Você está na página 1de 69

Renascimento

O voltar a nascer da
cultura Greco-Romana
Renascença ou Renascentismo são os termos
usados para identificar o período da História da
Europa entre fins do século XIV e meados do
século XVI. Este tempo foi marcado por
transformações em muitas áreas da vida
humana, que assinalam o final da Idade Média e
o início da Idade Moderna.
Tem este nome porque é uma época em que se
redescobre, revaloriza, renasce (volta a nascer)
das culturas clássicas.
Localização Espacial:
Cidades Italianas,
Países
Baixos e reinos
alemães

Localização
Temporal:
Século XV e XVI
Porquê em Itália?

• Vestígios da
Antiguidade Clássica:
monumentos, ruínas,
obras de arte, livros…
O Coliseu de Roma, uma fonte de inspiração para
os artistas do Renascimento.
Porquê em Itália?

• Algumas cidades italianas


eram muito ricas;

• Os seus governantes, laicos e


eclesiásticos, apoiavam as
artes (mecenas).

O Papa Júlio II foi um grande


mecenas em Roma.
Classicismo
Clássico
Gosto, estudo e apreciar da Cultura Clássica (Greco-Romana). Esta vai ser a inspiração e a
base de toda a criação artística e intelectual do Renascimento.

Classicismo – Os Homens do Renascimento ficaram fascinados com os


autores clássicos greco-romanos. Por isso, leram, interpretaram, traduziram,
pintaram, imitaram tudo o que eles fizeram. Frase inspiradora: aprende
com os melhores e torna-te melhor do que eles.
Renascimento
Idade Média

Apoiantes da Idade Média

Gregas e romanas

Gregos e romanos
Pensadores gregos e romanos

Grecia e Roma são os melhores exemplos de conhecimento e sabedoria


Humanismo

homem
• Valorização do ser humano
e de todas as suas
capacidades. Normalmente
está ligado a uma
renovação literária. A
invenção da imprensa vai
dar um contributo essencial
para a divulgação das obras
dos humanistas. Erasmo de Roterdão, um
dos maiores humanistas
do Renascimento.
Os Humanistas eram

• Aqueles que liam e


analisavam os textos dos
autores antigos;
• Valorizavam as capacidades
humanas;
• Acreditavam que o Homem
era capaz de fazer tudo;
• Utilizavam a crítica para
corrigir e mudar a
sociedade, a religião e a
política.
• Os humanistas tiveram mais
importância/reconheciment
o devido à invenção da
Imprensa Erasmo de Roterdão, um
dos maiores humanistas
do Renascimento.
Roterdão William Shakespeare

Principal humanista
Porque é que a invenção de Johannes
Gutenberg foi importante?
• Os livros ficaram muito mais
baratos (antes os livros eram
muito caros)
• Puderam-se fazer mais livros
porque este modo de
produção era muito mais
rápido do que na Idade Média,
em que eram feitos pelas
mãos dos monges);
• Houve uma democratização da
cultura porque Mais pessoas
tiveram acesso aos livros e aos
seus conteúdos .
• Possibilitou a divulgação das
obras/ideias dos humanistas e
dos artistas da época
Espírito Crítico

Espírito Crítico - crítica


O homem questiona tudo o que lhe é dito, analisa, crítica, para depois
formar a sua opinião. Reflexão crítica sobre tudo mas principalmente à
sociedade em que viviam.
Exemplo – O mundo é retangular – Porquê? provas
Individualismo

Eu cá sou bom
Defesa do mérito pessoal e a afirmação da vontade individual (retratos,
autoretratos, começam assinar-se as obras de arte). Muitas vezes este
aspecto está ligado à vaidade.
Com quem é que ele é parecido?
O conceito de Mecenato está muito
ligado a esta característica.

Mecenas – pessoa que


protege e incentiva a
cultura e as Artes (paga
a pessoas para
realizarem obras de
arte).
Antropocentrismo

O ser humano passa a estar no centro do mundo. O


Homem passa a estar no centro dos interesses e
preocupações dos renascentistas.
Naturalismo

NATURALISMO - natureza
Gosto e observação da natureza e de todos os fenómenos naturais. Valorização da
Natureza e para este aspecto vai contribuir muito os Descobrimentos e as suas
descobertas.
A natureza é tão espetacular que em qualquer parte dela, as pessoas encontram sempre algo
para aprender. Nunca o homem inventará nada mais simples nem mais belo do que uma
manifestação da natureza.
Leonardo Da Vinci
A sabedoria
da natureza é
tal que não
produz nada
supérfluo e
de inútil. -
Copérnico
Naturalismo

Classicismo

Individualismo
Experimentalismo
EXPERIMENTALISMO - experiência
A experiência passa a ser a única forma de comprovar a
veracidade de tudo. Esta vai ser a base do método
científico (observação/experiência). Grande
desenvolvimento das ciências.
Todas as ciências que não nascem da experimentação estão cheias de erros pois a
experiência é a mãe de todo o conhecimento. Leonardo Da Vinci
Ciência
O experimentalismo e o naturalismo
estão muito relacionados com o
desenvolvimento da ciência

• Medicina – dissecação de
cadáveres (André Vesálio).
• Geografia – a representação
do mundo em mapas torna-
se mais completa e exacta.
• Ciências da Natureza –
conhecimento de novas
plantas, novos animais, etc.

Página da obra de André Vesálio,


De Humani Corporis Fabrica.
Comparação

• Teocentrismo Antropocentrismo

Deus no Centro de Homem no


todos os interesses centro de todos
os interesses
O homem ideal

Homem completo com


muitos interesses – Música,
Cavaleiro, Homem corajoso
arte, literatura, línguas
O autor

O autor das obras de Valorização do autor


arte são anónimas através da assinatura
Os livros

Imprensa
Feitos à mão
Ciência

Teórica Experimentalismo
Ciência

Geocentrismo Heliocentrismo
Ensino

O aluno questiona o que


Ensino teórico em que o aprende e chega às suas
aluno repete o que próprias opiniões – Espírito
aprende - Escolástica crítico
H..
I….
C
A Imp foi
importante

E Renascimento E
Período…

N..
A
A Imp foi
importante
Classicismo -Gosto, estudo Humanismo -Valorização Individualismo Defesa do mérito
e apreciar da Cultura do ser humano e de todas pessoal e a afirmação da
Clássica (Greco-Romana). as suas capacidades. vontade individual
Esta vai ser a inspiração e a Normalmente está ligado a Mecenato atividade em que
base de toda a criação uma renovação literária alguém protege e incentiva a
artística e intelectual do A Imprensa foi cultura e as Artes (paga a
Renascimento. importante porque fazia pessoas para realizarem obras de
livros + baratos; + rápidos e arte).
em maiores quantidades Espirito crítico -O
homem questiona
Experimentalismo A
experiência passa a ser a
Renascimento tudo o que lhe é dito,
analisa, crítica, para
única forma de Período da História entre fins do século XIV e
meados do século XVI. depois formar a sua
comprovar a veracidade Tem este nome porque é uma época em que se opinião. Reflexão
de tudo. Esta vai ser a redescobre, revaloriza, renasce (volta a nascer) crítica sobre tudo mas
base do método das culturas clássicas.
principalmente à
científico Naturalisno Gosto e sociedade em que
(observação/experiência observação da viviam.
). natureza e de todos
Avanços na Geografia, os fenómenos
Medicina Antropocentrismo O Homem
naturais. Valorização passa a estar no centro dos
Astronomia da Natureza interesses e preocupações
dos renascentistas.
FIM

Power Point realizado por:


Alcino Raposo