA COLADA A DELICIA DO CARIBE

Uma das bebidas mais famosas do mundo, a Piña Colada é sempre uma
pedida certa. Tendo o abacaxi como base (podemos traduzir o nome da
bebida como abacaxi espremido), o segredo desse cocktail é a mistura perfeita
entre seus ingredientes.

O criador da Piña Colada é Ramón “Monchito” Marrero, então barman do


Hotel Caribe, em Porto Rico. Em 1954 ele recebeu a missão de criar uma
bebida exclusiva para atender ao público do hotel, formado pela nata da high
society mundial.

Pela versão oficial, ele se aproveitou do fato de que o leite de coco tinha
acabado de ser criado na Universidade de Porto Rico para usar o ingrediente
no drink. Segundo a versão oficial, foram três meses de trabalho até Monchito
chegar no mix perfeito.

Inclusive, quem visita o hotel, pode ver a placa atestando que o drink foi
criado lá. Há outras versões sobre a origem da bebida também. Um
restaurante porto-riquenho garante que a autoria do refrescante drink latino é
deles. A bebida se popularizou na década de 70, com a Piña Colada Song. E
essa mistura de sabores incrível, cheia de latinidade te .

Chefe dos Drinks Barman 6


MARGARITA DE MELANCIA

Sexta-feira chegou! Depois do trabalho ou de um dia na praia é hora de


colocar os pés para cima, olhar o sol se por e relaxar. A Margarita é o drink
perfeito para esse final de semana.

INGREDIENTES
o 1/2 xícara de Tequila
o 4 colheres de sopa de
Cointreau (licor de
laranja)
o 1 limão
o gelo
o 1 xícara de pedaços de
melancia socados com o
socador de caipirinha
para fazer suco
o 1 colher de sopa de sal
misturada com uma
colher de sopa de chilli
em pó espalhados num
pires para decorar a
borda da taça

MODO DE PREPARO
Utilize a metade do limão para umedecer a borda de uma taça de Martini.
Passe a borda da taça no pires com sal ou sal e chilli para deixar uma camada
na borda. Reserve a taça.

Numa coqueteleira coloque 8 cubos de gelo. Agregue a tequila, o Cointreau


e a melancia macerada. Feche a coqueteleira e agite por 15 segundos para
que fique bem gelada. Coe e sirva na taça.

Chefe dos Drinks Barman 7


MARGARITA DE MELANCIA

DO TEXAS PARA HOLLYWOOD

A origem da Margarita não tem uma única versão, mas a história mais
conhecida é que em 1948, Margarita Sames, uma famosa socialite de Dallas
deu uma festa de Natal na sua casa de verão em Acapulco no México.

Margarita adorava preparar drinks para seus convidados. Naquela noite ela
misturou tequila, cointreau e suco de limão. O resultado foi um sucesso e
logo se espalhou pelo Texas e depois Hollywood onde o drink ficou conhecido
como Margarita. Nossa versão é mais tropical com melancia e manjericão.

O SEGREDO ESTA NO NOME

A tradução atual de espanhol para inglês da palavra Margarita é Daisy.


Portanto, encontrar o elemento exato de inspiração para a receita pode ser
complicado (como acontece com a maioria dos coquetéis), podemos citar a
categoria de coquetéis com delicadeza floral – uma combinação de bebida,
azedo e doce (neste caso o licor de laranja), além de um pouco gaseificado
na forma de club soda.

“Eu realmente acho que Margarita significa” Daisy “- um tipo de bebida”, diz
Ivy Mix, um barman e co-proprietário da Leyenda em Brooklyn, N.Y. “E eu
acho que esse tipo de bebida é feita com licor de laranja.”

Chefe dos Drinks Barman 8


COQUETEL DE MORANGO SEM ÁLCOOL

Bebeu demais no feriado? Final de semana prolongado, agora tudo gira e


você não sabe o que fazer? Seus problemas acabaram. Essa receita de
coquetel de morango é o drink sem álcool certo pra te botar no eixo.

INGREDIENTES
o 4 latas de leite
condensado
o 4 caixinhas de morango
o 8 xícaras (chá) de água
com gás ou refrigerante
de guaraná
o gelo picado

MODO DE PREPARO
1. Bata os morangos no liquidificador e coe
2. Volte ao liquidificador e bata com o leite condensado
3. Em um copo misture a batida (com uma colher) com a água com gás e o
gelo. *Se bater a água com gás no liquidificador ela perderá boa parte do gás

Decore com um morango e calda de sorvete do mesmo sabor. Mas não


exagere, pode ficar doce demais.

Se achar muito doce, pode trocar o guaraná por água.


