Você está na página 1de 13

Avaliação inicial da vitima e

prioridades no atendimento
Relembrando....
 Avaliação do local;

 Tomar medidas de proteção;


 Manter a calma;
 Afastar curiosos.
Abordagem inicial
 Visa identificar e manejar situações de
ameaça a vida;
 Priorizar o atendimento conforme o risco;
 Aproximar-se da vítima pelo lado para o
qual a face da mesma está voltada,
garantindo-lhe o controle cervical;
 Observar se a vítima está consciente e
respirando.
Abordagem inicial
 Tocando o ombro da vítima do lado
oposto ao da abordagem, apresente-se,
acalme-a e pergunte o que aconteceu
com ela, uma resposta adequada permite
esclarecer que a vítima está consciente,
que as vias aéreas estão permeáveis e
que respira;
 Caso não haja resposta, estimule a vitima
tátil e verbalmente
 ANÁLISE PRIMÁRIA
 problemas que colocam a vida do
paciente em risco iminente,
 determinando a gravidade de suas
lesões e tratar esses problemas tão
rápido quanto possível
 XABCDE
XABCDE
Em 1976, ao sofrer um acidente com sua
família, o cirurgião ortopédico Jim Styner
pôde perceber as fragilidades dos cuidados
em primeiros socorros de vítimas de
traumas. Depois dessa experiência, o
médico desenvolveu o protocolo ABCDE do
trauma, que passou a ser empregado em
diversas regiões do mundo a partir de
1978.
O QUE É O ABCDE DO TRAUMA?

O XABCDE é um mnemônico que


padroniza o atendimento inicial ao
paciente politraumatizado e define
prioridades na abordagem ao trauma, no
sentido de padronizar o atendimento.
O QUE É O ABCDE DO TRAUMA?

Ele foi pensado para identificar lesões


potencialmente fatais ao indivíduo, e é
aplicável a todos as vítimas com quadro
crítico, independentemente da idade. O
protocolo tem como principal objetivo
reduzir índices de mortalidade e morbidade
em vítimas de qualquer tipo de trauma.
 
O QUE É O ABCDE DO TRAUMA?
 Mudança (a entrada do X):
 
A famosa sequencia do trauma "abcde" ganhou
na 9ª edição do PHTLS 2018, no capítulo 6 ,
mais uma letra. O "x' de hemorragia
exsanguinante ou seja hemorragia externa
grave.
Quais são as etapas?

 A de airway (ou via aérea)Vias aéreas e


controle da coluna cervical. Nessa primeira fase
do atendimento deve checar se o paciente está
com as vias aéreas desobstruídas.
 B de breathing (ou respiração)Respiração e
ventilação. Depois de garantir a permeabilidade
das vias respiratórias, é preciso aferir se o
cidadão está, de fato, respirando bem.
 C de circulation (ou circulação) Circulação com
controle de hemorragia, impedir que a vítima entre em
quadros como a hipovolemia. São aferidos o nível de
consciência, a coloração da pele, a frequência e a
amplitude do pulso.

 D de disability ou (ou incapacidade) Uma avaliação


primária do nível de consciência da vítima. Método AVDI:
Alerta, resposta a estímulo Verbal, resposta a estímulo
Doloroso ou inconsciente aos estímulos.
 E de exposure (ou exposição) Exposição com
controle da hipotermia.
 
 (X) – Exsanguinação Contenção de hemorragia
externa grave, a abordagem a esta, deve ser
antes mesmo do manejo das vias aérea uma vez
que, epidem iologicamente, apesar da obstrução
de vias aéreas ser responsável pelos óbitos em
um curto período de tempo, o que mais mata no
trauma são as hemorragias graves.