Você está na página 1de 17

SEGURANÇA PARA

TRABALHOS EM ALTURA

–1
SEGURANÇA PARA TRABALHOS EM ALTURA

 Introdução
 Definição
 Riscos
 Medidas de controle
 Responsabilidades
 Operações de resgate
 Treinamento
SEGURANÇA PARA TRABALHOS EM ALTURA

 INTRODUÇÃO
• Análise de casos e dados estatísticos
• Exemplos de trabalhos em altura
• Montagem de andaimes, manutenção de fornos e
caldeiras, etc...
• Razões típicas para trabalhos em altura
• Serviços de montagem, inspeção, manutenção,
resgate.

–3
TRABALHOS EM ALTURA

 DEFINIÇÃO
• Trabalhos realizados em locais elevados, que
apresentam diferença de nível e risco de
queda aos trabalhadores.

–4
TRABALHOS EM ALTURA
 PRINCIPAIS ÁREAS COM GRANDE RISCO DE QUEDA
TELHADOS FACHADAS ESCADAS ANDAIMES
MOVEIS SUSPENSOS
Coberturas - Rampas Silos / Reservatórios Plataformas Móveis Coletivo / Individual

–5
TRABALHOS EM ALTURA
 PRINCIPAIS ÁREAS COM GRANDE RISCO DE QUEDA
ESCADAS ÁREAS BEIRAIS ANCORAGEM
FIXAS CONFINADAS CRÍTICA

Torres / Chaminés Galerias / Tanques Pontes-rolantes / Sacadas

–6
TRABALHOS EM ALTURA
 PRINCIPAIS ÁREAS COM GRANDE RISCO DE QUEDA
CONSTRUÇÕES DUPLA ÁREA DE CARGA PLATAFORMAS
METALICAS MOVIMENTAÇÃO

Horizontal / Vertical Caminhões / Vagões Indústria Petroquímica

–7
SEGURANÇA PARA TRABALHOS EM ALTURA

 RISCOS
• Uso de escadas
• Andaimes
• Espaços confinados
• Diferença de nível
• Acidente pessoal/Queda

–8
SEGURANÇA PARA TRABALHOS EM ALTURA

 MEDIDAS DE CONTROLE
• Reconhecimento dos riscos
• Planejamento(APR)
• Procedimentos
• Controle médico
• Registros
• EPI’s
• Treinamento

–9
 EXEMPLOS DE ÁREAS COM GRANDE RISCO DE QUEDA E
PRINCIPAIS EQUIPAMENTOS E ACESSÓRIOS PARA
PROTEÇÃO DO TRABALHADOR

Cadeira Manual

Cadeira Motorizada
Trava-queda para cabo de
aço ou corda
Trava-queda para trilho
inox
Trava-queda retrátil para
áreas de carga, telhados e
andaimes

–10
 EXEMPLOS DE ÁREAS COM GRANDE RISCO DE QUEDA E
PRINCIPAIS EQUIPAMENTOS E ACESSÓRIOS PARA
PROTEÇÃO DO TRABALHADOR

Escadas para telhados


Equipamentos manuais para
Áreas confinadas
Equipamentos motorizados
Para áreas confinadas
Sistemas de Segurança para
movimentação horizontal
Cinturões de segurança e
acessórios para ancoragem

–11
SEGURANÇA PARA TRABALHOS EM ALTURA

 SUBSTITUIÇÃO DO EQUIPAMENTO
• Rachaduras, cortes, deformações na lona, couro
ou nylon do cinto, talabarte ou suspensório

• Deformação, trinca, oxidação acentuada nas


ferragens.
• Defeito ou enfraquecimento das molas
(acessórios)
• Rompimento dos fios da corda de nylon

–12
SEGURANÇA PARA TRABALHOS EM ALTURA

 MANUTENÇÃO

• Costuras rompidas
• Início de corrosão nas ferragens

–13
SEGURANÇA PARA TRABALHOS EM ALTURA

 RESPONSABILIDADES
• Empregador
• Empregado
• Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e
Medicina do Trabalho

• CIPA
• Órgãos Públicos

–14
SEGURANÇA PARA TRABALHOS EM ALTURA

 OPERAÇÃO RESGATE

• Equipes de emergência cientes do serviço


• Sistemas de resgate disponíveis
• Sistema de comunicação eficiente, conhecido
• Equipes treinadas
• Reconhecer os riscos
• Comunicar irregularidades
• Parar o serviço

–15
SEGURANÇA PARA TRABALHOS EM ALTURA

 TREINAMENTOS

• O que é treinar?
• Regras de segurança.
• Uso de Equipamentos.
• Responsabilidades.
• Procedimentos.
• Comunicação.
• Simulados.
• Reconhecimentos dos riscos Presentes.
–16
SEGURANÇA PARA TRABALHOS EM
ALTURA

Quanto tempo treinar?

Muito e sempre!!!!!!

–17