Chefe dos Drinks Barman 9
COQUETEL DE MORANGO SEM ÁLCOOL

DRINKS SEM ÁLCOOL: UMA BOA PEDIDA PARA SEU EVENTO

Coquetel sem álcool não é sinônimo de caretice e muito menos de drink


sem graça.

Apesar das bebidas alcoólicas fazerem parte da maioria das celebrações,


sempre haverá pessoas que preferem evitar o álcool em eventos. Às vezes
por conta de serem festas ligadas ao trabalho, ou mesmo por terem que
voltar para casa dirigindo. Sabendo disso, é interessante que os eventos
ofereçam, também, drinks sem álcool aos convidados.

É fundamental permitir a diversão e uns bons drinks sem álcool ás vezes


não faz mal a ninguém. Você deve escolher o momento certo para essas
exceções. Pode ter certeza que se deliciar com uns drinks sem álcool em uma
festa especial ou em uma reunião com os amigos pode estimular ainda mais
a busca pelo objetivo.

SEM RESTRIÇÃO DE IDADE

Os drinks sem álcool podem ser degustados por todas as idades. É


importante apresentar variedades também para adolescentes e idosos que
precisam manter o equilíbrio em sua alimentação. Os drinks podem ser
consumidos sem qualquer preocupação, pois são livres de qualquer bebida
alcoólica e feitos da forma mais natural possível.

Chefe dos Drinks Barman 10


CHEFE DOS DRINKS BARMAN

Com produção executiva de Chefe dos Drinks Barman, o livro Drinks e


Coquetéis lendários é oferecido gratuitamente em seu formato digital. Sua
venda e distribuição por terceiros é expressamente proibida. Seu uso é
totalmente voltado ao público adulto, pois não incentivamos o consumo de
álcool por menores de idade.
As receitas aqui apresentadas refletem as necessidades originais de cada
drink ou coquetel, porem seus ingredientes poder ser adaptados para se
assemelhar ao original.
As imagens do livro são de caráter ilustrativo.

SIGA NOSSA REDES SOCIAIS:

chefe_dos_drinks

chefe.dos.drinks.barman

chefe_dos

IMPULSIONE SEU NEGÓCIO. CONFIRA NOSSO NA CATÁLOGO


DE BEBIDAS NA PRÓXIMA PÁGINA.

Chefe dos Drinks Barman 11


CLIQUE NAS CAPAS

227 Receitas de Drinks, coquetéis


e shots

Nesses 6 ebooks que vamos te


mandar você fará os melhores drinks
que existe no mundo todo .

Você sabia que drinks não servem


só para te deixar bêbado? Existem
diversos tipos cada um com uma
finalidade, como os digestivos,
aperitivos e refrescantes.

A coquetelaria está em constante evolução: a cada


dia, surgem novas técnicas de preparo, novos tipos de
drinks, e, com isso, novas classificações.
Nesses 6 ebooks vamos explicar de forma rápida e
didática os principais tipos de coquetéis, de acordo
com suas classificações: modo de preparo, volume e
tipo de bebida, finalidade, além dos principais grupos
clássicos.
Se você está começando nessa arte deliciosa e
complexa (ou está precisando alavancar os negócios),
obtenha esse excelente produto!

12
CLIQUE NAS CAPAS

100 Receitas de Caipirinha

Com os mais variados sabores da


tão famosa caipirinha brasileira, você
irá aprender a fazer caipirinha,
Caipilé, (Mistura de Caipirinha com
Picolé) Caipiroska, caipivodka, com
106 paginas de pura informação para
os amantes desta maravilhosa
bebida, seja um profissional no
assunto.!

Com uma das mais marcantes expressões da


cultura brasileira, a Cachaça, é feito um dos
coquetéis mais consumidos no Brasil e no mundo.

Você está pensando em vender bebidas próximos


de festas ou tem um bar e quer aumentar o
cardápio? Saiba que está no lugar certo.
Neste ebook de receitas exclusivo, você
aprenderá como fazer várias caipirinha para vender.

13
CLIQUE NAS CAPAS

Como Fazer Cerveja Em Casa


Se você chegou até aqui, deve
estar se perguntando: é possível
fazer cerveja em casa? A resposta é
sim!

Fazer sua própria cerveja é um


hobby cheio de cultura, você estará
sempre em busca de novos
conhecimentos, vai ampliar seus
assuntos, é viciante!

E a melhor parte: se você se dedicar o bastante,


pode transformar o seu hobby em uma marca e
ganhar dinheiro com isso!
E aí, o que acha? Você se encaixa no perfil? Então
vem comigo!
Com este manual de como Fazer Cerveja Em Casa
você aprenderá tudo que precisa para iniciar e ter
sucesso no mercado de cervejaria e o melhor de tudo
que você pode iniciar no conforto de sua casa e
desfrutar de ótimas cervejas criadas por você
mesmo!

14